terça-feira, 30 de junho de 2020

BARBA DE MOLHO


Deu no G1-Globo:

A Airbus está finalizando um plano de reestruturação que deve incluir milhares de demissões, e o presidente-executivo do grupo europeu de aviação afirmou nesta segunda-feira que a companhia vai manter a produção 40% abaixo do previsto por dois anos.

A empresa poderá definir o maior plano de reorganização da história do grupo até quarta-feira, disseram fontes sindicais antes das reuniões no início desta semana com a Airbus, que não quis comentar.

A empresa afirmou que anunciará seus planos de cortes de pessoal até o final de julho, mas precisa informar sindicatos e governos sobre qualquer grande reformulação antes de um "período de silêncio" de duas semanas antes da divulgação dos resultados em 30 de julho.

O presidente-executivo, Guillaume Faury, estabeleceu um cenário sombrio. 

Blog: Tomara que a reformulação não envolva a fabricação de helicópteros, na certeza que se trate de um mercado diverso. 

Viver é Perigoso  

CANTINHO DA SALA

Tarsila do Amaral - A Caipirinha - 1923
A obra "A Caipirinha", de Tarsila do Amaral (1886-1973), confiscada do empresário Salim Schahin, envolvido no escândalo da Lava Jato, será colocada à venda nas próximas semanas. O perito Cezar Roberto Olandim avaliou o quadro em R$ 42,5 milhões.

Desde 2015, Salim é alvo de um processo de cobrança por parte de 12 bancos, entre os quais o Itaú e o Bradesco, que exigem o pagamento de uma dívida avaliada hoje em cerca de R$ 2,3 bilhões. 

A tela é considerada como um dos ícones do movimento modernista. Foi feita por Tarsila em 1923, um ano após a Semana de Arte Moderna, quando Tarsila passava uma temporada em Paris com seu namorado, o escritor Oswald de Andrade.

Viver é Perigoso

A BEM DA VERDADE

Esclarecendo: O Sr, Carlos Alberto Decotelli da Silva, tem o direito de fazer constar do seu Curriculum Vitae, a atividade " ex-Ministro da Educação ", uma vez que embora não tenha tomado posse, a sua nomeação foi publicada no Diário Oficial. 

DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO

Publicado em: 25/06/2020 | Edição: 120-A | Seção: 2 - Extra | Página: 1

Órgão: Atos do Poder Executivo

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

DECRETO DE 25 DE JUNHO DE 2020

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que lhe confere o art. 84,caput, inciso I, da Constituição, resolve

NOMEAR

CARLOS ALBERTO DECOTELLI DA SILVA, para exercer o cargo de Ministro de Estado da Educação.

Brasília, 25 de junho de 2020; 199º da Independência e 132º da República.

JAIR MESSIAS BOLSONARO

Viver é Perigoso

DIÁLOGO ZERO


26/6/2020 - Sexta-Feira

Em comunicado distribuído hoje a seus funcionários, o Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, informou que "não recomenda" que médicos tratem pacientes da instituição com cloroquina.

29/6/2020 - Segunda-Feira (mais cedo)

O secretário-executivo do Ministério da Saúde, Coronel Elcio Franco, afirmou que o Hospital Israelita Alberto Eintein, de São Paulo, voltou atrás na orientação para que médicos não prescrevam cloroquina ou hidroxicloroquina a pacientes com Covid-19.

29/6/2020 - Segunda-Feira (mais tarde)

Procurada pela Folha, a assessoria do Einstein afirmou que a instituição "mantém a nota de sexta-feira (26). Lembrando: O Einstein orientou na semana passada médicos ligados à instituição a não indicar cloroquina ou hidroxicloroquina a pacientes internados por causa do novo coronavírus.

Viver é Perigoso

CARTA QUE NÃO RECEBI


Itajubá. 30 de junho de 2020
Ref.: Prefeitura utiliza doações de cestas básicas do Estado para alavancar deputado
A prefeitura de Itajubá anunciou, por meio de suas redes sociais, que o município irá receber 588 cestas básicas por intermédio do deputado estadual Dalmo Ribeiro (PSDB). Porém, diferentemente do anunciado pela administração municipal, as cestas serão doadas pelo projeto “Fazer o bem faz bem”, da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese).

A Rádio Itajubá recebeu denúncias de ouvintes que a prefeitura estaria utilizando a doação das cestas pelo Governo de Minas Gerais de forma política, com o objetivo de alavancar a popularidade do deputado e do gestor municipal. O assunto foi tema do programa Revista da Manhã de hoje (30).

De acordo com o site da Sedese, o projeto é uma parceria do estado com a iniciativa privada e tem como objetivo minimizar os efeitos da pandemia de covid-19, para pessoas em situação de vulnerabilidade social. Todos os 853 municípios serão beneficiados, inclusive Itajubá.

Segundo a assessora de comunicação do deputado, em Belo Horizonte, a informação divulgada pela prefeitura não procede. "Não existe isso. O deputado só repassou a informação para o município. Ele só informou o município que poderia retirar a doação", disse Socorro de Fátima Monteiro.

Segundo o Governo de Minas, as cestas básicas deverão atender ao público prioritário de programas sociais. O processo de doação será estabelecido por meio de Termo de Doação entre Sedese e município. A retirada das cestas pelas cidades será realizada nos Batalhões da Polícia Militar de Minas Gerais, podendo ser realizada somente após a publicação do “Termo de Doação” no Diário Oficial do Estado.

Segundo o anúncio da prefeitura, as cestas do projeto “Fazer o bem faz bem” pesam aproximadamente, 13,5 kg e contempla gêneros alimentícios como arroz, feijão, açúcar, óleo, fubá, molho de tomate, macarrão, farinha de trigo, entre outros itens.

Rádio Itajubá

Viver é Perigoso

ACERTANDO O PASSO


Diálogo ouvido num consultório em Brasília

- Mas Doutor, o que podemos fazer para o homem sossegar o facho ?

- Simples, vou passar uma receita que deve ser cumprida à risca em doses semanais: Prendam um ex-assessor dele ou dos filhos, para averiguações. É tiro e queda. O acalmará. Pode ter um ou outro rompante, mas será de pequena monta.
Em absoluto: Não deixem de aplicar a medicação, pois se acontecer, a recaída poderá ser irreversível.

Viver é Perigoso 

É A EDUCAÇÃO, CACILDS !!!


Viver é Perigoso