quarta-feira, 20 de maio de 2020

NADA COMO UM DIA APÓS O OUTRO


Publicado no "Viver é Perigoso" no dia 31 de março de 2011 - Portanto, já lá vão 9 anos.

Que o Deputado Jair Bolsonaro é um destrambelhado, todos já sabem. Que ele expõe constantemente seus pensamentos preconceituosos, impróprios e mesmo violentos já é de domínio público.
O que nos deixa encafifados é a certeza que muitos, mas muitos brasileiros pensam na surdina como ele (ou pelo menos parcialmente). Se manifestam normalmente em grupos fechados, anonimamente em blogs, ou a sós, de frente para o espelho.

José Tipica

Blog: Para os que estão chegando agora, o José Tipica é um filósofo da Boa Vista, é claro, atualmente afastado das lides.

Viver é Perigoso

8 comentários:

Anônimo disse...

Já o conhecíamos. Infelizmente não tivemos escolha no segundo turno. PT ou ele. Aí deu no que deu. Uma coisa tenho certeza não voto mais.Até anulo se repetir a final de 2018.

Anônimo disse...

UM REINO DIVIDIDO CONTRA SI MESMO
por Percival Puggina. Artigo publicado em 16.05.2020


A sociedade brasileira conviveu, por várias décadas, com uma letargia que permitiu serem dizimadas suas convicções, sua cultura, seus valores. Sob pressão do politicamente correto, por falta de qualquer contraditório minimamente eficiente, permitiu que se instalassem os divisionismos sobre os quais muito se tem escrito. Em nome da diversidade, ressaltaram-se as diferenças e se instalaram antagonismos onde diferenças houvesse: relações familiares, etárias, laborais, sociais, de cor da pele, de sexo, sempre criando muralhas intransponíveis, conflitos e uma diversidade bizarra. Das entranhas da estupidez humana surgiam, então, as modernas formas da luta de classes numa sociedade que consentia em dividir-se e em dar curso a esse fenômeno.

Ao longo dos anos, observando o unilateral uso político dessa patifaria sociológica se converter em pautas dos poderes de Estado, cuidei de denunciar a causa e sublinhar seus efeitos.

Aquela maioria dormente rugiu seu despertar nas ruas e no subterrâneo das redes em que os “coxinhas” clamavam contra os males feitos ao país. A hegemonia estabelecida nesses dois espaços de expressão suscitou muita malquerença. Era inaceitável que surgisse “do nada” uma força política vitoriosa exatamente nos dois nichos de opinião – habitados por conservadores e liberais – sempre inoperantes, passivos, letárgicos. Os dois adjetivos ocupavam lugar de destaque nos xingamentos da esquerda. Como entender que saíssem do armário em que eram contidos para, no momento seguinte, se tornarem vitoriosos nas urnas? Você tem ideia, leitor, de quanto poder ali foi perdido?

Infelizmente, o sucesso eleitoral esbarrou com a resistência dos outros poderes. E surgiu no Brasil uma nova divisão, um novo antagonismo, muito mais severo. Verdadeiro seccionamento da sociedade. De um lado o governo e seus eleitores cientes do risco de uma derrota no curso do mandato; de outro o Congresso e o STF, e a militância da esquerda, na mídia, na Universidade, no ambiente cultural. Para criar novas divisões, há eleitores do presidente que cobram dele que faça o que não deve e adversários que o acusam de já haver feito o que não deve. Há as provocações de Celso de Mello, as demandas ridículas de Lewandowsky, as intromissões de Alexandre de Moraes. Desaforos em cascata e a sociedade que se dane. Se o povo na rua ainda afasta os golpistas, a mídia militante se empenha em desdenhá-lo, descredenciá-lo. No reino dividido, tudo está politizado e, pior do que isso, judicializado: da hidroxicloroquina ao atestado médico, da indicação de um novo diretor-geral da PF às formas de isolamento.

Como não vir à mente as palavras de Jesus no evangelho de Mateus (12:25): “Todo o reino dividido contra si mesmo é devastado; e toda a cidade, ou casa, dividida contra si mesma não subsistirá.”

Está faltando juízo a muita gente que, graças à posição que ocupa, se lixa para o padecimento do Brasil real.



____________________________

Anônimo disse...

(SIMPLESMENTE MARAVILHOSO ESTE TEXTO PARABÉNS PARA QUEM O ESCREVEU)

Mensagem de uma eleitora do Bolsonaro para seu pai esquerdista...

"Sabe, papai....

Fico aqui pensando...
Ele tem a sua idade...família...filhos...inclusive, uma filha pequena...
Ele poderia estar assim, em casa, resguardadinho nessa hora, exatamente como vc está...de boa, curtindo o mar, como todo aposentado merece estar...

Nesse momento de epidemia, sendo ele, também, pertencente ao grupo de risco...está, agorinha e o dia todo, reunido com governadores, empresários, comerciantes, etc...juntamente com aqueles excelentes e sérios ministros, decidindo quais providências tomar em meio ao caos inevitável. Fazendo das tripas um coração para que os danos físicos e econômicos sejam os menores possíveis. Por que não é fácil....
É como um cobertor....vc precisa cobrir tudo mas, se esticar mto aqui, descobre ali....e vice-versa...

Que missão a desse homem!
Ter que transformar em hospitais os estádios que o Lula preferiu construir, em nome da Copa (vergonhosa, aliás)!
Ter que se virar para cobrir os rombos que nos outros 16 anos foram abertos, descaradamente, na nossa nação.

Esse homem poderia estar passando álcool nele o dia todo e de máscara...apenas ouvindo aos noticiários e dando uma de especialista em política, economia, saúde, segurança, etc...pagando de militante nas redes sociais da vida e debochando de cada passo que o presidente estivesse dando...ou da "máscara" que ele não soube usar...

Mas ele preferiu ser o "linha de frente"...ser bombardeado todos os dias...mas tentar fazer algo por esse país, de dimensões continentais...
Ele erra...como todos nós...mas quem de nós gostaria de estar no lugar dele...principalmente agora?

Deboches e críticas tão pessoais mostram tremenda falta de empatia e amor ao próximo. E é o que mais me entristece...
Não temos bons exemplos que o antecederam...não estamos nem na metade do seu mandato...

Mas os leigos esquerdistas, trancafiados em suas casas, confortavelmente, acham-se capacitados para condená-lo.
Que o façam!
Ele é valente, graças a Deus...e boca dura pra quem merece...
Vai permanecer firme e muito ainda fará....independente da torcida contrária. ..

Somos maioria...estamos com ele...
Primeiro pq ele é um ser humano como nós....e por isso merece respeito...

Segundo pq o elegemos...
E terceiro pq sabemos que quem coloca Deus na frente já está com a vitória garantida...
E venceremos...

Somos Bolsonaro...bolsominions...robôs...o que quiserem...
Mas somos convictos...assim como ele!
Ser Bolsonaro e eleitor do Bolsonaro é para os fortes....
Não é pra qualquer um!"

Fiz questão de copiar esse texto. Ele não é meu. Mas é de alguém que pensa, age e fala, EXATAMENTE COMO EU.

Faço dessas palavras não uma idolatria, mas um olhar de orgulho e amor, por um homem que está lutando por seu povo e que esse povo não quer enxergar.

Edson Riera disse...

Exatamente -

A coisa é mais séria do eu pensava.


Zelador

Anônimo disse...

Também acho que a coisa é mais embaixo. Fanatismo extremado já visto em outros tristes episódios de nossa história planetária. Escrevem bonitinho para não parecerem extremistas. Pedro Paulo.

Anônimo disse...

Que missão a desse homem! Diz o texto eu diria o seguinte: basta seguir o que ele prometeu na campanha, executar seu programa de governo e seu discurso de posse, básico assim. Terá então o reconhecimento de quase todos fanáticos e lúcidos, inclusive o meu. Pedro Paulo

Anônimo disse...

Textos lindos e maravilhosos, só queria encaixar aí as milícias e rachadinhas??
Onde entra o advogado contratado pelo ministro da saúde? Sim, aquele que defende corruptos e assassinos de juízas que combatiam o tráfico e crime organizado...
E a turma do centrão, onde entra nesta estória?

Anônimo disse...

E faltou o Queiroz...