terça-feira, 8 de junho de 2021

CLARIN DA BOA VISTA - ARTE


O artista italiano Salvatore Garau vendeu uma "escultura invisível" em um leilão online por 15 mil euros (cerca de R$ 92,1 mil). 

A "obra" Io Sono, vendida pelo Art-Rite de Milão, só existe na cabeça do artista e o comprador apenas levou um certificado de aquisição e a indicação de que a "peça" deve ficar em um espaço de 1,5m x 1,5m.

Após a repercussão polêmica tanto no mundo da arte como no dos leilões, Garau defendeu que se sente "como David contra Golias" ao fazer a arte do "vazio".

"Eu queria entender porque o mundo da arte, e não apenas, ficou escandalizado pela venda em leilão de uma das minhas esculturas invisíveis e porque a operação teve tantas discussões. Sinceramente, acho uma cifra irrisória. Talvez 15 mil euros pelo vazio tem um peso superior a diversos milhões de euros por um cheio", disse ao portal italiano "Arte Magazine".

Garau tem a meta de "criar" sete obras invisíveis e "inaugurou" a terceira delas em Nova York. O artista quer levar sua arte par mais cidades do mundo.

Blog: Sei não...

Viver é Perigoso

2 comentários:

Anônimo disse...

Chocou.
É arte.

Me lembra uma frase antiga: qualquer idiota pinta um quadro. Só um gênio vende.
Abs

Anônimo disse...

Qualquer idiota pinta um quadro.
Só um rico ou bobo compra.
Kkkkk