quarta-feira, 9 de junho de 2021

RESUMO DA ÓPERA



O presidente Dr. Bolsonaro disse na 2ª feira (7) que aproximadamente 50% das mortes cujas causas foram registradas como covid-19 não tiveram o vírus como motivo principal. De acordo com o chefe do Executivo, a informação constava de um relatório produzido pelo TCU (Tribunal de Contas da União).

Na tarde do mesmo dia, o TCU esclareceu que não há informações em relatórios do tribunal que apontem que ‘em torno de 50% dos óbitos por Covid no ano passado não foram por Covid’.

Hoje, o TCU determinou abertura de processo disciplinar e afastamento do auditor Alexandre Figueiredo Costa Silva Marques, que havia inserido o documento no sistema do órgão no último domingo.

O auditor já admitiu à sua chefia imediata no TCU que foi ele o autor das análises. Ele relatou que comentou o teor de suas opiniões com o pai, que é militar e amigo de Bolsonaro.

O pai do auditor é Ricardo Silva Marques, coronel do Exército Brasileiro. O militar foi nomeado gerente-executivo de Inteligência e Segurança Corporativa da Petrobras em 2019.

Desde então, o coronel já se reuniu três vezes com Bolsonaro, no Palácio do Planalto. Antes de assumir a função na Petrobras, o militar foi gerente de segurança corporativa do Bondinho Pão de Açúcar.

E assim vamos seguindo...

Viver é Perigoso

Nenhum comentário: