sexta-feira, 22 de maio de 2020

O MUNDO ESTÁ DESENGANADO


O maior estudo realizado até o momento com a hidroxicloroquina e cloroquina constatou que os pacientes que receberam os medicamentos à base das drogas tiveram um risco bem maior de morte em comparação aos que não receberam. 

As pessoas tratadas com as substâncias também apresentaram maior probabilidade de desenvolver arritmia cardíaca, que pode levar à morte súbita. O estudo, publicado nesta sexta-feira na revista médica The Lancet, foi liderado por Mandeep Mehra, professora e médica da Harvard Medical School.

O trabalho analisou 96.032 pacientes hospitalizados com coronavírus em todos os continentes e é a maior análise até hoje dos riscos e benefícios do tratamento de Covid-19 com 19 medicamentos que possuem substâncias antimalária. 

O estudo se baseia em uma análise retrospectiva dos prontuários médicos, e não em um estudo controlado no qual os pacientes são divididos aleatoriamente em grupos de tratamento – um método considerado o padrão ouro da medicina.

Viver é Perigoso

TOMOU O BARCO


Lembro-me muito bem da parada diária e matinal do Cel. Alcides Faria na Padaria Boa Vista. Dirigia-se à sua Fazenda Rancho Grande. Raramente descia da sua caminhonete. Comprar os pães ficava sob a responsabilidade do seu motorista (Marcílio). O Cel Alcides só descia quando o Vô Jayme Riera estava presente.

A amizade forte dos meus pais e tios ficou com o seu filho, também fazendeiro, Kiki Faria. Impressionante como o Sr. Kiki esteve presente em importantes momentos da minha vida. No dia da publicação da minha aprovação no vestibular da Escola de Engenharia, lá em casa foi o Sr. Kiki levar um abraço. Esteve presente na formatura e no meu casamento com a  Sonia. Impossível de esquecer: Quando o meu pai tomou o barco, em 1977, por dificuldade de me localizarem (estava em viagem no Rio de Janeiro), cheguei na cidade quando da saída do féretro. Desci do carro na Rua Miguel Braga e lá estava me aguardando para um abraço e conforto, o amigo Sr. Kiki Faria.

Hoje, tomo conhecimento via internet, da tomada de barco do Alcides Faria Neto, o Alcidinho, filho do Sr. Kiki.

A família Petribu Faria tem sido marcante na nossa vida.

Viver é Perigoso 

ANJO DA GUARDA

Viver é Perigoso

DIA DO ABRAÇO



" Tem palavras que chegam como um abraço. E tem abraços que não precisam de palavras... "


Sérgio Vaz

O famigerado AI-5 foi decretado no dia 13/12/1968. Na manhã do dia 27 de dezembro daquele ano, Gilberto Gil e Caetano Veloso são presos no Rio de Janeiro, acusados de desrespeito à bandeira e ao hino nacional.

As investigações das Forças Armadas indicaram a inocência dos músicos, mas apenas em 19 de fevereiro, uma quarta-feira de cinzas, Gil e Veloso são soltos sem uma acusação formal.

Voltando para Salvador, os artistas foram presos novamente por ocorrência de um mal-entendido. Entretanto, permaneceram em prisão domiciliar com a obrigação de se apresentarem à Polícia Federal periodicamente.

Gil e Veloso voltaram ao Rio de Janeiro para uma reunião com os militares, onde ficou definido que eles seriam exilados.

A música "Aquele Abraço" foi composta por Gilberto Gil, na saída do Brasil e lançada quando já estava exilado na Inglaterra, onde ficou até 1971.

Viver é Perigoso

NENHUMA DÚVIDA


“Agora, eu só peço (ao Ministro Celso de Mello), não divulgue a fita toda. Tem questões reservadas, tem particularidades ali de interesse nacional. O resto, tem dois pedacinhos de 15 segundos que são questões de política externa do Brasil e que não pode divulgar. Agora o resto, divulga! E tem muito palavrão também. Se por acaso divulgarem, tirem as crianças da sala”. Às vezes sai um palavrão mesmo, sem ofender ninguém. Não é o caso de tornar isso público, porque senão vão falar: vê se esse homem está à altura do cargo que representa”.

Jair Bolsonaro


Viver é Perigoso