sexta-feira, 11 de março de 2016

A INFORMAÇÃO


Bem desenvolto perante as câmeras, o responsável pelo trânsito na cidade, o Sr. Renato Moraes. Tem feito um bom trabalho e é sincero. Outro dia, numa entrevista admitiu que estava colocando em prática o projeto contratado pela administração do Dr. Jorge. Normal e obvio, mas um sacrilégio para os chefes, que não reconhecem nada de interessante feito em administrações anteriores, exceto a do Sr. BPS.
O Renato está no Facebook respondendo questionamentos diversos sobre o trânsito. Como a gente não está acostumado, até se assusta.
Talvez, sem querer querendo, ele atiça os internautas perguntando se gostariam de saber onde a prefeitura está investindo os mais de R$180 Mil  arrecadados, até então, com o Estacionamento Rotativo.
Como dizem na Boa Vista, é claro, as tais zonas azul e verde, pelo número apresentado, se revelam um negocião. 
Foi publicado anteriormente que a PMI ficaria com 30% da arrecadação. Assim sendo, a empresa exploradora do estacionamento rotativo deve ter levado no mínimo, R$ 420.000,00. Bolada recolhida em dois ou três meses de funcionamento. E reparem: Aos trancos e barrancos.
Ah! segundo o transparente Renato, a parcela do município será investida na sinalização do trânsito. Foi contratada a empresa, também de Contagem, Transinal, especialista na área.
Não ficou esclarecido se a parcela de eventuais multas aplicadas estaria inclusa no valor mencionado e claro, o valor do ISS - Imposto Sobre Serviços em cima dos R$ 420 mil.
Custava publicar um balanço sobre o Estacionamento Rotativo ?
A Câmara Municipal poderia...ah! deixa para lá !

Viver é Perigoso

4 comentários:

Anônimo disse...

Realmente os números são de impressionar dentro de uma baita crise. Verdade Zé lador implantação aos trancos e barrancos. Tá ficando boa a sinalização. Publicar balanço significa transparência coisa impensável nos dias atuais.

Edson Riera disse...

Anônimo das 08:25 horas,

Nada como a luz do sol. Ainda é o melhor detergente.

Zelador

JORNALOSULDEMINAS disse...

Todo número lançado ao vento, sem a devida comprovação é ilusório. Crer na informação do valor arrecadado é prematuro. Bem lembrado pelo zelador a situação do recolhimento dos impostos. Seria prudente demonstrar a planilha de arrecadação. Antes disso, tudo é ilusão, tudo é motivo de dúvidas. No aguardo ....

Edson Riera disse...

Jornal O Sul de Minas,

A implantação de estacionamento rotativo no centro comercial era antiga reivindicação de todos. Comerciantes e usuários. Um simples sistema de Zona Azul (não expandido), gerenciado pela própria PMI. Lamentavelmente, tornou-se um projeto capenga e mal iluminado (figurativamente). A fatia da empresa exploradora é leonina. Grande parte dos investimentos, inclusive a participação da Guarda Municipal é responsabilidade da própria PMI.
Melhor seria o rompimento com a empresa e começar tudo de novo. Às claras.

Zelador