quarta-feira, 16 de março de 2016

PRÁ PENSAR


" Ninguém pode me condenar como faziam no passado, dizendo que eu só criticava e nunca me oferecia. Tentei ser útil à nação. Ofereci meus serviços. Não deu certo. Paciência. O povo não quis. Perdi por ser franco. Aprendi que política é a arte de falar o que não se pensa. Fiquei com minha dignidade. Posso olhar para os meus filhos de frente. Sem ter vergonha. Não menti, não iludi e não enganei.
O único político que sobrevive no Brasil é o que trabalha 24 horas por dia para a sua reeleição, aquele que pensa em si mesmo em regime de tempo integral. Amar o Brasil é coisa secundária. Por favor, me interne no Instituto Pinel caso eu venha a falar novamente em participar na vida política ou me envolver com algum partido político. "

Dr. Antônio Ermírio de Moraes 
 

Nenhum comentário: