domingo, 21 de fevereiro de 2021

SEI NÃO...


Na última sexta-feira (19), o Internacional de Porto Alegre informou que recebeu uma doação de R$ 1 milhão do torcedor Elusmar Maggi Scheffer, para pagar a multa ao Flamengo (dono do passe) para que pudesse utilizar o lateral Rodinei no clássico Flamengo x Inter, realizado hoje (21).

O lateral direito jogou praticamente um tempo, uma vez que foi expulso aos 4 minutos do segundo tempo. A brincadeira, ou loucura, saiu, mais ou menos, por R$ 25.000,00/minuto em campo.

Em tempo, o Internacional perdeu a partida e a liderança do campeonato. Na última partida do campeonato, contra o Corinthians, na próxima quinta-feira, o jogador não poderá atuar.

Talvez, Pelé, Garrincha, Zico, Ronaldinhos, Messi, Beckembauer, Zidane, Cristiano Ronaldo, Maradona... daria para pensar.

Brazil...zil...zil...

Viver é Perigoso

2 comentários:

Anônimo disse...

Me refresca a memória. Não teve um episódio parecido com o Timão, depois de um jejum de 23 anos sem ganhar um paulista, foi campeão em 77 contra a Ponte Preta? O centroavante Rui Rei provocou sua expulsão nos minutos iniciais do jogo e depois comprou o próprio passe e foi contratado pelo Corinthians? Tempo do folclórico Vicente Mateus? Observador de Cena

Edson Riera disse...

Observador de Cena -

A expulsão do Rui Rei gerou muita polêmica, principalmente depois de sua quase imediata ida para o Corinthians.

Aconteceu uma disputa Melhor de Três.

Para mim inesquecível por uma razão. Eu trabalhava em São Paulo. O primeiro jogo foi numa quinta-feira 6/10/77, com vitória do Timão. No sábado (8), fui até Santos voltando após o almoço. Pelo telefone fui informado que o meu pai havia sofrido um infarto. De imediato vim para Itajubá, onde cheguei no final da tarde. Visitei-o na Santa Casa e já estava bem. Passei o domingo todo com ele, inclusive levei uma tv pequena e assistimos juntos a Ponte vencer o Timão por 2x1. Na segunda falei com o Dr. Cavi que me informou que ele teria alta na terça-feira. Voltei para São Paulo na segunda à noite e na terça cedo peguei um voo da Ponte-Aérea para o Rio. Meu Pai tomou o barco quando eu estava no avião.
E a vida.
Na quinta 13, assisti em São Paulo o Coríntians ser campeão (com a expulsão do Rui Rei)
Abraço
Zelador