terça-feira, 29 de dezembro de 2020

ENQUANTO ISSO...




Acabando os comprimidos de cloridrato de metformina para a diabetes, maleato de enalapril para pressão e sinvastatina, não sei para que serve isso, e nenhum dos possíveis interessado em vender os remédio passou aqui na minha rua para oferecer. Para não ser injusto, passaram o cara do gás e o moço do picolé.

Os interessados na venda dos produtos são eles.

Viver é Perigoso  

TRABALHO PARA OS VEREADORES ELEITOS


Obrigatório analisar, para o bem da função pública, o Relatório de Transição de Governo (Municipal de Itajubá), onde encontram-se disponibilizadas da gestão municipal, em respeito a legislação.

Muitos dados, números, previsões, todos importantíssimos de serem acompanhados, analisados e checados.

Esse proceder, antes que o eleitorado e assessores fiquem nervosos, é obrigação e nunca ato de oposição. Juízo moçada.

Para um antigo engenheiro desabituado com relatórios:

Interessante no Item VII - Quadro de Pessoal 7.1 - Situação dos servidores do município, seu custo global, quantidade e órgãos de lotação:

"Não foi possível emitir uma análise quanto a situação dos servidores do Município de Itajubá, tendo em vista que a Secretaria de Administração não enviou o relatório requerido pela Equipe de Transição."

Viver é Perigoso

SUPERANDO-SE A CADA ENTREVISTA


O meus amigos Bolsonaristas (sim, ainda imagino tê-los, mesmo em número reduzido) terão que me desculpar. Não é possível um sujeito já bastante vivido dizer tantas besteiras sobre os mais variados assuntos. 
Comentam que ele é assessorado pelo Steve Bannon, pelo Olavo de Carvalho, Abraham Weintraub, Roberto Jefferson, Ricardo Salles e pelos próprios filhos. Não acredito, uma vez que os pretensos gurus citados não têm o mínimo do poder e capacidade de gerar os disparates e ofensas que vêm sendo distribuídos pelo Jair Bolsonaro. Podem até ajudar aplaudindo, estimulando, mas por incrível que possa parecer, tudo indica que é coisa de lavra própria e de se admirar. 
O homem é um fenômeno.

Viver é Perigoso

ABACAXI DE PRIMEIRA


Antigamente não existia esse negócio de crítica aos filmes lançados. Ou se tinha, ninguém lia. Nós, meros mortais frequentadores do Cine Paratodos, na Boa Vista é claro, nos valíamos, para efeito de avalição prévia, dos trailers (trechos selecionados) dos filmes que seriam exibidos na semana seguinte.

Conseguiam enganar bem. Cansamos de comprar gato por lebre.

Agora ficou mais difícil para o pessoal dos streamings. O pessoal comenta pela internet, se bem, que apreciam cada "bomba"...

Ontem caí numa dessas. Na Netflix e não interrompi a exibição na expectativa que iria acontecer alguma coisa. Foi passando...passando e discreta e sutilmente começaram a surgir os letreiros de créditos. Um milhão de citados, culminando com o nome do diretor.

O tal abacaxi tem por título "O Céu da Meia-Noite ".

Dica: Consegui descobrir o que o cara ferido no avião caído no Ártico, cochichou no ouvido do George Clooney.
 
Pronto. Comentei.

Viver é Perigoso

TOMOU O BARCO

A turma já entrada nos 70 o tinha como ídolo. Inspirador e companheiro de muitas cervejadas. Paixão e dor de cotovelo. No Brasil, muitas vezes interpretado, e muito bem, pelo Aldemar Dutra.

O compositor mexicano Armando Manzanero, ícone do bolero, tomou o barco ontem (28) aos 85anos, na cidade do México. Ele estava internado em estado grave em hospital por causa de Covid-19.

Armando Manzanero Canché, nasceu em Mérida em 1934 foi cantor e compositor. Suas composições são interpretadas por cantores com fama internacional como Frank Sinatra, Tony Bennett, Elvis Presley, Frank Pourcel, Paul Mauriat, Ray Conniff, Andrea Bocelli, Christina Aguilera, Eydie Gorme, Roberto Carlos, entre outros.

Esteve se apresentando no Brasil por diversas vezes.

Foi agraciado com o Prêmio Grammy de Contribuição em Vida em 2014.

Viver é Perigoso

BALANÇO

 

Viver é Perigoso

PRONTO RESTABELECIMENTO

 




É o desejamos para o nosso Prefeito Christian Gonçalves e o Vice-Prefeito, Dr. Nilo Baracho, que deram positivo para a covid-19.

Oremos.

Viver é Perigoso