sexta-feira, 23 de outubro de 2020

TRAUMA DE INFÂNCIA


 Viver é Perigoso

DECIFRADA A INCÓGNITA

 

Viver é Perigoso 23/11/2018 (Agora aguenta ! )

Viver é Perigoso

FALOU E DISSE



"Políticos não são cientistas, artistas, atletas. Não são reconhecidos pela população por serem capazes de algo considerado notável, difícil, bonito, divertido ou extraordinário. Estão lá pelo voto do povo, aquele mesmo que muitos deles, depois de eleitos, começam a tratar com a soberba, a prepotência e os chiliques de uma prima-dona mal resolvida."

Zé Beto

Viver é Perigoso


OUTROS TEMPOS

 


Tornou-se uma discussão política. 

Trump, em sua campanha eleitoral, chega a comentar a necessidade de que os países sejam indenizados pela China, origem do covid-19.

Comentamos outro dia o livro "A Grande Gripe" - John M. Barry, que trata com impressionante nível de detalhes, a Gripe Espanhola de 1918, que tragicamente assolou o mundo. 

A origem da pandemia de gripe espanhola têm sido controversa. Uma hipótese é que a estirpe do vírus se originou nos Estados Unidos, em Fort Riley - Kansas, em vírus de aves e suínos criados para serem utilizados como alimentos. À medida que as tropas norte-americanas se mobilizavam em massa para o esforço de guerra na Europa, elas levavam consigo a gripe espanhola.

Não se tem conhecimento de pedidos de indenização. 

A doença foi observada pela primeira vez no condado de Haskell - Kansas, em janeiro de 1918, levando o médico local Loring Miner a avisar o Serviço de Saúde Pública dos Estados Unidos. 

Em 4 de março de 1918, o cozinheiro Albert Gitchell, do condado de Haskell, relatou estar doente em Fort Riley, uma instalação militar dos Estados Unidos que na época treinava tropas norte-americanas durante a Primeira Guerra Mundial, fazendo dele a primeira vítima registrada da gripe. 
Em questão de dias, 522 homens no campo declararam estar doentes. Em 11 de março de 1918, o vírus chegou ao Queens, Nova Iorque.

A epidemia chegou ao Brasil em setembro de 1918. O navio inglês "Demerara", vindo de Lisboa, desembarcou doentes no Recife, em Salvador e no Rio de Janeiro. No mesmo mês, marinheiros que prestaram serviço militar em Dakar, no Senegal, desembarcaram doentes em Recife. Em pouco mais de duas semanas, surgiram outros focos em diversas cidades do Nordeste e em São Paulo.

As estimativas variam quanto ao número total de pessoas que morreram vitimadas pela gripe espanhola. Uma estimativa de 1991 alega que a pandemia matou entre 25 a 39 milhões de pessoas. Em 2005, uma estimativa reportou o número de mortos em provavelmente 50 milhões.  Uma reavaliação em 2018 estimou o total em cerca de 17 milhões. Com uma população mundial de 1,8 a 1,9 bilhão, tais estimativas correspondem a entre 1% e 6% da população.

Viver é Perigoso

JUÍZO MOÇADA !


Mesmo em meio à pandemia de Covid-19, quem for renovar o contrato de aluguel de um imóvel pode levar um susto: o valor acumulado do Índice Geral de Preços Mercado (IGP-M), nos últimos 12 meses, é o mais alto para o período em 17 anos com a prévia de outubro apontando ainda mais aumento. 

O indicador é utilizado para calcular o reajuste dos aluguéis em geral, e chegou a 17,94% em setembro deste ano. No mesmo mês do ano anterior, não atingiu nem 3,4%.

O aumento atual é 7,6 vezes maior do que o previsto pelo governo federal para o índice, que regula o aumento do salário mínimo, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). 

Pelas previsões mais recentes do do governo, esse índice deve chegar a 2,35% neste ano. Caso a estimativa seja mantida, o salário mínimo passaria de R$ 1.045 para 1.069,55, ainda em 2021. Ao mesmo tempo, um aluguel com o mesmo valor do salário mínimo atual passaria para R$ 1.232 — podendo aumentar, se o IGP-M continuar subindo.

A mudança já é vista nas renovações de contratos de locação de imóveis que ocorrem neste ano.

Viver é Perigoso

MADE IN ITAJUBÁ


A ISA - tradicional loja que existe há 30 anos em São Caetano do Sul, na Grande São Paulo.A loja é a revendedora no estado de São Paulo da Imbel (Indústria de Material Bélico do Brasil), empresa de produção de armas vinculada ao Exército. A estatal, criada em 1975 pelo regime militar, vende pistolas, fuzis, carabinas, munição e outros produtos.

Produtos em oferta: fuzis do Exército, cuja venda acaba de ser facilitada pelo governo de Jair Bolsonaro. Ao longo do ano passado, uma série de decretos mudou a classificação de alguns calibres e tipos de armas, o que facilitou que sejam adquiridos.

A ISA, desde o início de outubro, é a primeira loja autorizada pela Imbel a vender dois modelos muito cobiçados por quem atira: fuzis e carabinas, nos calibres 5.56 e 7.62. O grande chamariz é o ParaFal, que agora pode ser comprado por cerca de R$ 12.900. A outra novidade é a carabina IA2, que sai um pouco mais em conta, ao redor de R$ 10.000. Antes dos decretos do governo federal, o carro-chefe da loja era a pistola 380, que ainda tem grande demanda.

É uma rara concorrente da gaúcha Taurus, que praticamente monopoliza o mercado brasileiro de armas. Mas a Imbel corre num nicho próprio. Seu grande diferencial é ser a fornecedora de armamento para as Forças Armadas e agentes de segurança.

No início de outubro, a loja mostrou com orgulho a visita do secretário de Assuntos Fundiários do Ministério da Agricultura, Nabhan Garcia, antigo opositor dos sem-terra, ao lado de outros funcionários do governo.

Com o clima favorável ao armamento, os registros de armas de fogo no Brasil têm crescido expressivamente no Brasil.

Blog: Segundo um grande amigo, de muitos anos, a Imbel não produz armas de ataque e sim, somente de defesa.

Viver é Perigoso 

SIMPLESMENTE PELÉ


Tive o prazer de ver o Pelé jogar presencialmente em diversas oportunidades. Desde no Maracanã, como numa noite sensacional em Guaratinguetá, numa partida pelo campeonato paulista, e o negão, marcado pelo craque e amigo da Boa Vista, é claro, Carlito.

Deu Santos e ninguém ficou triste. Vi o Pelé, de pertinho, em 1962, com a Seleção Brasileira treinando em Campos do Jordão.

Oitenta anos. Encantou o mundo.

Viver é Perigoso