sexta-feira, 14 de abril de 2017

PRÁ NÃO DIZER QUE NÃO FALEI DE FLORES


Deu no jornal O Tempo, de Belo Horizonte.

O Magazine Luiza comprou uma startup de e-commerce de Itajubá, no Sul de Minas, e a transformou em uma das bases da plataforma de marketplace.

A Integra Commerce já funcionava a todo vapor, integrando lojistas e marketplaces de todo o Brasil. O diretor executivo de tecnologia do Magazine Luiza, André Fatala, conta que a aquisição faz parte de uma estratégia para fortalecer a atuação no comércio eletrônico:

“Nós sempre acompanhamos o mercado e, quando conhecemos a Integra, que já operava a integração de 200 lojistas, percebemos que ela poderia acelerar a entrada de novos lojistas para o nosso marketplace. Já temos dois laboratórios de tecnologia em São Paulo e em Franca, no interior do Estado, então decidimos essa operação em Itajubá, que nos chamou muito a atenção pelo polo de tecnologia e a presença de uma universidade de ciência da computação, o que facilita a formação de mão de obra. A Integra passou a se chamar Luiza Lab. A ideia é manter a operação da forma como ela já acontecia, inclusive com o quadro de funcionários, que hoje é de 24 pessoas. “Todos os empregados são da própria região e o fundador, Carlos Eduardo Alves, assumiu o cargo de diretor de marketplace do Magazine Luiza”.

Viver é Perigoso

Nenhum comentário: