sábado, 31 de outubro de 2020

FUJA ENQUANTO É TEMPO



Um debate de alto nível se assenta sobre fatos e dados, que um postulante a prefeito tem a obrigação de conhecer e enfrentar. 

Seu candidato foge de debates ? 

Fuja dele.

Viver é Perigoso

CANTINHO DA SALA

 


Eleonore Koch - Ally and Dark Trees - 1974

Eleonore Koch, simplesmente Lore Koch, pintora e escultora brasileira de origem alemã. 

Nasceu em Berlim em 1926.

Sua família emigrou para São Paulo em 1936, fugindo da perseguição do regime nazista.

Conheceu o pintor Alfredo Volpi, e de 1953 a 1956 foi sua aluna, mudando seu foco neste período da escultura para a pintura. Volpi influenciou fortemente sua obra, e ela tornou-se conhecida como sua única discípula.

Tomou o barco em São Paulo m 2018.

Viver é Perigoso

SEGUNDA ONDA


Expressão em voga no momento. 

Ouvido hoje no Calçadão na turbulência da campanha eleitoral. Na cidade, a Segunda Onda será de responsabilidade do próximo prefeito. As chuvas dos últimos dias mostraram a necessidade de intervenção da Administração Municipal.

Evidências comprovadas.

Trata-se da Segunda Onda de camada de asfalto para cobrir as crateras, rachaduras e outros sintomas nas obras recém executadas na cidade.

A Primeira Onda, também chamada de outdoor pré-eleitoral, foi responsável por um pindura municipal, a longo prazo de mais de 35 milhões. 

A Segunda Onda, certamente à base de remendos, deverá ficar mais em conta. 

Viver é Perigoso   

HOJE É DIA DE ROCK


Em 2016 o assunto foi discutido.

A possível evidência de plágio entre a música do Black Sabbath " Sabbath Bloody Sabbath", do album homônimo lançado em dezembro/1973 e  a música "What to do", do album "Vanusa", lançado quatro meses antes.

Dois universos musicais distintos. 

Curioso é que a cantora brasileira era conhecida por seus hits românticos e em nível nacional e a música "What to do" é a única música em inglês do álbum "Vanusa".

Dica: Anselmo

Viver é Perigoso

A SERVIÇO DE SUA MAJESTADE

 

Aconteceu num domingo de 1964, no Cine Presidente. Na tela, o sucesso "007 contra o Satânico Dr No ". Foi a estreia no cinema dos filmes baseados nas novelas de Ian Fleming. Lá estava Sean Connery como James Bond.

Numa cena com a atriz britânica, Eunice Gayson, surge uma das frases mais famosas de James Bond.

Os dois estão em um cassino, quando ela sugere que o agente secreto aumente sua aposta. 

Ele responde: "Admiro sua coragem, senhorita...".

"Trench, Sylvia Trench. Admiro sua sorte, senhor...", ela responde.

Ele completa:

"Bond. James Bond."

Viver é Perigoso

sexta-feira, 30 de outubro de 2020

FALOU E DISSE


O jornalista Ricardo Kotscho, de 2003 a 2004, durante o governo Lula, foi Secretário de Imprensa e Divulgação da Presidência da República.

Recebeu por quatro vezes o Prêmio Esso de Jornalismo - o mais importante da categoria, no Brasil 

Kotscho (com 72 anos) publicou hoje:
.
"A bordo de velhos nomes e velhas propostas, o Partido dos Trabalhadores chega às urnas em 2020 com remotas chances de eleger prefeitos nas principais capitais do país, como mostram todas as pesquisas. Não dá para brigar com os fatos. Aos 40 anos, o PT envelheceu e está sem rumo, apenas tentando acertar as contas com o passado e glorificar as conquistas dos seus períodos de governo.

Cheguei a essa triste conclusão assistindo terça-feira ao programa produzido pelo partido e exibido nas redes sociais para celebrar os 75 anos de Lula, seu fundador e ainda a principal liderança. Fora os filhos e netos do ex-presidente, a maioria dos personagens que desfilaram na tela está na minha faixa etária, ou seja, não têm muito futuro pela frente. Quem não ficou careca está de cabelos brancos ou grisalhos.

A maior prova de que o discurso petista já não empolga é que, ao longo de mais de uma hora de programa, em nenhum momento a audiência chegou a 400 pessoas assistindo no YouTube. Apenas 400 pessoas! Dá para acreditar? Já na eleição municipal de 2016, o PT perdeu dois terços das suas prefeituras e só elegeu o prefeito de uma capital, Rio Branco, no Acre. Não houve uma renovação de lideranças e de propostas, nada mudou no comando do partido, que só teve dois presidentes nos últimos muitos anos, e hoje lidera as pesquisas apenas em Vitória, no Espírito Santo.

Para um partido que venceu quatro eleições presidenciais consecutivas neste século, não basta colocar a culpa na mídia, na Lava Jato e nos adversários para justificar a derrocada. Algo se rompeu na relação do PT com o seu eleitorado. Os tempos mudaram e as receitas usadas nas antigas campanhas eleitorais também envelheceram, já não empolgam mais. Foi-se o tempo dos grandes comícios (e não só por conta da pandemia) e da militância aguerrida, que fazia campanha de porta em porta, carregando suas bandeiras com a estrela por todos as esquinas e grotões do país. Ninguém mais vende a bicicleta, empresta o carro ou falta no emprego para fazer campanha pelo PT.

Como vimos em 2018, as eleições agora se decidem nos algoritmos da internet, e não mais nos programas na TV; nos memes e nas fake news, e não mais nas propostas de governo; apenas nas altas rodas do poder econômico e não em assembleias de operários e estudantes. Numa democracia em que os partidos perderam a importância e o respeito, com a multiplicação de siglas de aluguel que têm donos, assim como as novas igrejas, que brotam por toda parte, a sociedade civil cedeu lugar às corporações militares e religiosas, abrindo espaço para as milícias e o crime organizado, cada vez mais influentes. Esta é a nova realidade da política brasileira, gostemos dela ou não. 

Dia 15 de novembro, as urnas vão provar. 

Vida que segue."

Viver é Perigoso

AINDA SOBRE FLORES


Minas Gerais atingiu seu melhor saldo entre empregos criados e desligamentos em 2020: foram 36.505 postos de trabalho no mês de setembro. De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia, no último mês foram admitidos 150.248 funcionários. No mesmo período, houve 113.746 demissões.

