sábado, 28 de novembro de 2020

ITAIPU



A geração acumulada da usina de Itaipu, em 2020, vai atingir os 70 milhões de megawatts-hora (MWh) no início da tarde deste domingo (29), segundo previsão da Diretoria Técnica da empresa. 

Essa quantia seria suficiente para atender o consumo do mundo por 27 horas; do Brasil, por um mês e 23 dias; do Paraguai, por quatro anos e 11 meses; da cidade de São Paulo, por dois anos e seis meses; do Estado do Paraná por dois anos e dois meses; ou, por um ano, 120 cidades do porte de Foz do Iguaçu (PR). 

Desde a entrada em operação, em maio de 1984, no acumulado nestes 36 anos e seis meses, são mais de 2,7 bilhões de MWh – marca jamais alcançada e que dificilmente será batida por outra usina.

Os 70 milhões de MWh, quando comparados com a produção anual de 2019 das maiores usinas do sistema de energia do Brasil, correspondem a 2,4 vezes ao que produziu a hidrelétrica de Tucuruí (PA); a 2,8 vezes a geração da usina de Belo Monte (PA); a 4,1 vezes o que gerou Santo Antônio (RO); 4,2 vezes de Jirau (RO); 5,4 vezes a geração da Ilha Solteira (SP) e nada menos que 8,8 vezes a de Xingó (AL/SE).

A usina totalmente brasileira que mais produziu no ano de 2019 foi Tucuruí, com cerca de 29 milhões de MWh, seguida de Belo Monte, com cerca de 25 milhões de MWh.

Força Brasil !

Viver é Perigoso

Nenhum comentário: