sexta-feira, 8 de janeiro de 2021

POR POUCO

                                             Ponte que ligava Minas Gerais e São Paulo  

Fiquei sabendo que quase casei com uma paulista. A Sonia morava no bairro da Avenida.

Explico:

No dia 12 de outubro de de 1765, portanto, há exatamente 256 anos, o Vice-Rei Conde da Cunha, acompanhado por diversas autoridades, assinou um "Termo", segundo o qual toda a região da margem esquerda do Rio Sapucaí se anexaria à Província de São Paulo. Mais tarde, por decisão do próprio Conde da Cunha, foi cancelado.

Por pouco, ou por muito, Os bairros de São Sebastião, N.S. de Fátima, Avenida e tantos outros, situados na margem esquerda do Sapucaí, pertenceriam ao Estado de São Paulo.

A Boa Vista, é claro, não saiu de Minas Gerais, sequer nos "Termos" ou "Assentos".

Sem o cancelamento do Termo, hoje o pessoal da margem esquerda teria a vacina já garantida.

Em tempo, António Álvares da Cunha, nascido em Lisboa em 1700, foi um administrador colonial português. O título de Conde da Cunha foi-lhe dado de juro e herdade por D. José por carta de 14 de Março de 1760. Foi o primeiro vice-rei do Brasil a ter sede no Rio de Janeiro (antes era em Salvador).

Viver é Perigoso

Nenhum comentário: