quarta-feira, 16 de dezembro de 2020

FAZENDO ÁGUA

A informação foi publicada na página oficial da Prefeitura de Pouso Alegre nas redes sociais nesta quarta-feira (16).

O prefeito de Pouso Alegre, Rafael Simões (DEM), afirmou que vai entrar com pedido de rescisão de contrato com a Copasa. A intenção dele é trocar a companhia que faz o serviço de abastecimento de água e coleta de esgoto na cidade por uma empresa privada. 

Em visita ao município de Pará de Minas para conhecer o serviço de abastecimento de água e coleta de esgoto prestado por empresa privada ( após rescisão de contrato com a Copasa), o prefeito Rafael Simões conheceu a dinâmica de atuação da nova concessionária e ficou impressionado com a qualidade dos serviços prestados, sem levar em conta o valor das taxas cobradas aos consumidores, muito menores do que as praticadas pela Copasa em Pouso Alegre.

Declarou o prefeito Rafael Simões: 

"Agora não dá mais. Tentamos de todas as formas para que a Copasa apresentasse um serviço de qualidade para o nosso povo. Não foi possível. Então vamos fazer a rescisão e vamos torcer para que Pouso Alegre tenha uma empresa tão boa como a que Pará de Minas conseguiu na licitação”.

Blog: Uma chance do Escritório Regional da Copasa voltar a ser sediado em Itajubá. Sinceramente, acho que a Copasa presta um bom serviço na nossa cidade. O que precisa ser renegociado é o valor da taxa de esgoto. Altíssimo.

Viver é Perigoso

OLHO NO LANCE !


O novo procurador-geral de Justiça de Minas, Jarbas Soares, adiantou que copiará modelos da Operação Lava Jato par combater a corrupção em Minas. 

“Vamos criar a Unidade Combate de Corrupção e ao Crime. Não deixaremos pedra sobre pedra quando a corrupção teimar em nos vencer e roubar os sonhos da população. Todos os recursos serão empenhados nesse projeto institucional, afirmou ele, apontando o combate ao crime e a corrupção como prioridade maior do Ministério Público. Como dono da ação penal, “somente o Ministério Público tem os instrumentos para confrontar os corruptos, os crimes de colarinho branco e as quadrilhas alojadas no serviço público”.

Viver é Perigoso

BRIGA DE PIÁ

 

Viver é Perigoso

PAÍS DA PIADA PRONTA


Depois do agravamento da tensão entre governo federal e São Paulo em torno da Coronavac, Eduardo Pazzuelo enviou um emissário ao Butantã para "selar a paz".

O assessor especial Airton Cascavel esteve na capital paulista em longa reunião com a presença de Dimas Covas, presidente do instituto, e Antonio Imbassahy, representando o governo do Estado.

Blog: Butantã, Cascavel e Covas...

Viver é Perigoso