terça-feira, 2 de junho de 2020

POIS É...


O Democratas (DEM) formalizou, nesta segunda-feira, 2, a expulsão da ativista de extrema direita Sara Fernanda Giromini, que prefere ser chamada de Sara Winter, do quadro do partido. 

O que surpreende não é a expulsão da moça, mas ela ser filiada ao DEM, que é um partido conservador, mas nem tanto.

Viver é Perigoso

2 comentários:

Anônimo disse...

Bem colocado.
Assusta como pode ela ter se filiado ao partido.
Passado bem conhecido como ex-nazista, ex-comunista, ex-feminista, ex- anti- bolsonarista (até castrou o boneco do cara).
Agora é bolsonarista, KKK, e por aí vai...
Se pesquisar bem, encontrarão até indícios de ter trabalhado em bordel de luxo.
Pagando bem, que mal tem...

Anônimo disse...

Bem Colocado,
Isso é um fato?
Ela foi prostituta em um bordel de luxo?
Ou é apenas machismo (travestido de hiperbole)?