quarta-feira, 21 de março de 2018

ÊPA , JUIZO MOÇADA !


A Prefeitura de São Paulo anunciou há pouco que a diretora do Departamento de Iluminação Pública (Ilume), Denise Abreu, foi exonerada após a divulgação de áudio em que menciona suposta propina e favorecimento da empresa FM Rodrigues, vencedora da PPP da Iluminação, contrato de 20 anos que vai custar R$ 6,9 bilhões.

Por meio de nota, a Prefeitura informa que o prefeito João Dória determinou a ‘instauração de procedimento investigatório pela Controladoria Geral do Município sobre as declarações veiculadas pela imprensa e sobre a regularidade do processo de seleção da Parceria Público Privada da Iluminação’.

“O prefeito determinou ainda que a CGM auxilie o Ministério Público no que for necessário.”, diz.

Na conversa, Denise ainda mencionou que, em razão de um suposto fim da PPP, cessariam supostos pagamentos feitos pela empresa a funcionários da pasta.

Estadão

Viver é Perigoso

4 comentários:

Anônimo disse...

Ela é ex-ANAC (caos aéreo - acidente com 199 mortos da TAM).
Nomeada pelo Dória por ter apoiado a coligação Tucana!
De incompetência conhecida, inclusive pelo próprio Dória, que criticava a gestão dela na ANAC regularmente.
Isto é a nova política?
E para finalizar, abandona a prefeitura de São Paulo, no meio do caos das chuvas, depois de ter jurado / prometido / assinado / etc. que cumpriria o mandato até o final!
Realmente é o "novo".
Tamos lascados!
colega de 87

Edson Riera disse...

Colega de 87 -

Se o cara é tão ruim assim, ninguém pode reclamar de sua saída. O Vice nasceu na política, neto do Covas. Não tenho tido boa impressão daqueles que nascem e vivem na política, vide Aécio. Sempre estão a nos surpreender. O mundo muda e eles tomados pela política antiga, raciocinam velho.

Zelador

Anônimo disse...

Vc tem razão, veja só o Chico, o Jorge, o BPS, o Saulo, bons exemplos..o Arruda.É.

Edson Riera disse...

É -

Não entendi as duas referências. O Chico formou-se engenheiro e trabalhou muitos anos fora da terrinha, foi sócio da Itavel e continua na luta para viver com dignidade. O Dr. Jorge, médico, que atua até hoje no atendimento. O BPS trabalhou duro a vida toda. O Saulo, começou vendendo linguiça em Ouro Fino e graças ao seu trabalho tornou-se um dos empresários mais bem sucedidos da região. O Arruda é de uma família extraordinária. Estudei até me formar num quartinho nos fundos da casa dele (fui colega do irmão mais velho). Foi professor, lutou e se formou. Destacou-se com engenheiro em Brasília e foi um político de sucesso, até aderir ao sistema vigente. Já pagou e está pagando um alto preço, que simplesmente o excluiu da vida pública. Fui e sou amigo de todos. Adversário, muitas vezes.

É a vida...

Zelador