Viver é Perigoso

NHONHO

 

Viver é Perigoso

quinta-feira, 29 de outubro de 2020

É DISCO QUE EU GOSTO


Viver é Perigoso

VIVER É PERIGOSO


Guimarães Rosa - Grande Sertões - Veredas, que deu o nome para o Blog.

Viver é Perigoso

SOB A LUZ DE VELAS

Às vezes o pior inimigo da verdade são os fatos.


Amós Oz

Viver é Perigoso


PRÁ NÃO DIZER QUE NÃO FALEI DE FLORES


O Brasil abriu 313.564 vagas de emprego com carteira assinada em setembro, segundo dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) divulgados hoje (29/10) pelo Ministério da Economia. É o terceiro mês seguido de saldo positivo. Em agosto, foram criados 244 mil postos de trabalho. Em 2020, porém, o balanço ainda é negativo: nos nove primeiros meses do ano, foram perdidos 558.597 empregos, em meio à crise causada pela pandemia de coronavírus.

Blog: Vamos consultar sobre Minas Gerais e claro, sobre o Sul de Minas.

Viver é Perigoso

DEPENDÊNCIA OU MORTE

Compromisso que teria sido assumido por um político mineiro com o seu sucessor, depois de uns trezentos anos no cargo de prefeito:

Dou minha palavra que você poderá usar a minha sala durante todo o tempo. Enjoei de lá. O que tem aparecido de pidonchos por lá é uma grandeza. E para não dizerem que você não passa de um poste, pode demitir o secretário municipal Moacyr, que andou traindo a gente na eleição e também o Ariovaldo. Um chato que pergunta tudo. Não tem um pingo de iniciativa.

Sem querer me meter na indicação dos substitutos, sugiro os nomes do Clemente e do Almeida para ocuparem os cargos vagos. Foram fieis vereadores e não conseguiram a reeleição.

Mantenha o pessoal contratado para serviços, pelo menos por mais um ano. Em especial os advogados, uma vez que têm conhecimento de causa.

Como afirmei na véspera da convenção, na saúde, nem pensar em mexer. Ajude quem a gente já está ajudando e esqueça a instituição que escanteamos. 

Vá levando esse pessoal de ciência&tecnologia no bico. Eles gostam é de mostrar projetos e números na parede. Fique quieto, cochile e elogie bastante no final da apresentação. Ficarão realizados.

Deixe comigo a eleição para a presidência da Câmara. Vai ser gente nossa.

Com relação a imprensa escrita e falada, já conversamos.

Como apreço a sua fidelidade, os contatos com os nossos deputados, federal e estadual, continuarão centrados em mim.

Mantenha ao seu lado o pessoal do gabinete responsável pela internet. Que continuem atentos e prontos para postagens.

Fique com o meu novo número. Será de uso exclusivo entre nós. 

Em princípio, nos contataremos, no mínimo, três vezes por dia.

Finalizando, repito o meu chavão preferido: "Destesto Surpresas".

Enfim...seja eu mesmo.

Viver é Perigoso  

ÍSSO É BATATA !


"A catástrofe da pandemia na gastronomia nos ensinou muito, acho que já falei disso Vou me alongar em uma dessas lições: batata frita, possivelmente a comida mais perfeita do mundo, não sobrevive fora de um restaurante. Ou bar. Ou lanchonete. A batatinha nasceu para ser comida fora de casa.

É um problema comum a todas as frituras de imersão –feitas em muito óleo quente, que cria uma crosta externa e cozinha o interior do alimento no vapor que fica lá represado. A batata, por ser a mais popular das frituras (e um acompanhamento quase universal), simboliza esse problema alimentar tão 2020.

Frituras devem ser comidas quentes, recém-saídas do óleo.

No decorrer da pandemia, descobrimos que delivery de batata frita não funciona de jeito nenhum.

O delivery obrigatório me vez provar batata frita algumas vezes. Não importa a qualidade do restaurante ou dos outros pratos que ele entrega: as fritas são sempre lamentáveis, murchas, molengas, meio frias. Aquecer só piora."

Marcos Nogueira - Cozinha Bruta

Viver é Perigoso

LIVRO

 


“Livros não mudam o mundo,
quem muda o mundo são as pessoas.
Os livros só mudam as pessoas.”

Mário Quintana

Viver é Perigoso

DATA VÊNIA


 Aconteceram duas reuniões da comissão designada pela Câmara dos Deputados para discutir a atualização da lei de Lavagem de dinheiro. O grupo foi formado em setembro para formular um relatório com propostas de mudanças para a lei de vagem. A comissão é formada por 44 integrantes, sendo 24 advogados, 13 membros do poder judiciário e 7 do Ministério Público.

Para se ter uma ligeira ideia de algumas das propostas apresentadas:

- Para que a lavagem de dinheiro deixe de ser um crime autônomo e só possa ser punido se houver condenação por um crime antecedente.

- Para que seja descriminalizada a ocultação de bens e valores, ficando como crime apenas a lavagem na modalidade de dissimulação de valores - quando o pagamento é feito por serviço não prestado.

- Para que seja diminuída a pena máxima de lavagem de dinheiro de 10 para 6 anos.

- Para que a lei preveja expressamente que o recebimento de  honorários advocatícios não configure lavagem sob qualquer hipótese.

Estamos devidamente lascados

Viver é Perigoso .

quarta-feira, 28 de outubro de 2020

DODÔ


Ainda era criança no Grupo Escolar Rafael Magalhães, na Boa Vista, é claro, quando tomei conhecimento do Dodô, pássaro simpático e gorducho que viveu nas Ilhas Maurício, a 1.900 quilômetros da costa africana, no oceano Índico. .

O Dodô desapareceu. no século 17 com a chegada dos colonizadores ao seu hábitat. Sempre senti um dó danado e sua existência passou a ocupar um espaço na biblioteca da minha mente.

A vida boa do bicho durou só até os europeus aportarem em Maurício. Primeiro foram os portugueses, em 1507. A ação mais cruel foi a dos holandeses, que colonizaram o lugar a partir de 1598. Foi visto pela última vez em 1662.

Pouco maior que um peru e pesando cerca de 23 quilos, o dodô era um pombo gigante da família da família Raphidae. Como tinha asas curtas e frágeis, não conseguia voar. Nem precisava, pois na ilha era disponível alimentação farta e não existia nenhum mamífero predador. Até chegar o mais voraz deles (o homem).

Uma das origens possíveis para o nome do animal é a palavra "doodars", que pode significar traseiro gordo, ou ainda "dodoor", preguiçoso em holandês. Também é possível que tenha derivado do português "doudo", que era a forma usada na época para a palavra doido.

Ainda hoje, quando me deparo com uma pessoa boa e até ingênua lembro logo do Dodô.

Viver é Perigoso

FALOU E DISSE :


Otávio Santana do Rêgo Barros é General de Divisão do Exército Brasileiro. Doutor em ciências militares, foi porta-voz da Presidência da República, nomeado pelo governo Jair Bolsonaro. 

Antes de ser nomeado porta-voz do governo por Bolsonaro, o general Rêgo Barros foi chefe do Centro de Comunicação Social do Exército, de abril de 2014 até 14 de fevereiro de 2019

O artigo publicado pelo General Otávio (ontem 27/10) no Correio Braziliense, teve grande repercussão na imprensa e movimentou as redes sociais.

Os líderes atuais, após alcançarem suas vitórias nos coliseus eleitorais, são tragados pelos comentários babosos dos que o cercam ou pelas demonstrações alucinadas de seguidores de ocasião.

É doloroso perceber que os projetos apresentados nas campanhas eleitorais, com vistas a convencer-nos a depositar nosso voto nas urnas eletrônicas, são meras peças publicitárias, talhadas para aquele momento. Valem tanto quanto uma nota de sete reais.

Tão logo o mandato se inicia, aqueles planos são paulatinamente esquecidos diante das dificuldades políticas por implementá-los ou mesmo por outros mesquinhos interesses. Os assessores leais — escravos modernos — que sussurram os conselhos de humildade e bom senso aos eleitos chegam a ficar roucos.

Alguns deixam de ser respeitados. Outros, abandonados ao longo do caminho, feridos pelas intrigas palacianas. O restante, por sobrevivência, assume uma confortável mudez. São esses, seguidores subservientes que não praticam, por interesses pessoais, a discordância leal.

A autoridade muito rapidamente incorpora a crença de ter sido alçada ao olimpo por decisão divina, razão pela qual não precisa e não quer escutar as vaias. Não aceita ser contradita. Basta-se a si mesmo. Sua audição seletiva acolhe apenas as palmas. A soberba lhe cai como veste. Vê-se sempre como o vencedor na batalha de Zama, nunca como o derrotado na batalha de Canas.

Infelizmente, o poder inebria, corrompe e destrói! E se não há mais escravos discordantes leais a cochichar: “Lembra-te que és mortal”, a estabilidade política do império está sob risco. "

Viver é Perigoso

HALLOWEEN

 


Viver é Perigoso

TOMOU O BARCO

 


Mário Pereira da Silva, simplesmente, Mário Botina. Nasceu em Itajubá, cresceu e estudou Agronomia em Lavras e tomou o barco, aos 75 anos, em Sete Lagoas.

Um craque de bola. Primo dos Sarlas, da Boa Vista é claro, Athanásio, Cati, Sócrates, Marina e Fátima.

O Mário sempre passava suas férias na Boa Vista e em uma delas, estive com o Sócrates, passando uns dias em sua casa em Lavras. Lembro-me bem do pessoal bonito e do bem. Dona Emília e as irmãs Maria José e Natércia.

Um ídolo da Associação Olímpica de Lavras, que defendeu com tanto amor. Admirado inclusive pelos rivais do Fabril. Mário passou pelo Santos de Pelé.

Notícia triste que nos chegou pelo site www.mirantedabocaina.com.br

Mais um amigo que nos deixa.

Viver é Perigoso

terça-feira, 27 de outubro de 2020

COMBATE NAS TREVAS

De 1968 a 1973, um cidadão poderia ser fichado e intimado a depor se descobrissem que tinha em seu poder algum livro considerado subversivo. Sem exagero, até livros com capas vermelhas eram considerados suspeitos.

Caso acontecesse hoje, e se numa busca colocassem os meus livros numa balança, pesando os de direita e os de esquerda, a balança ficaria equilibrada. O importante é ter conhecimento de visões diferentes da história.

Não aprecio extremos. Nem de direita e tão pouco de esquerda.

Combate nas Trevas - Jacob Gorender. Publicado pela primeira vez em 1987. Consegui um exemplar da 5ª edição, publicada em 1999. Livro difícil de se achar.

Uma leitura imprescindível para entender sem paixão os marcantes e dramáticos vividos no período pré-1964, até 1973.

Para quem está chegando agora, Jacob Gorender foi um historiador e cientista social brasileiro, nascido em Salvador em 1923. Tomou o barco em São Paulo em 2013. 

Em 1941 entrou para a Faculdade de Direito de Salvador, época em que se filiou ao Partido Comunista Brasileiro (PCB). Interrompeu os estudos em 1943 quando, aos 20 anos, se alistou na Força Expedicionária Brasileira. Lutou na Europa em batalhas como a de Monte Castelo, na Itália. Com o fim da Segunda Guerra Mundial, mudou-se para o Rio, onde trabalhou em jornais de esquerda e, em 1953, para São Paulo. 

"Entendo por esquerda o conceito referencial de movimentos e ideias endereçados ao projeto de transformação social em benefício das classes oprimidas e exploradas. Os diferentes graus, caminhos e formas dessa transformação social pluralizam a esquerda e fazem dela um espectro de cores e matizes".

"Este livro não apresenta a esquerda no papel de vítima passiva. Toda a esquerda se opôs à ditadura militar e a maior parte dela adotou a linha da luta armada."

"Do ponto de vista pessoal, não tomei parte em nenhuma ação armada. Na incerteza da clandestinidade, sobrevivi penosamente com o trabalho de tradutor. Recebia encomendas de editoras por intermédio de amigos, aos quais aqui expresso gratidão".

"Fui preso no dia 20/01/1969, no dia que completava 47 anos. Começaram com choques elétricos (no Deops - Largo General Osório), seguido de pontapés e "telefones" - tapas atordoantes e simultâneos nos dois ouvidos - Em seguida, pau-de-arara, com pés e mãos atados por cordas, seguro á trave de face para cima, com choques elétricos em várias partes do corpo e queimadura nas solas dos pés. Introdução de água pelas narinas por meio de um funil"

" Acho que a tortura em certos casos torna-se necessária, para obter confissões - General Ernesto Geisel -

Viver é Perigoso

JUÍZO MOÇADA !



A primeira onda atingiu a Europa e nós aqui só acompanhando a espuma. A onda chegou e levou milhares de roldão. E nós discutindo. 

A segunda onda está atingindo a Europa com força total. E as autoridades só fofocando. 

Pelos números, passaremos o natal e reveillon surfando. 

Viver é Perigoso

NOS ENCONTRAREMOS LÁ

 


José Roberto Aguilar - Na Galeria de Arte do Centro Cultural FIESP. Avenida Paulista, 1.313 - De quinta a domingo, das 13:00 às 17:00. É grátis.

Só precisa agendar a vista pelo site www.SESISP.ORG.BR/MEU-SESI

Irá até o dia 20/12

Viver é Perigoso

TIM - TIM

 

Viver é Perigoso

segunda-feira, 26 de outubro de 2020

MOÇO BONITO


Os 15 dias que vivemos em perigo.

Amigo mesmo, desses que quase não existem mais. Eu de direita e ele de esquerda. quer dizer, um destro e outro canhoto. Descobrimos quase tudo juntos. Cúmplices.

Já era amigo do Virgílio Machado desde essa época:

"A história geológica mostra que as regiões sul e sudeste do Brasil já pertenceram a um dos maiores desertos em extensão da terra, isso há mais de 130 milhões de ano.
Por essa época, a América do Sul ainda estava unida à África, formando o supercontinente Gondwana. O rio Amazonas nascia ao norte da África e desembocava no oceano Pacífico. Com a ruptura do Gondwana, houve a elevação das cordilheiras dos Andes, o que provocou a alteração do curso do rio Amazonas.
Essa ruptura também deu origem ao oceano Atlântico e ao maior fluxo de lava da história da terra, que sepultou as areias do antigo deserto.
O clima desértico abrandou até desaparecer por completo e um novo regime de chuvas começou a dominar.
Dados e informações colhidas confirmam que a cidade de Itajubá foi um dia um árido deserto, com as mesmas características do Kalahari que cobre a Namíbia e o Botswana.
Confirmado por antigos manuscritos a existência de Oásis de extrema valia situado nas atualizadas coordenadas 22º 25´30´´ de latitude sul, e 45º 27´20´´ a oeste do meridiano de Greemwich.
Era chamado do Oásis de Boa Vista."

Juízo Caro Véio.

Viver é Perigoso

LIBEROU GERAL ?


DECRETO Nº. 8.116/2020 

Revoga o art. 6º do Decreto nº 7.801/2020.

CONSIDERANDO a retomada das atividades, no Município, conforme as fases do Minas Consciente; 

DECRETA: Art. 1º. Fica revogado o art. 6º do Decreto nº 7.801/2020. 

Art. 2º. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. 

Itajubá/MG, 23 de outubro de 2020

Para os que estão chegando agora, aí está a art 6º do Decreto nº 7.801/2020

Art. 6º. Fica determinado, em relação aos serviços de transporte de passageiros, que a lotação do serviço de transporte coletivo intramunicipal de passageiros deverá ser reduzida em 50% (cinquenta por cento) da frota e da capacidade de lotação dos transportes públicos e privados, urbanos e rurais, devendo observar as seguintes práticas sanitárias: 

I – realização de limpeza minuciosa diária dos veículos e, a cada turno/viagem, das superfícies e pontos de contato com as mãos dos usuários, com utilização de produtos de assepsia que impeçam a propagação do vírus;

II – higienização do sistema de ar-condicionado, se houver; 

III – manutenção, quando possível, de janelas destravadas e abertas de modo a possibilitar a plena circulação de ar; 

IV – fixação, em local visível aos passageiros, de informações sanitárias sobre higienização e cuidados para prevenção, enfrentamento e contingenciamento da pandemia Coronavírus COVID-19;

V – aos concessionários e permissionários do serviço de transporte coletivo, aos responsáveis por veículos de transporte coletivo e individual, a instrução e orientação de seus empregados, em especial motoristas e cobradores, de modo a reforçar a importância e a necessidade de: a) adotar cuidados pessoais, sobretudo lavar as mãos e o uso de produtos assépticos durante e ao término de cada viagem e observar a etiqueta respiratória; b) manter a limpeza dos veículos; c) adequado relacionamento com os usuários de transporte público e privado.

Blog: De ônibus o pessoal entende

Viver é Perigoso

CUIDADO COM O ESTADO DE CALAMIDADE PÚBLICA

 


DECRETO Nº 8105

“Dispõe sobre o encerramento do exercício financeiro de 2020, estabelece medidas de controle das despesas totais do Município de Itajubá, para fins de cumprimento da Lei Complementar nº 101/2000 (Lei de Responsabilidade Fiscal) e Lei nº 4.320/64 e dá outras providências”.

Itajubá, 22 de outubro de 2020.

Blog: Assunto importante que poderá dar muito trabalho em 2021. Ou não, dependendo da eleição do próximo dia 15.

Oremos

Viver é Perigoso

GENOCIDA

 

Viver é Perigoso

LIVRO, PRESENTE DE AMIGO


No caso, livros. E o amigo é o caro Marcos Berti, da Boa Vista, é claro, que me apresentou há 50 anos, o escritor Mário Gianluigi Puzo (The Godfather ), Harry Nilsson (Whithout You e Everybody´s Talkin). Amigos são aqueles, que para o seu bem, te empurram para fora da zona de conforto.

Breve história de quase tudo - Bill Bryson
Princípios - Ray Dalio
Apelo à razão - Fabio Giambiagi/Rodrigo Zeidan

Viver é Perigoso

domingo, 25 de outubro de 2020

sábado, 24 de outubro de 2020

ELVIS NÃO MORREU



“Como sempre faz em véspera de eleições, a Lava Jato ataca o presidente Lula. Não há outra razão para o juiz Bonat ter aceito hoje a denúncia fajuta sobre as doações ao Instituto Lula, que ele sabe que são totalmente legais. É muita cara de pau.”

