domingo, 31 de maio de 2020

COMPROVADO CONTRA A MALÁRIA


Os Estados Unidos, com quase 2 milhões de infectados e mais de 100 mil mortos pelo novo coronavírus, comunicou neste domingo o envio ao Brasil de 2 milhões de doses de cloroquina, cuja utilização em pacientes com Covid-19 é defendida pelos presidentes Donald Trump e Jair Bolsonaro.

É a vida...ou o contrário.

Blog: Como o remédio em questão provoca arritmias cardíacas, seguem anexo ao remédio, mil respiradores.

Viver é Perigoso


LIVRO, PRESENTE DE AMIGO















Leituras, no caso, releituras interessantes para o momento em que vivemos. De um lado a vida de Carlos Marighella, um homem de esquerda, militante comunista desde a juventude. Baiano, deputado federal constituinte e fundador do maior grupo armado de oposição à ditadura - Aliança Libertadora Nacional. Autor do Mini-manual do Guerrilheiro Urbano.

Do outro lado, o chamado "O homem mais perigoso do Brasil" - Biografia do Filinto Muller. Temido chefe da polícia da ditadura Getúlio Vargas. Conservador, direitista, nacionalista e apoiador de duas ditaduras. Oficial rebelde do Exército brasileiro. Responsável pela deportação de Olga Benário Prestes e de Elise Ewert para a Alemanha nazista. Sempre com apoio ao combate ao comunismo. 

Leituras importantes para entender o Brasil, partindo da premissa que a história se repete.

Blog: Todos os livros aqui citados encontram-se disponíveis para empréstimos (com posterior devolução, é claro), no Clube de Leitura da Boa Vista.

Viver é Perigoso

OH, MINAS GERAIS !


A Agência Brasileira de Inteligência (Abin), em relatórios enviados ao Palácio do Planalto, destacou a alta subnotificação de casos da Covid-19 no país por falta de kits para diagnóstico. O órgão citou Minas Gerais como exemplo desse cenário. 

Para a Abin, “circunstâncias locais” têm grande impacto sobre a subnotificação de casos em Minas. No fim de abril, o órgão observou que os dados daquele Estado eram pouco confiáveis, pois o número de suspeitos acabava sendo 30 vezes maior do que o de casos confirmados.

Blog: Em tempo, Itajubá e as cidades vizinhas estão situadas em Minas Gerais.

Viver é Perigoso

PORQUE HOJE É DOMINGO



Viver é Perigoso

SERIA CÔMICO SE NÃO FOSSE TRÁGICO


Viver é Perigoso

LEVANDO O BRASIL PARA O PÓDIO

Viver é Perigoso

MOÇO BONITO


“Meu segredo é o estar sempre ocupado. Nunca deixo o que é velho entrar em casa”

Quem nunca torceu pelo Sr. Clinton Eastwood Jr. ou melhor, simplesmente pelo Clint Eastwood ?

Estreou (nasceu) em São Francisco em 1930. Completa hoje 90 anos de idade.

Ator, diretor e produtor de cinema famoso pelos seus papéis em filmes de ação.

Clint Eastwood e já recebeu dez indicações ao Oscar. Ganhou quatro vezes - duas cada como Melhor Diretor e de Melhor Filme. É um dos maiores ícones da história da sétima arte.

Tem cinco filhas e dois filhos, de cinco mulheres diferentes. Kimber , Kyle , Alison , Scott, Kathryn, Francisca Ruth e Morgan.

Eastwood foi prefeito da cidade americana de Carmel-by-the-Sea, no Estado da California. Seu salário era de US$ 200. 

Viver é Perigoso

sábado, 30 de maio de 2020

BOM DE OUVIR



Viver é Perigoso

SOB A LUZ DE VELAS


Enfim, nossas vidas tornarás mais risonhas
Não veremos de novo aqueles anos sofridos
Que até aos mais felizes trouxeram tantas dores.
Toda a sorte de bens terão nossas famílias,
O trigo dos nossos campos a foice cansará,
E os frutos cumprirão a promessa das flores.

François de Malherbe

Viver é Perigoso


ESTAMOS JUNTOS


Viver é Perigoso

VENTOS DE GUERRA


Já foram diversas tentativas infrutíferas de diálogo. Já houve apelos em vão e oportunidades para tal desperdiçadas. Agora, parece cada vez mais claro que a solução para crise entre o governo do presidente Jair Bolsonaro, os demais Poderes e parte da sociedade caminha para uma conclusão drástica. E dramática, para um lado ou para o outro.

Muitos eram os que apostavam que a pandemia, com a trágica morte de milhares de pessoas, forçaria um entendimento ou ao menos uma trégua. Afinal, como brigar por poder enquanto famílias são arrasadas com a perda de entes queridos em uma velocidade nunca vista? Pois não foi o que se viu. Mesmo diante do cenário que choca o mundo inteiro, as tensões se acirraram. O presidente brigou com governadores e prefeitos, trava uma batalha com o Judiciário, dispara pelas costas do Congresso mesmo após a busca por um entendimento e se dissocia da parcela mais expressiva da sociedade. É fortemente criticado pela imprensa nacional e internacional e por boa parte das entidades da sociedade civil.

Embora não esteja na rua, a população já está se posicionando. Nos últimos dias as pesquisas demonstraram que os setores médios da sociedade abandonaram a posição dúbia e se enfileiraram contra o presidente. Por outro lado, sua base de apoio se solidificou. Hoje temos dois terços da população que reprovam fortemente o presidente, e um terço que o defende de forma incondicional. Isso pode variar um pouquinho para cima ou para baixo, mas não muito. O que indica que até mesmo no seio da sociedade o espaço para a ponderação se esgotou.

Esse clima de confronto, aliado ao avançar das investigações por um lado e à retórica belicista do grupo presidencial de outro, leva-nos à conclusão de que chegaremos, cedo ou tarde, ou ao afastamento do presidente, com a prisão de alguns dos que estão em seu entorno, ou viveremos de fato a situação de um golpe contra os demais Poderes.  A tormenta política vivida no Brasil parece ainda não ter chegado ao seu pico, o que é dramático.

Ricardo Corrêa - O Tempo

Viver é Perigoso

SCHEISSE !

Viver é Perigoso

FAUNA MINEIRA


Abertura do comércio :

"É muito mais barato fazer leito de hospital do que recuperar a economia de uma cidade como Belo Horizonte”

Marcelo Souza e Silva - Presidente CDL de Belo Horizonte

Viver é Perigoso

sexta-feira, 29 de maio de 2020

DESEMPENHO


Em depoimento hoje à Polícia Federal. o ministro  Weintraub ficou calado. Segundo os especialistas, foi o seu melhor desempenho desde a posse no ministério.

Viver é Perigoso

GERAÇÃO BABY BOOMERS - GRUPO DE RISCO


Os sociólogos dividem os humanos em quatro grandes grupos segundo a idade (há controvérsias).

Os mais velhos são os "baby boomers", nascidos entre 1940 e 1960, que viveram um período de prosperidade excepcional. Um mundo de paz. A economia em recuperação. Foi o início do que chamam de "os 30 anos gloriosos"

Em seguida, vem ageração X, dos nascidos entre 1960 e 1980. Essa geração presenciou a queda do Muro de Berlim, o fim da Guerra Fria, as ilusões embriagadoras de uma mundo apaziguado. Mas também pegou o período da aids e do pesadelo do emprego precário.

Depois, temos a geração Y, dos millennials, nascidos, nascidos entre 1980 e 1995 , que sofrem com o desemprego e o início da globalização.

Finalmente, os que nasceram entre 1996 e 2010 formam a geração Z, os chamados "zoomers".

Os sociólogos ainda não batizaram geração que chegou depois de 2010. Alguns chamam  l de geração Alpha. 

Constatação: Nós, os "baby boomers", apesar de toda a bagagem, não temos mais poder de fogo. Passamos a ser grupo de risco e personagem de tristes estatísticas.

(dados Gilles Lapouge)

Viver é Perigoso 

POIS É... CORONEL NA SAÚDE


A nomeação do coronel Giovanne Gomes da Silva, até ontem comandante-geral da Polícia Militar em Minas, para presidente da cobiçada e bilionária Fundação Nacional de Saúde (Funasa) atende a dois objetivos políticos igualmente importantes para Bolsonaro: prestigiar o Centrão e a PM no governo.

O coronel é uma indicação do deputado também mineiro Diego Andrade, do PSD, a principal legenda do Centrão, grupo de partidos conservadores que está aderindo ao governo. 

Além de reforçar a base governista no Congresso, a nomeação de Giovanne coloca mais um integrante da PM no alto escalão de Bolsonaro, que não tem poupado afagos à corporação. É parte crucial do projeto de poder do presidente o domínio sobre a maior força armada do país, que são as PMs estaduais em seu conjunto.

Novos Inconfidentes

Viver é Perigoso

SAIREMOS DO SUFOCO


"Recessão é quando o vizinho perde o emprego, depressão é quando você o perde".

Citado pela Prêmio Nobel de Economia, Esther Duflo, em entrevista para o jornal El País:

A economia despencou devido à pandemia. Por que quase ninguém espera uma reativação igualmente drástica ?

Existem dois aspectos. Um é durante quanto tempo o problema subjacente, o vírus, estará conosco e exigirá que mudemos a maneira como produzimos, consumimos ou interagimos em modos fundamentais. 

Esse ajuste levará tempo. 

Até termos uma vacina ou um medicamento que funcione bastante bem, não podemos esperar uma recuperação completa. 

Estou otimista em relação à ideia de que a vacina possa ser conseguida dentro de 18 meses, pois existe muito esforço e dinheiro por trás disso. Uma vez que a tivermos, há motivos para sermos otimistas. 

A grande diferença entre esta crise e a crise de 2008 ou a Depressão de 1929 é que o colapso não se deveu a uma crise do sistema bancário. 
Isto se parece mais com um desastre natural ou uma guerra, e a experiência das guerras é que os países se recuperam bastante rápido. Vimos isso com a Alemanha na Segunda Guerra Mundial ou no Vietnã depois da guerra.
 
Quando as pessoas sentirem que podem sair e que podem confiar em sua estabilidade financeira, nos recuperaremos.

Viver é Perigoso

DEU NA RÁDIO ITAJUBÁ



Muito interessante tem sido a participação da jornalista Elaine Romão no noticiário da cidade e região. Moça Bonita e independente.

EXCLUSIVO: BRILUX ANUNCIA QUE NÃO VIRÁ PARA ITAJUBÁ NESTE ANO

As Indústrias Reunidas Raymundo da Fonte, empresa responsável pela marca Brilux, anunciou que suspendeu a instalação de sua unidade em Itajubá. A informação foi divulgada, com exclusividade, para a Rádio Itajubá no programa Espaço Livre desta sexta-feira (29).

Segundo a prefeitura, a inauguração aconteceria em agosto deste ano. De acordo com a assessoria da empresa, foi adiada para o segundo trimestre de 2021. O motivo da suspensão foi o isolamento social provocado pela pandemia do novo coronavírus.

A empresa divulgou que está realizando um processo de concorrência para o início das obras de reforma, ampliação e adequação do prédio adquirido pelo grupo. O espaço é a antiga sede da PKC, indústria de autopeças que deixou a cidade há cerca de cinco anos.

Blog: Notícia desagradável, porém esperada. E dessa vez, acredito, não aconteceu por qualquer inabilidade dos administradores da cidade. A pandemia está, obrigatoriamente, levando os empresários a repensar, cancelar e no caso, adiar, os seus projetos.

Oremos !

Viver é Perigoso  

CLARIN DA BOA VISTA - BOLSA DE VALORES


Segue com acentuada queda na Bolsa de Valores das ações da Odiobrás, segundo Xico Sá, uma sociedade de economia mista do ódio, com participação da máquina federal e de particulares. A sociedade se especializou-se em produzir distribuir infâmias. É constituída por fascistoides avulsos, parlamentares e empresários.

A Odiobrás conta também com uma linha de montagem de robôs que trabalham 24 horas com a eficiência de levantar hashtags nas redes sociais e abastecer bovinamente o WhatsApp da família brasileira com notícias falsas. 

A razão da queda é atribuída pelos especialistas ao STF, nas pessoas dos ministros Alexandre de Moraes, Celso de Mello e também a CPI do Congresso (fake news), face estarem fechando o cerco sobre os dirigentes da Odiobrás. 

O mercado também está preocupado com a intenção do novo presidente do TSE, Luís Roberto Barroso, de colocar em pauta no tribunal a ação que votará o pedido para cassar a chapa Bolsonaro/Mourão, por irregularidades acorridas na campanha eleitoral de 2018,  que poderia resultar em novas eleições diretas.

Viver é Perigoso


TOMOU O BARCO


Tomou o barco hoje o jornalista Gilberto Dimenstein aos 63 anos. Há séculos a gente acompanha o Dimenstein, que esteve na Folha de São Paulo por 28 anos. Passou também pela CBN, Jornal do Brasil, O Globo, Correio Braziliense, Veja e Visão.

Dimenstein descobriu a insidiosa doença no final do ano passado e escrevia/falava sobre a situação com muita coragem.

