quinta-feira, 13 de maio de 2021

PRIMEIRO O MEU !


Publicada no dia 30 de abril, a portaria da Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal do Ministério da Economia que autoriza uma parcela de servidores a receber mais do que o teto remuneratório constitucional começou a valer neste mês e terá efeito para os pagamentos realizados a partir de junho.

A regra editada pelo governo Jair Bolsonaro fará com que o próprio presidente e membros do primeiro escalão tenham aumentos de salário. Deve beneficiar Bolsonaro, o vice-presidente Hamilton Mourão, ministros militares e um grupo restrito de cerca de mil servidores federais que hoje têm remuneração descontada para respeitar o teto constitucional.

Os ganhos serão de até 69%, com pagamentos mensais que, a depender da autoridade, poderão ultrapassar R$ 66 mil.

Ah ! enquanto o funcionalismo está com os salários congelados.

Viver é Perigoso

2 comentários:

Anônimo disse...

Sensibilidade social de miliciano.

Anônimo disse...

sai governo, entra governo
vamos arranjando um jeito
de driblar o teto constitucional
de salário de ministro do supremo.
se é constitucional lei maior
como pode?
farinha pouca meu
meu pirão primeiro
pensamento de todos
que chegam lá, do
pt tucanos e bozo
e agora turma fiel?