Gleisi Hoffmann

Viver é Perigoso

FRASES CÉLEBRES QUE ATRAVESSAM OS TEMPOS

 


Alea Jacta Est - A sorte está lançada - Júlio César

Veni, Vidi, Vici - Vim, vi e venci - Júlio César

To be or not to be, that is the question - Ser ou não ser, eis a questão

Nada é permanente, exceto a mudança - Heráclito

Penso, logo existo - Descartes

Independência ou Morte - D. Pedro I

Os proletários nada tem a perder a não ser os seus grilhões - Karl Marx

Saio da vida para entrar na história - Getúlio Vargas

Os que forem brasileiros que me sigam - Duque de Caxias

Os brasileiros não estão preparados para votar - Edson Arantes do Nascimento (Pelé)

Viver é Perigoso

ITAJUBÁ E O REI DO FUTEBOL

 

Itajubá esteve representada no dia em que Pelé foi consagrado Rei do Futebol. 

Aconteceu numa crônica escrita pelo Nelson Rodrigues e publicada na revista Manchete Esportiva no dia 8/3/1958.

Tratou da partida acontecida no dia 26/2/1958, no Maracanã, Santos 5x3 América, pelo Torneio Rio-São Paulo.

Foi a primeira crônica de Nelson Rodrigues sobre Pelé — e a primeira em que o jogador foi chamado de Rei.

"17 anos. Verdadeiro garoto, o meu personagem anda em campo com uma dessas autoridades irresistíveis e fatais. Dir-se-ia um rei, não sei se Lear, se imperador Jones, se etíope. Racialmente perfeito, do seu peito parecem pender mantos invisíveis. Em suma: — ponham-no em qualquer rancho e a sua majestade dinástica há de ofuscar toda a corte em derredor.

O que nós chamamos de realeza é, acima de tudo, um estado de alma. E Pelé leva sobre os demais jogadores uma vantagem considerável: — a de se sentir rei, da cabeça aos pés. Quando ele apanha a bola e dribla um adversário, é como quem enxota, quem escorraça um plebeu ignaro e piolhento. E o meu personagem tem uma tal sensação de superioridade que não faz cerimônias. Já lhe perguntaram: — “Quem é o maior meia do mundo?” Ele respondeu, com a ênfase das certezas eternas: — “Eu.” Insistiram: — “Qual é o maior ponta do mundo?” E Pelé: — “Eu.” 

Em outro qualquer, esse desplante faria rir ou sorrir. Mas o fabuloso craque põe no que diz uma tal carga de convicção que ninguém reage, e todos passam a admitir que ele seja, realmente, o maior de todas as posições. Nas pontas, nas meias e no centro, há de ser o mesmo, isto é, o incomparável Pelé.

Vejam o que ele fez, outro dia, no já referido América x Santos. Enfiou, e quase sempre pelo esforço pessoal, quatro gols em Pompeia. Sozinho, liquidou a partida, liquidou o América, monopolizou o placar. 

Ainda no primeiro tempo, ele recebe o couro no meio do campo. Outro qualquer teria despachado. Pelé, não. Olha para a frente, e o caminho até o gol está entupido de adversários. Mas o homem resolve fazer tudo sozinho. Dribla o primeiro e o segundo. Vem-lhe, ao encalço, ferozmente, o terceiro, que Pelé corta sensacionalmente. Numa palavra: — sem passar a ninguém e sem ajuda de ninguém, ele promoveu a destruição minuciosa e sádica da defesa rubra. Até que chegou um momento em que não havia mais ninguém para driblar. Não existia uma defesa. Ou por outra: — a defesa estava indefesa. E, então, livre na área inimiga, Pelé achou que era demais driblar Pompeia e encaçapou de maneira genial e inapelável."

E Itajubá nessa ?

O goleiro do América naquele jogo era o itajubense José Valentin da Silva, simplesmente Pompeia, que sofreu os quatro gols marcados pelo Pelé.

POMPÉIA. Goleiro da Seleção Brasileira e Campeão Carioca pelo América em 1960.

Tive a sorte de conhece-lo pessoalmente quando criança. Extremamente alegre e me parecia um gigante.

Seu apelido era "Constellation", um modelo de avião muito conhecido na época.

Saiu do bairro da Varginha, mais precisamente, de uma pequena rua ao lado do batalhão, onde  morava sua família, para ser profissional no Rio de Janeiro.

É citado no livro "Goleiros Heróis e Anti-Heróis da Camisa 1 - Paulo Guilherme Oliveira- Alameda Casa Editorial, como um dos maiores goleiros do mundo de todos os tempos.

É do Pompéia a frase que passou para a historia do futebol: " Goleiro é quem gosta de bola. Todo mundo chuta a bola. Só o goleiro abraça".

Viver é Perigoso

sexta-feira, 23 de outubro de 2020

TRAUMA DE INFÂNCIA


 Viver é Perigoso

DECIFRADA A INCÓGNITA

 

Viver é Perigoso 23/11/2018 (Agora aguenta ! )

Viver é Perigoso

FALOU E DISSE



"Políticos não são cientistas, artistas, atletas. Não são reconhecidos pela população por serem capazes de algo considerado notável, difícil, bonito, divertido ou extraordinário. Estão lá pelo voto do povo, aquele mesmo que muitos deles, depois de eleitos, começam a tratar com a soberba, a prepotência e os chiliques de uma prima-dona mal resolvida."

Zé Beto

Viver é Perigoso


OUTROS TEMPOS

 


Tornou-se uma discussão política. 

Trump, em sua campanha eleitoral, chega a comentar a necessidade de que os países sejam indenizados pela China, origem do covid-19.

Comentamos outro dia o livro "A Grande Gripe" - John M. Barry, que trata com impressionante nível de detalhes, a Gripe Espanhola de 1918, que tragicamente assolou o mundo. 

A origem da pandemia de gripe espanhola têm sido controversa. Uma hipótese é que a estirpe do vírus se originou nos Estados Unidos, em Fort Riley - Kansas, em vírus de aves e suínos criados para serem utilizados como alimentos. À medida que as tropas norte-americanas se mobilizavam em massa para o esforço de guerra na Europa, elas levavam consigo a gripe espanhola.

Não se tem conhecimento de pedidos de indenização. 

A doença foi observada pela primeira vez no condado de Haskell - Kansas, em janeiro de 1918, levando o médico local Loring Miner a avisar o Serviço de Saúde Pública dos Estados Unidos. 

Em 4 de março de 1918, o cozinheiro Albert Gitchell, do condado de Haskell, relatou estar doente em Fort Riley, uma instalação militar dos Estados Unidos que na época treinava tropas norte-americanas durante a Primeira Guerra Mundial, fazendo dele a primeira vítima registrada da gripe. 
Em questão de dias, 522 homens no campo declararam estar doentes. Em 11 de março de 1918, o vírus chegou ao Queens, Nova Iorque.

A epidemia chegou ao Brasil em setembro de 1918. O navio inglês "Demerara", vindo de Lisboa, desembarcou doentes no Recife, em Salvador e no Rio de Janeiro. No mesmo mês, marinheiros que prestaram serviço militar em Dakar, no Senegal, desembarcaram doentes em Recife. Em pouco mais de duas semanas, surgiram outros focos em diversas cidades do Nordeste e em São Paulo.

As estimativas variam quanto ao número total de pessoas que morreram vitimadas pela gripe espanhola. Uma estimativa de 1991 alega que a pandemia matou entre 25 a 39 milhões de pessoas. Em 2005, uma estimativa reportou o número de mortos em provavelmente 50 milhões.  Uma reavaliação em 2018 estimou o total em cerca de 17 milhões. Com uma população mundial de 1,8 a 1,9 bilhão, tais estimativas correspondem a entre 1% e 6% da população.

Viver é Perigoso

JUÍZO MOÇADA !


Mesmo em meio à pandemia de Covid-19, quem for renovar o contrato de aluguel de um imóvel pode levar um susto: o valor acumulado do Índice Geral de Preços Mercado (IGP-M), nos últimos 12 meses, é o mais alto para o período em 17 anos com a prévia de outubro apontando ainda mais aumento. 

O indicador é utilizado para calcular o reajuste dos aluguéis em geral, e chegou a 17,94% em setembro deste ano. No mesmo mês do ano anterior, não atingiu nem 3,4%.

O aumento atual é 7,6 vezes maior do que o previsto pelo governo federal para o índice, que regula o aumento do salário mínimo, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). 

Pelas previsões mais recentes do do governo, esse índice deve chegar a 2,35% neste ano. Caso a estimativa seja mantida, o salário mínimo passaria de R$ 1.045 para 1.069,55, ainda em 2021. Ao mesmo tempo, um aluguel com o mesmo valor do salário mínimo atual passaria para R$ 1.232 — podendo aumentar, se o IGP-M continuar subindo.

A mudança já é vista nas renovações de contratos de locação de imóveis que ocorrem neste ano.

Viver é Perigoso

MADE IN ITAJUBÁ


A ISA - tradicional loja que existe há 30 anos em São Caetano do Sul, na Grande São Paulo.A loja é a revendedora no estado de São Paulo da Imbel (Indústria de Material Bélico do Brasil), empresa de produção de armas vinculada ao Exército. A estatal, criada em 1975 pelo regime militar, vende pistolas, fuzis, carabinas, munição e outros produtos.

Produtos em oferta: fuzis do Exército, cuja venda acaba de ser facilitada pelo governo de Jair Bolsonaro. Ao longo do ano passado, uma série de decretos mudou a classificação de alguns calibres e tipos de armas, o que facilitou que sejam adquiridos.

A ISA, desde o início de outubro, é a primeira loja autorizada pela Imbel a vender dois modelos muito cobiçados por quem atira: fuzis e carabinas, nos calibres 5.56 e 7.62. O grande chamariz é o ParaFal, que agora pode ser comprado por cerca de R$ 12.900. A outra novidade é a carabina IA2, que sai um pouco mais em conta, ao redor de R$ 10.000. Antes dos decretos do governo federal, o carro-chefe da loja era a pistola 380, que ainda tem grande demanda.

É uma rara concorrente da gaúcha Taurus, que praticamente monopoliza o mercado brasileiro de armas. Mas a Imbel corre num nicho próprio. Seu grande diferencial é ser a fornecedora de armamento para as Forças Armadas e agentes de segurança.

No início de outubro, a loja mostrou com orgulho a visita do secretário de Assuntos Fundiários do Ministério da Agricultura, Nabhan Garcia, antigo opositor dos sem-terra, ao lado de outros funcionários do governo.

Com o clima favorável ao armamento, os registros de armas de fogo no Brasil têm crescido expressivamente no Brasil.

Blog: Segundo um grande amigo, de muitos anos, a Imbel não produz armas de ataque e sim, somente de defesa.

Viver é Perigoso 

SIMPLESMENTE PELÉ


Tive o prazer de ver o Pelé jogar presencialmente em diversas oportunidades. Desde no Maracanã, como numa noite sensacional em Guaratinguetá, numa partida pelo campeonato paulista, e o negão, marcado pelo craque e amigo da Boa Vista, é claro, Carlito.

Deu Santos e ninguém ficou triste. Vi o Pelé, de pertinho, em 1962, com a Seleção Brasileira treinando em Campos do Jordão.

Oitenta anos. Encantou o mundo.

Viver é Perigoso  

quinta-feira, 22 de outubro de 2020

NEGÓCIO DA CHINA



No dia 17 de setembro último, dando sequência na sua campanha política, o presidente Bolsonaro foi até a Paraíba para inaugurar a Usina Fotovoltaica Coremas III. Na cerimônia, Bolsonaro destacou a importância do investimento em energias renováveis no país e disse que o governo trabalha para garantir essas parcerias com a iniciativa privada.

O complexo de usinas é o maior de energia solar do país e pertence ao grupo privado Rio Alto Energias Renováveis, que iniciou seus projetos em 2011, a partir dos primeiros leilões públicos em que a energia solar foi inserida. A usina inaugurada na Paraíba usa inversores e soluções de inteligência artificial da chinesa Huawei.

Mais famosa por equipamentos de telecomunicações e pelas recentes controvérsias globais sobre o uso ou não de sua tecnologia 5G, a gigante chinesa Huawei avançou rapidamente no cobiçado setor de energia solar do Brasil, onde lidera no fornecimento de inversores solares, equipamento que recebe a energia dos painéis.

Em tempo:

Segundo a diretora de Digital Energy Business da Huawei do Brasil, Quanling Wang :

A companhia, que tem 30% desse mercado no Brasil, agora prepara o lançamento de baterias elétricas que podem ser associadas com sistemas de geração fotovoltaica. Para a Huawei, no entanto, a trajetória do Brasil nessa área está apenas começando.
“Esse setor ainda é muito pequeno em relação ao mercado total, se a gente falar em termos de matriz energética a parte solar representa menos de 2%. Então achamos que a indústria solar tem realmente um futuro muito brilhante no Brasil. A Huawei começou no final de 2016 o negócio de solar no Brasil e até agora, em três anos e pouco, já se tornou líder de mercado”, Usinas solares em operação ou em construção com inversores solares da Huawei somam cerca de 2 gigawatts em potência. O Brasil possui atualmente cerca de 3 gigawatts em capacidade instalada em grandes usinas solares, além de cerca de 3,8 gigawatts em sistemas solares em modalidade conhecida como geração distribuída – que envolve a instalação de placas fotovoltaicas em telhados ou terrenos para atender diretamente à demanda de empresas e consumidores. A Huawei não tem uma meta específica de crescimento nesse setor, mas quer seguir fornecendo, além de módulos, outras soluções como tecnologias que usam inteligência artificial (IA) para melhorar o desempenho dos ativos solares. A Huawei tem se preparado para lançar no Brasil em breve soluções com baterias elétricas, que podem ser associadas a painéis solares, por exemplo, para fornecer energia de forma ininterrupta. O primeiro lançamento, previsto para o próximo mês, será de uma bateria voltada a clientes residenciais, sob o nome de Luna 2000, que terá design modular e capacidade de até 30 kwh, com módulos de 5 kwh cada. Ela é feita de fosfato de ferro-lítio, normalmente usado em veículos elétricos, segundo a empresa, que deve importar o equipamento. No primeiro semestre de 2021, a Huawei prevê lançar no País baterias para aplicações comerciais, incluindo em grandes usinas de geração centralizada. A empresa está em conversas com uma universidade para fazer um laboratório de pesquisa e desenvolvimento (P&D) incluindo bateria, um P&D para energia solar no Brasil, mas o acordo ainda não foi fechado” -  (Reuters)

Blog: Itajubá perdeu o investimento da americana Siva Power (painéis fotovoltaicos), que provocou até a visita de 14 personalidades da cidade a São Francisco - Califórnia. Na época, um pessimista local (hoje seria chamado de comunista" questionou a competitividade dos americanos em relação aos chineses. Deu no que deu.
Chama a atenção a citação "de conversas com uma universidade brasileira para fazer um laboratório de pesquisa e desenvolvimento ". Seria a nossa Escola ? Se não for, está mais na hora de ir atrás.

Viver é Perigoso  

MOMENTO MÁGICO


CONTRATO Nº 083/2020 INSTRUMENTO CONTRATUAL PARA LOCAÇÃO DE IMÓVEL PARA PONTO DE ATENDIMENTO DA ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA, SITUADO À RUA CONSTANTINO ELIAS SARLAS, Nº 310, BAIRRO VILA RUBENS, ITAJUBÁ/MG, PARA ATENDER A SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE – SEMSA.

Nada com nada e tudo a ver.

Simplesmente emocionante abrir o site da Prefeitura Municipal de Itajubá, no segmento de contratos e deparar com o nome de um grande amigo e vizinho de quase toda a vida. Constantino Elias Sarlas, para aqueles que estão chegando agora, Cati.

Craque de futebol, mestre na fabricação de ladrilhos, junto com o Pai Sr. Elias, o Grego, Tio Jayme, também técnico do campeoníssimo Vasquinho, da Boa Vista, é claro, da Gleidi, Thales, Ludmila, Atanásio, Marina, Sócrates, Fátima e Dona Zulmira. 

Viver é Perigoso

CONTRACULTURA

Leary e sua mulher, Rosemary, com John Lennon e Yoko Ono

Timothy Francis Leary, estaria completando hoje (22/10/2020) cem anos. Americano, professor de psicologia da Universidade de Harvard, em 1960, então com quarenta anos, de férias em Cuernavaca - México, experimentou um pouco dos "cogumelos mágicos.

Ele, que nunca tinha sequer fumado maconha, teve uma experiência divisora de águas. Mais tarde, ele diria que, naquele momento, descobriu mais sobre o próprio cérebro e sobre psicologia que em 15 anos de pesquisa. 

Timothy Leary, ícone dos anos 1960, ficou famoso como um proponente dos benefícios terapêuticos e espirituais do LSD. O Professor Leary defendia os benefícios desta substância psicodélica.

Timothy Leary foi expulso de Harvard depois de ter promovido uma experiência psicotrópica com uma turma inteira de estudantes de psicologia (com o consentimento destes, naturalmente). Mais tarde, a administração de Nixon fez do Professor Leary um bode expiatório no seu ataque reacionário e conservador à contracultura que florescia nesse período, enviando-o para a prisão pela sua veemente posição contra a proibição do LSD.

Amigo pessoal de John Lennon - a canção "Come Togheter" dos Beatles é inspirada em Timothy Leary, e, no videoclipe de "Give Peace a Chance", pode-se ver o professor e a sua mulher de toda a vida, Barbara, junto à cama onde John Lennon protagonizou este hino de liberdade. 

Nos anos 1980, fascinado pelos computadores, Leary dedicou-se a este novo mundo, com imenso sucesso. Criou softwares de design, continuou a escrever livros e a fazer conferências. Embora o seu tópico principal fosse na época a tecnologia, ele ainda era reconhecido como o guru do LSD dos anos 1960.

Timothy Leary faleceu a 31 de maio de 1996, aos 75 anos, na sua própria cama, rodeado por amigos. O seu corpo foi cremado e, em outubro de 1996, as suas cinzas foram transportadas pela nave espacial Pegasus e libertadas no espaço com o auxílio de um satélite, juntamente com as de Gene Roddenberry, criador de Jornada nas Estrelas, e de outros cientistas e pioneiros em estudos aero-espaciais, tais como o físico da High Frontier Space Station, Gerard O´Neill, e Todd Hauley, professor da International Space University.

Blog: Vivi jovem a época da contracultura. Gostava e gosto das músicas e cantores/conjuntos daquele momento. Grateful Dad, Janis Joplin Jefferson Airplane, The Birds, Hendrix e claro, Beatles. Tive um colega e amigo experimentador de LSD. Contava suas experiências assustadoras.
Fiquei de longe. Hoje ando estudando aquele importante e criativo período.

Viver é Perigoso

CUECA A RIGOR

 


O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Néfi Cordeiro foi filmado sem calças durante videoconferência de sessão da 6ª Turma da corte na terça-feira (20). Cordeiro se levantou durante julgamento e não observou que câmera estava ligada.

É a vida...

Viver é Perigoso

VENTOS DE GUERRA


Em tempo de eleição, cartas anônimas contendo ofensas aos adversários marcaram época na terrinha. Até hoje tem gente que coleciona.

Os suspeitos, com justiça ou não, são sempre os mesmos.

Agora entraram na internet. 

Um grupo tentando atingir o outro, na esperança que aconteça o revide e questão desande com desgastes para as partes.

Atentem se algum dos seis grupos participantes da eleição ficar de "santinho" ou para disfarçar, ser objeto apenas de um fakezinho light para camuflar.

BO´s já foram feitos.

A desgraça é que nem os chefes têm controle sobre a tropa de choque digital, que quer mostrar serviço e podem botar tudo a perder.

Simples: Sigam a Chapa poupada.

Viver é Perigoso

O HOMEM DISPAROU ?


Viver é Perigoso

OS TEMPOS MUDARAM

 


Fui Cabo da PM, Pelotão Tigres da Mantiqueira, no 4º Batalhão de Engenharia e Combate. Não existia coisa mais importante que a hierarquia.

Estamos falando de pleno governo militar ou, segundo os comunistas, período da ditadura.

No mesmo cargo, prevalecia a antiguidade. Se o cara tivesse sentado praça 1 minuto antes de você, ele era superior e ponto final.

A patente máxima no quartel em Itajubá era Tenente-Coronel. E saiam debaixo quando ele estava no quartel. Até a bandeira era hasteada.

Seguiam: Major, Capitão, Tenentes (1º e 2º), Sub tenente, sargentos (1º, 2º e 3º), cabo e os soldados.

Pouso Alegre (sempre Pouso Alegre) já tinha general. A visita de um general provocava um rebuliço total. Uma semana todo mundo na faxina, ordem unida, lata de de nugget no coturno, kaol na fivela, barba e cabelo aparadíssimos. Ah ! Hino Nacional, Hino da Engenharia, da Bandeira, e outros, na pontinha da língua. 

Jamais imaginei uma enquadrada tão absurda, quanto a aplicada ontem pelo Capitão no General. Zoneou geral a hierarquia.

Castelo Branco era Marechal e Costa e Silva, Médici, Geisel, Figueiredo eram generais.

Sinceramente ? conhecendo um pouco o meio, imagino que isso não ficará assim.

Viver é Perigoso

IMPERDÍVEL


 Viver é Perigoso

quarta-feira, 21 de outubro de 2020

CORAGEM MOÇADA !


Li no jornal "O Sul de Minas", que os candidatos situacionistas, Christian e Nilo Baracho, recusaram-se a participar de entrevistas em emissoras de rádio independentes da cidade. 

Sempre estiveram presentes na Radio Futura, do prefeito Rodrigo Riera, certamente em ambiente acolhedor e sem nenhuma hipótese de serem surpreendidos por alguma pergunta fora do roteiro.

Deve ser instrução. Capacidade eles possuem, além de longa vivência no poder administrativo nestes últimos anos. Afinal, viram, ouviram e participaram de tudo.

Assusta, por que caso sejam eleitos (até se encrencarem com os atuais orientadores) continuarão sem encarar o dia a dia de uma democracia.

Caso questionados em uma entrevista, digamos assim, "não parceira", podem muito, em se tratando de passado, se fixarem no lago, no teatro e no restaurante popular e  propor discussões sobre o futuro.

Poderão esclarecer como sairão da pasmaceira do desemprego, do novo normal no relacionamento com a Santa Casa, no realinhamento da política ambiental e na instalação de uma política de transparência total.

Concedam uma entrevista coletiva para a Jovem, Panorama, Itajubá e jornais da cidade, com abertura para perguntas e vamos em frente.

Assistam o seriado Borgen na Netflix e vejam como é importante um espaço na mídia para mostrar e confirmar posição. 

Coragem Moçada. Os tempos serão outros.

Viver é Perigoso

ASSIM FALOU ZARATUSTRA


Eumir Deodato de Almeida, carioca de 1943. Pianista, arranjador e produtor musical brasileiro. Participou do movimento bossa nova no início da década de 60. Após breve carreira no Brasil, em 1967, mudou-se para Nova York, estabelecendo-se como arranjador e produtor musical na gravadora CYI Records, vindo a trabalhar nos discos de Tom Jobim, Walter Wanderley, Paul Desmond, Aretha Franklin,Frank Sinatra, Tony Bennett, Roberta Flack, Wes Montgomery e Ray Bryant, entre outros.

Em 1973 grava o seu primeiro álbum solo fora do Brasil e o resultado é Prelude, lançado pela CTI Records em janeiro de 1973.

O álbum surpreendeu a todos com uma versão jazzística e suingada da introdução de Also sprach Zarathustra, do compositor de música clássica Richard Strauss.

A canção, um poema sinfônico que havia tornado-se famoso ao ser largamente utilizada por Stanley Kubrick no seu filme de 1968, 2001: A Space Odyssey, atingiu o segundo lugar na parada de sucessos norte-americana e foi a 7ª mais ouvida no Reino Unido. Com isso, o álbum acabou vendendo 5 milhões de cópias, ficando em terceiro lugar na parada de sucessos de álbuns da Billboard e Deodato ganhou o Grammy de melhor performance instrumental de música pop no ano de 1974.

Deodato trabalhou em quase 500 discos, escreveu trilha sonora para vários filmes e recebeu diversos prêmios, entre eles 16 discos de platina, além do Grammy.

Viver é Perigoso

PREMEDITANDO O BREQUE

 


Aguardem fevereiro/2021, quando teremos a posse do Rodrigo Maia como ministro do governo Bolsonaro. E depois claro, dependendo do andar da carruagem, o "Botafogo", ou melhor, Rodrigo Maia, deverá ser o vice do capitão em 2022. O Mourão vai ser governador no Rio Grande do Sul.

Viver é Perigoso