sexta-feira, 13 de novembro de 2020

VAMOS OUVIR MUITO SOBRE 5G

 


Comentou hoje o jornalista Pedro Doria:

"...Para implementar a rede 5G, as companhias telefônicas terão que seguir dois caminhos. O primeiro passa por aproveitar a infraestrutura que já têm para o 4G. O outro, por comprar equipamento novo. O 5G exige mais antenas que o 4G - é por isso que os dois serão necessários.

Hoje, as telecons usam maquinário das três concorrentes (Ericsson, Noki e Huawei), mas as atualizações para que estações recebam upgrade 4G para 5G não são mutuamente compatíveis.

Equipamento Huawei vai ser atualizado com equipamento Huawei. Ericsson com Ericsson e Kokia com Nokia.

Se não puder Huawei, algo como 40% da rede brasileira vai ter de ser refeita do zero. Isto custa dinheiro.

E quem vai pagar somos nós, todos aqueles que pagam conta de celular.

As companhias telefônicas estão quietas e permanecerão quietas. Sabem que neste tabuleiro o jogo não é racional, não passa por tecnologia, é puta política."

Em tempo, o Brasil é o quinto maior mercado de telefonia celular no mundo.

Viver é Perigoso

2 comentários:

Anônimo disse...

Zé não seria luta política?

Edson Riera disse...

Luta

Sem dúvida.

Zelador