quarta-feira, 19 de junho de 2019

RETRATO DO BRASIL


De passagem, assisti um trecho da participação voluntária do Ministro Sergio Moro na sessão da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania do Senado Federal.

Lamentavelmente, coincidiu com as participações do Renan Calheiros e do Jaques Wagner.

Estranho e revoltante presenciar duas figuras carimbadas do baixo mundo da política questionando o Juiz que comandou a maior operação contra a corrupção acontecida no planeta, e a confirmar no futuro, acontecida em todo o sistema solar.

Ambos carregam caminhões de denúncias de corrupção nas costas. Continuamos acreditando ser questão de tempo.

Aparentemente, os senhores políticos se mostraram assustados. Estão desacostumados a lidar com quem não precisa mentir e nem ter cuidado com declarações feitas em palanques no passado.

Simples: É é. Não é não é. Foi foi, não foi não foi.

Pelo menos enquanto assisti (foi pouco e foi muito), não foi  alegada a inocência de nenhum dos condenados. Apenas comentários sobre supostos inconvenientes (?) durante conversas gravadas ilegalmente, é claro, entre autoridades responsáveis pela Lava Jato.

Conclusão: Ainda tem muita gente solta e com foro privilegiado..

Viver é Perigoso   

Nenhum comentário: