sábado, 27 de junho de 2020

PGR PROMOVE FESTA NO PT

Três procuradores decidiram deixar o grupo da Operação Lava Jato na Procuradoria Geral da República, em Brasília, devido a uma divergência da PGR com a força-tarefa da operação no Paraná. Fontes confirmaram que a saída dos três é uma reação ao pedido da coordenadora da Lava Jato na PGR, subprocuradora Lindora Maria Araújo, de acesso a dados das forças-tarefas da operação nos Estados.

Declarou Sérgio Moro: 

"Aparentemente, pretende-se investigar a Operação Lava Jato em Curitiba. Não há nada para esconder nas investigações, embora essa intenção cause estranheza. Registro minha solidariedade aos procuradores competentes que preferiram deixar seus postos em Brasília."

Viver é Perigoso

2 comentários:

Anônimo disse...

Pois é por essa e por outras que quando da escolha do PGR Aras e sua equipe, contrariando todos o presidente não escolheu ninguém da lista tríplice do MPF. Ao escolher um outsider o presidente disse que não queria nenhum "xiita" na procuradoria. Nem Lula,nem Dilma nem Temer tiveram essa maldita ousadia. O presidente e sua troupe poderiam dizer que continuam favoráveis a Lava Jato? causídico jurássico

Anônimo disse...

54% dos brasileiros acham Jair Bolsonaro pouco inteligente e 58% pouco preparado. Números que vêm aumentando. Esse episódio da parceria com laboratório inglês e a Universidade de Oxford para o fornecimento de insumos e possível produção 100 milhões de doses da vacina do coronavírus no Brasil reforça as percepções. Não era para o presidente estar comemorando? Em cadeia nacional? Certamente. Só que foram tantos negacionismos,tanta aposta na cloroquina, tanta bobagem e ofensas ditas que o anúncio não pode ser feito pelo mandatário máximo. Coube a um subalterno da Saúde. Realmente a percepção popular é inigualável.