terça-feira, 13 de outubro de 2020

EX - DOUTOR LULA


O Tribunal de Justiça de Alagoas anulou o ato administrativo que deu ao ex-presidente e ex-presidiário Lula (PT), condenado duas vezes por corrupção e lavagem de dinheiro, o título de “doutor honoris causa” da Uneal (Universidade Estadual de Alagoas).

O título foi entregue em 2017 pelo então reitor, Jairo Campos, militante do PCdoB, num dos fatos que mais constrangeram os alagoanos. Oito meses depois, o petista seria preso por ladroagem.

O título foi aprovado em março de 2012, mas o ex-presidente só agendou sua ida a Arapiraca para receber a honraria cinco anos depois de concedida, durante sua “caravana pelo Nordeste.

Em sua decisão, o juiz Carlos Bruno de Oliveira Ramos, da 4ª Vara Cível de Arapiraca, afirma que “Não é razoável, nem atende à moralidade administrativa conceder honraria a alguém condenado judicialmente e que ainda responde a outras ações penais”.

Diário do Poder

Viver é Perigoso

Nenhum comentário: