sexta-feira, 15 de janeiro de 2021

DEVIDAMENTE LASCADOS !

 

Viver é Perigoso

4 comentários:

Anônimo disse...

No fim de 2020 antes do Natal o Governador do Amazonas viu hospitais cheios e determinou o fechamento do comércio para conter o alastramento do vírus. Acuado por protestos fomentados por políticos bolsonaristas, o governador desistiu e mandou reabrir as lojas.
Na época os bolsonarista comemoraram:"O Despertar da população brasileira" - Alexandre Garcia ; "Como Búzios, Manaus não aceitou o lockdown" - Carla Zambelli ; "Búzios e agora Manaus Todo poder emana do povo" - Eduardo Bolsonaro; E mais o profeta anta tantas vezes retratada aqui Osmar Terra: "Embora noticiário alarmista, Manaus tem queda importante de óbitos desde julho,mostrando uma imunidade coletiva( de rebanho) em formação e se manteve assim até o último dia do ano. As escolas reabriram ainda em setembro e não houve alteração da curva de óbitos como mostra gráfico." Mais o comportamento de sua excrescência o presidente desafiando tudo que a ciência prega e estimulando o comportamento errático da população. E deu no que deu. Gente morrendo até por falta de oxigênio. Esse pessoal devia ser responsabilizado criminalmente e a exemplo do Trump banido das redes. Ah só espero que um dia paguem!

Anônimo disse...

Se a eleição fosse hoje, tenho certeza que o dono do blog votaria 17 de novo e com gosto. O ódio pelo pt é maior que o bom senso

Edson Riera disse...

Comentarista das 10:46 -

Realmente. No PT não voto mesmo. Posso votar em petistas que conheça pessoalmente e sei da capacidade e correção. No Bolsonaro jamais. Os comentários sobre a equipe de trabalho a ser constituída pelo Capitão me deu um certo alento. Debalde.
Concluindo, não acredito e não voto em partidos. Se tornaram bandos.

Mas...a desgraça está feita.

Zelador

Anônimo disse...

A MAIOR VERGONHA
O dia 8 de julho de 2014 7 a 1 pra Alemanha no Mineirão.
Depois desses números de assustar, dor, pesar de milhares de famílias, a situação de Manaus e o descaso dos governos, com toda certeza: MAIS UM 7 a 1.