sexta-feira, 10 de julho de 2020

HABEMUS MINISTRO


Já foi publicado no Diário Oficial (o que não é muito garantido), que o Ministro da Educação é o Pastor Presbiteriano, Doutor em Educação, Mestre em Direito, Bacharel em Teologia, Milton Ribeiro.

Nascido em Santos e com 52 anos. Pastor da Igreja Presbiteriana Jardim de Oração, em Santos. Ex-Vice Reitor da Universidade Mackenzie.

Não por essa razão, mas por méritos próprios, podemos acreditar estar definido o nome do novo Reitor da nossa Escola.

Sinceramente, creio que agora vai.

Aguardamos a substituições dos ministros de Relações Exteriores e o do Meio Ambiente.

Viver é Perigoso     

4 comentários:

Anônimo disse...

As pessoas esperançosas ainda não precisam começar a se desesperar.

Anônimo disse...

Senhor Doutor Zela Dor!!!

O vereador presbiteriano Molina já deve ter mandado costurar o terno da posse!!!

Anônimo disse...

Se o governo tivesse um pouquinho de pudor os ministros citados já teriam sido postos pra correr pois nos envergonham perante a comunidade nacional e internacional. Mas com certeza não agem sem ordens. O Brasil sempre foi respeitado lá fora por causa da sua diplomacia e participação/protagonismo em organismos multilaterais independente dos governos. Para citar apenas 2 nomes dentre inúmeros destaques, Roberto Azevedo na OMC e o inesquecível e incomparável Sérgio Bandeira de Melo. Quanto ao Meio Ambiente o TRANCO que levamos agora dos investidores internacionais trilionários e de pesos pesados do empresariado nacional diz tudo. O vice Mourão teve que se virar na retórica para achar justificativas. Ninguém deles quer ouvir falar e dialogar com o tal Ricardo Sales. Nem com o Presidente. Querem metas e resultados. Tremenda burrice de um ano e meio na área. Precisava ser assim?

Edson Riera disse...

Posse

Segundo comentários, deverá ser o Vice.

Zelador