sexta-feira, 20 de dezembro de 2019

PAPAI NOEL


O empresário Marcelo Odebrecht, 51, foi demitido da Odebrecht S.A. nesta sexta-feira (20). A ordem para a demissão partiu de seu próprio pai, Emílio.

Marcelo era contratado no regime CLT e recebia salário de R$ 115 mil. Desde que foi preso, em 2015, no entanto, ele havia sido afastado, mas teve a remuneração mensal mantida.

Com a demissão desta sexta-feira (20), Marcelo perde motorista, segurança, secretária, assessor de imprensa e advogado, que eram pagos pela empresa.

O empresário mantém a sua condição de sócio minoritário, com 2,79% da Odebrecht.

Marcelo Odebrecht vinha aparecendo, vez por outra, na empresa. O pai Emílio Odebrecht pôs fim às visitas. Na última segunda-feira (16) Marcelo Odebrecht foi barrado na portaria da companhia. O Sr, Emílio, também determinou que todos os funcionários ligados ao filho fossem desligados da companhia.

Blog: E vem o destrambelhado ministro Tóffoli dizer que a culpa desse desmonte é a Lava Jato. 

Viver é Perigoso 

Nenhum comentário: