sábado, 15 de fevereiro de 2020

PHOTOGRAPHIA NA PAREDE

Chegada em Dallas - 22 de novembro de novembro/1963
Viver é Perigoso

CANTINHO DA SALA


Café Terrace at Night, de Vincent Van Gogh, 1888 
É uma das mais famosas obras do pintor holandês. A tela foi finalizada em setembro de 1888, sete meses após a chegada de Vincent à cidade de Arles, no sul da França, vindo de Paris. Ainda hoje o café da pintura pode ser encontrado no mesmo Local, sob o nome de “Café Van Gogh”. No início dos anos 90, sua fachada foi pintada em tons de verde e amarelo, aproximando-a da forma com que é vista no quadro.

Viver é Perigoso

ESQUENTOU !


No último domingo (9), a Antártica registrou temperatura acima dos 20 graus pela primeira vez no registro histórico, trazendo atenção à questão da crise climática.

Viver é Perigoso

TO BE OR NOT TO BE

That is the question.

Sem querer colocar mais lenha (mas, colocando) no importantíssimo debate municipal sobre a mudança de feriado religioso.

Até o dia 15 de dezembro de 2017, vinham todos os munícipes navegando tranquilos no feriado religioso respeitado no dia 19 de março - Dia de São José e aniversário da Primeira Missa realizada no ajuntamento (longe ainda de ser município).

Nessa data foi aprovada pela Câmara Municipal, a Lei 3.225, alterando o feriado do dia 19 de março para o dia 15 de setembro, data da Padroeira da Cidade, N.S. da Soledade.

Votaram favoráveis a alteração os vereadores*:

Santi
Vladimir
Wilson
Fabrício
Jorjão
Marcelo Krauss
Zé Pequeno
Zambrana
Zé Maria Bão

* A Presidência da Câmara era exercida pelo Vereador Joel da Guadalupe (não vota).

Consequentemente, não votaram favoravelmente a mudança:

Cleber
Melo
Kener
Mônica
Renato
Silvestre
Molina

No Projeto de Lei, hoje em discussão, nº 4399, assinam os Vereadores Melo, Renato, Molina e Silvestre e, mudando de ideia, o Vereador Zé Maria Bão (votou a favor do 15/setembro anteriormente).

Hoje, por razões aparentemente festeiras, o Prefeito quer o retorno do feriado para o dia 19. De forma coerente, seu aliado e representante Vereador Melo, tenta reverter a Lei 3.225 aprovada em dezembro/2017, na qual ele não votou favoravelmente.

Entende-se em parte a posição dos vereadores evangélicos, Silvestre, Renato e Molina, em não participarem da oficialização do "Dia da Padroeira".

Não se entende a mudança, em tão pouco tempo, de posicionamento do vereador Zé Maria Bão.

Também não se entenderia a mudança dos votos dos outros oito vereadores que votaram pelo Dia da Padroeira há pouco tempo atrás.

Concluindo: Mesmo com a defecção (êpa) do Vereador Zé Maria Bão, o feriado de 15 de setembro (N.S.Soledade ) seria o vencedor numa votação do Plenário, uma vez que o evangélico Silvestre, como presidente da Câmara não vota e o Joel da Guadalupe, em princípio, pelas suas ligações, votaria favoravelmente para que a Lei 3.225 permaneça em vigor.

Está em jogo a capacidade de convencimento do Prefeito (que é enorme nessa assembleia) ou as orações dos fieis próximos de N.S. Soledade.

Estamos às vésperas da Batalha de Itararé (a que nunca aconteceu). 

Viver é Perigoso 

UM FILME É PARA SEMPRE


Mais um presente da Netflix à disposição de seus assinantes. SHANE - Um dos poucos filmes que tem o título em português, muito bom. "Os Brutos Também Amam ".

Segundo o "American Film Institute", Shane está entre os 50 melhores filmes americanos da história.

Verdade. Lançado no Brasil no dia do Natal de 1953. Só tive a oportunidade de assisti-lo em 1961, no Cine Paratodos, na Boa Vista, é claro.

A sua fotografia é espetacular e com justiça levou o Oscar da categoria em 1954.

Faroeste com Alan Ladd (Shane), Van Heflin e a então já veterana atriz, Jean Arthur, já passando dos seus 50 anos (nasceu em 1900). Aliás, "Shane", foi o seu último filme.

Sob a direção de George Stevens, também brilha o eterno "bandidão" dos faroestes: Jack Palance, que não precisa dizer uma palavra para convencer. 

Imperdível. Uma obra prima do cinema. A cena da luta entre Alan Ladd e Van Heflin, à noite, com os cavalos nervosos misturando com os lutadores é mágica.

Viver é Perigoso

AQUI JAZZ !



Viver é Perigoso

EM EVIDÊNCIA

Pela sua dedicação e forte proximidade com o Prefeito Rodrigo Riera, pelos constantes choques com colegas vereadores e outros membros da comunidade, tem chamado atenção sobre si, o então vereador Rodrigo Melo.

Para os que estão chegando agora, o Sr Rodrigo Melo, nasceu em Sobral - CE em 29/8/1979. Formou-se engenheiro metalurgista pelo Instituto Militar de Engenharia em 2002. É 1º Ten R/2 (Reserva).

Chegou em Itajubá para trabalhar na Imbel em janeiro de 2003, onde atuou como supervisor de produção e gerente de planejamento, até janeiro de 2008.

Trabalhou na Embraer de fevereiro de 2008 até agosto de 2011.

De janeiro de 2013 até 2016, foi secretário municipal da Prefeitura de Itajubá (administração/ciência e tecnologia).

Em 2016 foi candidato a vereador obtendo 589 votos, ficando como 2º suplente. O vereador eleito, Sargento Pereira, foi convidado para assumir a função de secretário municipal de defesa social. O primeiro suplente, Fernando Bissacot, foi convidado para assumir a secretaria de C&T, levando o Sr. Rodrigo Melo a assumir o cargo de vereador em 15 de fevereiro de 2918, com uma participação ativa no plenário e em comissões internas, destacando-se sempre pela agressiva cobertura dada ao Prefeito e assessores.  

Nas eleições de 2018, Rodrigo Melo se candidatou a deputado estadual, obtendo 11.364 votos. Não conseguindo ser eleito, seguiu como vereador.

Comenta-se que pela sua influência e sua proximidade com o poder local, discute-se a sua participação na chapa prefeito/vice a ser apoiada pelos atuais administradores.

Sei lá...

Viver é Perigoso