sexta-feira, 14 de agosto de 2020

ÁGUAS PROFUNDAS - AGORA VAI !

AUTORIZAÇÃO Nº 575, DE 13 DE AGOSTO DE 2020
O SUPERINTENDENTE DE PESQUISA E DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO DA AGÊNCIA NACIONAL DO PETRÓLEO, GÁS NATURAL E BIOCOMBUSTÍVEIS - ANP, no uso das atribuições que lhe foram conferidas pela Portaria ANP nº 59, de 24 de fevereiro de 2016,
Considerando a Resolução ANP nº 50/2015 e o Regulamento Técnico ANP nº 3/2015, que dispõem sobre a admissibilidade de despesas qualificadas como Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação, visando o cumprimento da Cláusula de Investimento em Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação constante dos Contratos de Concessão para Exploração, Desenvolvimento e Produção de Petróleo e Gás Natural; e
Considerando o que consta do processo de nº 48610.208492/2020-80, torna público o seguinte ato:
Art. 1º Conceder autorização para a empresa PETRÓLEO BRASILEIRO SA, CNPJ 33.000.167/0001-01, nos termos do Regulamento Técnico ANP nº 3/2015, realizar investimentos referentes às atividades de pesquisa, desenvolvimento e inovação constantes do plano de trabalho do projeto caracterizado a seguir:



. Nº do Projeto 

Título 

Executor(es) 

Valor Autorizado 

. 21841-2 

Equipamentos para o Centro Tecnológico para o Pré-sal Brasileiro - CTPB 

UNIFEI - Núcleo de Separadores Compactos - (NUSEC/IEM) 

R$ 205.223.827,73 

Art. 2º A presente autorização é concedida com base em valores estimados, cabendo ao concessionário verificar a coerência dos custos apresentados na proposta, bem como daqueles custos efetivamente incorridos com os custos usualmente praticados no mercado para bens e serviços de mesma natureza.
Art. 3º Esta Autorização entra em vigor na data de sua publicação.

Viver é Perigoso

2 comentários:

Anônimo disse...

57 milhões para obras civis e agora 205 milhões (só da Petrobras)para compra de equipamentos para o Centro Tecnológico do Pré-sal Brasileiro. Belo projeto e em boa hora. Mais uma área em que a comunidade Unifei está se tornando referência. Estas e outras(elétrica, mecânica, hídrica,aeronáutica) poderiam ser pontos de partida para o tão sonhado parque tecnológico. Mas contar com a prefeitura e o estado.... Por falar nisso como anda a tal de Inovai? Vai ou não vai? Bom debate para as eleições que se aproximam!

Anônimo disse...

Na,naa,nao, o negocio é obras, parque na terrinha, ta bão, bão...tecnopolis?inovai, num vai ah kkkkk oia a turma da c&t na terrinha ,kkkkkl