quinta-feira, 3 de agosto de 2017

FAMÍLIA CHAN


Muito interessante a entrevista da Página 7 do Itajubá Notícias desta semana. Conversaram com o Chan da Bomboniere da Praça Theodomiro Santiago.

Os pais do Chan, Senhor Chang Heng Foon e Sra. Chu Nui Fung, chegaram em Itajubá em 1966, depois de uma passagem por 4 anos na cidade de São Paulo. Montaram a pastelaria na Praça, no térreo do prédio, então existente ao lado do Cine Apollo. Kibe, esfiha e pastel e muita freguesia. A família toda no batente, de segunda a segunda, das 8hs da manhã até 1 horar da madruga.

O Chan, nascido na China, engenheiro do Inatel, nunca abandonou o comércio na praça. Pastelaria com os pais e os irmãos, o Fliperama e a atual bomboniere. 50 anos assistindo a evolução e involução.

Questionado sobre  se Itajubá é a sua cidade, deu uma franca resposta que nos leva a cair na real:

" Com certeza. Sou muito mais itajubense, do que muitos que nasceram aqui. Às vezes, escuto alguém falar mal de Itajubá e me revolto, sempre falo: "se não gosta daqui vai embora". Tudo o que tenho está aqui. Apesar de que Itajubá parou no tempo. Quando cheguei aqui, Itajubá era centro no Sul de Minas, tirando Poços de Caldas, o pessoal de Varginha, Pouso Alegre vinham fazer compras aqui. Hoje é exatamente o contrário. Itajubá ficou para trás."

Blog: Quando a pastelaria foi inaugurada eu estava no Batalhão. Passava sempre por lá. Quando estudei engenharia, ainda no tempo do prédio antigo da Efei, o local era ponto de encontro dos estudantes. Realmente Chan, Itajubá ficou para trás. É a vida.

Viver é Perigoso  

2 comentários:

Antonio Thomas disse...

mais um invejoso, negativista e que não quer ver itajubá progredir !!! Não é assim ?

Edson Riera disse...

Thomas,

Acrescente também: Comunista e vendedor de estalinhos que sujam o Praça. É a visão da vanguarda do atraso político.

Abraço

Zelador