domingo, 19 de maio de 2019

NOSSA ESCOLA



O Blog "Viver é Perigoso", que surpreendentemente, dentro em breve, completará 10 anos de existência, atuando de forma absolutamente amadora, sentiu-se honrado em receber a manifestação do Senhor Reitor da Universidade Federal de Itajubá, Professor Dagoberto Almeida.

Recordando, uma vez que os mais de 20.000 posts publicados no Blog e respectivos comentários continuam com livre e pronto acesso, marcou época o debate publico acontecido entre o amigo Reitor Renato Nunes e o chamado de "Zelador". Não ficaram sequelas. O respeito e a admiração aumentaram em muito. (aconteceu em 2010)

Não podemos fechar os olhos para a turbulência que sacode o País. Estamos chegando num limite inimaginável que chega a beirar a desesperança. Óbvio, que muito se deve aos desgovernos anteriores que transformou o Brasil em um caso de polícia.

As paixões, o acirramento de ódio, o uso inadequado e, muitas vezes desrespeitoso das chamadas "redes sociais" e o velho oportunismo político, a todos preocupam.

Em nossa cidade não acontece diferente. Há tempos impera a desarmonia. Vivemos na esperança do surgimento de um Tocador de Flauta de Hamelin que nos colocasse todos a segui-lo na rota do desenvolvimento equilibrado.

Quanto a preocupações com ideologias e etc, o Zelador, que foi filiado em priscas eras ao pmdb e ao psdb, há mais de 10 anos foi tomado de uma radical e justificada ojeriza por isso tudo. Total desinteresse pela política partidária brasileira. Com raríssimas exceções, um antro.

O Blog vive praticamente das leituras do Zelador, que pouco conversa e participa de encontros e reuniões. 

Em 11/9/2014, tanto porque achamos inoportuno e também pela razão de discordarmos frontalmente com o exposto, registramos: Reitores de 54 universidades federais do país se reuniram com a presidente Dilma Roussef para declarar apoio à sua reeleição. O Reitor Minoru Kimpara, da Universidade Federal do Acre, em nome da comitiva, declarou:


“Nós, reitores aqui presentes, eleitos democraticamente pela comunidade acadêmica, vimos por livre e espontânea vontade manifestar apoio à sua reeleição, por reconhecimento de tudo que o governo Lula fez e que a senhora está fazendo neste país”. Avaliamos  os avanços nos 12 anos de governo Lula e Dilma como incomparáveis. “Não há precedentes na história deste país o nível de inclusão que Vossa Excelência está fazendo. Não podemos correr risco algum. Acreditamos de fato que o Brasil está no rumo certo”.  

Qualquer cidadão razoavelmente informado discordaria de imediato do posicionamento dos Senhores Reitores naquela ocasião. Mas já foi e ponto.

Temos que enfrentar os difíceis tempos de travessia. Ora por árido deserto, ora por lamacentos pântanos. Presume-se que em conjunto, tratando-se de ideias e deixando pessoas em segundo plano tudo ficará mais ameno.

É certo: nada mais será como antes.

Recuerdos: Estive na nossa Escola de 1969 até o final de 1973. O famigerado AI-5 foi publicado 20 dias antes de eu ser aprovado no Vestibular. Vive os 5 anos mais duros da repressão no Prédio Histórico da Efei. Dentro do possível, discretamente e na calada da noite, participamos ativamente (no anonimato, é claro) do movimento pelo retorno da liberdade. Jamais para a instituição de uma ditadura de esquerda. Muitas divergências e uma enormidade de amizades sólidas que avançaram pelo tempo.

Viver é Perigoso

5 comentários:

Prof Dagoberto Almeida disse...

Prezado Edson.
Acabei de ler seus comentários e gostaria de fazer um adendo. Ontem à noite, pouco antes de me recolher eu estava explicando o fato do apoio coletivo à candidatura da ex- presidente Dilma. Acabei por não fazê-lo. A postagem estava ficando longa e eu cansado. Mas deveria tê-lo feito.
Estávamos na Andifes e fomos avisados que naquela determinada manhã seriamos, nós reitores, recebidos pela presidente. Embora houvesse certa desconfiança de que haveria algum tipo de capitalização eleitoral, mesmo assim seguimos todos em vans para o Palácio do Planalto. Lá chegando a foto coletiva e o apoio eleitoral publicizado, inclusive com assinaturas coletadas. Me senti, como alguns, constrangido, mas havia e há a duvida quanto ao melhor a ser feito, de tal forma a não haver prejuízos à Universidade. Comparado com o que vejo hoje, penso em como nossa preocupação foi ingênua.
Dito isso, gostaria de afirmar que do muito que se critica e justificadamente se questiona, muitos acertos, a meu ver, foram produzidos pelo governo PT. Portanto, sempre procurarei pontuar os aspectos positivos e negativos das diferentes abordagens, sem jamais me permitir uma visão maniqueísta. Torço para que logo possamos fazer mais e melhor, sem que tenhamos que destruir o que de positivo foi feito.
Aqui na Unifei herdamos uma enormidade de projetos represados e demos continuidade a todos fazendo as adaptações necessárias e, guardadas as devidas proporções, é assim que penso que o país deveria ser tocado.
Abs e obrigado pelo espaço disponibilizado.

Edson Riera disse...

Prezado Professor -

Um abraço.

Edson

Anônimo disse...

SEM COMENTÁRIOS!É melhor!

Anônimo disse...

Zelador, se eu entendi o adendo do REItor ele quis dizer que o PT roubou mas fez.
É isto? Ou eu não entendi nada?

Anônimo disse...

Zelador, se eu entendi o adendo do REItor ele quis dizer que o PT roubou mas fez.
É isto? Ou eu não entendi nada?