sábado, 20 de março de 2021

O MOMENTO É ESSE


Dica: Celinha Rennó Brochetto

Viver é Perigoso

 

NOVO NORMAL

 


- Eu serei sincero, prefiro a AstraZeneca.

- Sei não...sou Corovac e não abro mão.

- Que isso rapaz ? já que é assim, encare logo sua preferência pela Pfizer/BioNTech.

- Puxa amigo, vamos com calma. Vamos nos entender com a SputinikV.

- Nem pensar. Melhor encarar uma Janssen.

- Olha, vamos entrar num acordo: Soberana e não se fala mais nisso.

Viver é Perigoso

CANTINHO DA SALA

 

                                    Wassily Kandinsky - 1915 - Centre Pompidou, Paris.

Viver é Perigoso

RESUMO DA ÓPERA


Em junho de 2020, o governo dos EUA, ainda com o Trump, anunciou que entregou dois milhões de doses de hidroxicloroquina (HCQ) para a população do Brasil. Logo após a agência de saúde americana ter revogado a autorização para que o fármaco seja usado no tratamento da Covid-19.

Deu no que deu e no que está dando.

Livre, leve e solto, o ex-presidente Lula, no dia 17/3/2021, em entrevista à emissora CNN Internacional, pediu ao presidente americano, Joe Biden, que os Estados Unidos convoquem uma reunião emergencial do G20 para discutir a distribuição de vacinas contra a covid-19 para o Brasil e países mais pobres. Disse Lula:

"Estou sabendo que os Estados Unidos têm vacina que não estão usando. Essa vacina poderia ser, quem sabe, doada ao Brasil ou a outros países mais pobres que o Brasil que não podem comprar".

Ontem, 19/3, diante do crescente número de mortes pela covid-19 e do colapso no sistema de saúde do país, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, enviou uma carta ao governo americano com um "pedido de socorro ao Brasil" para enfrentamento à pandemia de coronavírus. O foco principal da correspondência foi um pedido de "autorização especial" para a aquisição de vacinas excedentes nos EUA pelo Brasil. A carta foi endereçada à vice-presidente Kamala Harris, que é também presidente do Senado americano. Disse o Senador mineiro:

"Permita-me agregar à solicitação acima, senhora Presidente (do Senado), minha firme convicção de que semelhante gesto humanitário contribuiria não apenas para o aprofundamento dos laços de amizade e cooperação que nossos países, mas seria também a forma mais eficaz de conter a propagação da epidemia no seu atual epicentro. Toda a comunidade internacional ganharia, em segurança sanitária e estima moral, com iniciativa de tamanha relevância e grandeza".

Hoje, dia 20/3 o Itamarati informou que a Embaixada em Washington, em coordenação com o Ministério da Saúde, está em tratativas (desde 13/3) com o governo dos EUA para viabilizar a importação pelo Brasil de vacinas do excedente disponível naquele País.

Blog: Rogamos que os americanos se sensibilizem. Mas a justificada de outros intermediários na operação (Lula e Pacheco), certamente é decorrente do comportamento do governo americano de apoio integral e irrestrito ao derrotado Trump. A vacina em questão é a AstraZeneca.

Viver é Perigoso 


CONVERSA

 


Conversa ouvida hoje na fila do caixa do Supermercado Alvorada (com distância regulamentada), na Boa Vista, é claro:

- Pensei numa saída rápida e sem muito transtorno para dar um descanso para o esgotado Bolsonaro, harmonizar o sistema e salvar o Brasil nessa pandemia.
O Congresso poderia aprovar a "toque de caixa", a obrigatoriedade de os presidentes da República, após dois anos de governo, terem que  tirar férias-prêmio de seis meses.

Logicamente, seguir gozando das benesses do poder, mas proibido de dar entrevistas no período. 

O atual já se enquadraria, voltando em outubro. Na Emenda-Constitucional, constaria uma cláusula abrindo a possibilidade, a critério do Congresso, da licença ser prorrogada por mais seis meses.

Viver é Perigoso

JUÍZO MOÇADA

 Ministério Público instaura processo contra prefeito de São Lourenço por "tratamento precoce". 
Viver é Perigoso

UM BARATO QUE ESTÁ SAINDO CARO

 

Viver é Perigoso