Durante o tratamento contra o câncer, Dimenstein definiu a clareza maior da morte como “uma dádiva”. “Não é o fim, mas um começo”.

Também se expressou: “Câncer é algo que não desejo para ninguém, mas desejo para todos a profundidade que você ganha ao se deparar com o limite da vida”.

Criador do site Catraca Livre que seleciona atrações culturais desde 2009, tornou-se vitrine para soluções na área de mobilidade, lazer, educação, saúde e empreendedorismo. O site foi eleito o melhor blog de cidadania em língua portuguesa pela Deutsche Welle em 2012 e apontado pela Universidade de Oxford, BBC e “Financial Times” como uma das mais importantes inovações digitais de impacto social no mundo em 2013.


Blog: Mais um daqueles que acompanhávamos, quase que diariamente, e que se vai.

Viver é Perigoso

UMA PEDREIRA

Viver é Perigoso

quinta-feira, 28 de maio de 2020

MOMENTOS MÁGICOS



Viver é Perigoso

CONCLUINDO :

Solda
"Só não sei o que irá acontecer, mas que não dá mais, não dá."

Viver é Perigoso

AUTO DESAJUDA


Você não merece ser feliz -  Editora Intrínseca - Pedro Leite e Daniel Furlan

Uma pequena amostra do livro perfeito para o momento. Conselhos de desajuda. Em 10 pontos

1 - Tá feliz ? Espera que passa.

2 - Ser você mesmo é a pior coisa que uma pessoa pode fazer


3 - Nunca é tarde demais para parar de sonhar

4 - Nunca dê a impressão de que você pode ser útil em alguma coisa

5 - Eu cometo erros, muitos, muitos. Mas depois eu me arrependo e depois me arrependo do meu arrependimento, e volto a cometer erros, muitos, os mesmos, porque a vida é assim.

6 - Quando uma pessoa diz para você acreditar em você e você acredita, você não está acreditando em você. Você está acreditando nela.

7 - A persistência é só um sinal de que estou fazendo alguma coisa errada.


8 - O universo conspira a favor de quem tem a coragem de ignorar os problemas

9 - Se você quiser, se você se esforçar, se você treinar, se você entrar de cabeça, se você se concentrar: nada garante que você vai conseguir

10 - Muitas situações podem te abalar, mas só a esperança pode te destruir

Viver é Perigoso

LANÇANDO MODA


Existia comício em cima de palanque. Comício em cima de caminhão. Comício atrás de púlpito e nos últimos tempos, lançado em Brasília, o comício de trás da cerca. 

Viver é Perigoso  

REVELEMO-NOS MAIS POR ATOS...


Desde que tomaram posse, em fevereiro do ano passado, apenas três dos 53 deputados federais mineiros nunca discursam no plenário da Câmara, em Brasília. 

São eles: Dimas Fabiano (PP), Hercílio Coelho Diniz (MDB) e Misael Varella (DEM).

De acordo com o portal do Legislativo, os mineiros falaram por 1.930 vezes no plenário da Casa, entre 1º de fevereiro de 2019 e 27 de maio deste ano.

O Tempo

Viver é Perigoso

O MAR NÃO ESTÁ PARA PEIXE

O presidente da Associação Mineira dos Municípios, Sr. Julvan Lacerda, que também está no segundo mandato como prefeito de Moema, é contra a possível mudança das eleições para o final do ano, face a pandemia.

É favorável que aconteça a prorrogação de mandatos, unificando as eleições de 2022.

Como a coisa se mostra complicada aqui fora, entre os mortais, seria melhor continuar "dando o sangue" por mais dois anos na frente da prefeitura.

Como informado acima, ele está impossibilitado de concorrer a reeleição (está no segundo mandato)

Na certa não está sozinho nas suas ideias. Pelo menos não poderão dizer, em acontecendo a prorrogação do mandato, que receberam uma herança maldita.

Viver é Perigoso

MEDICINA BASEADA EM EVIDÊNCIAS


Deu na Folha de São Paulo

Embate sobre cloroquina mostra que medicina baseada em evidências engatinha no país

"...O entusiasmo de alguns médicos e de parte da população brasileira com o uso de fármacos sem utilidade comprovada contra o novo coronavírus deixou claro que ainda falta muito para que a chamada medicina baseada em evidências se consolide no país.

Essa abordagem, que busca usar os melhores dados científicos disponíveis para embasar as decisões sobre o tratamento de cada paciente, tem ficado de lado quando profissionais e gestores de saúde optam pelo emprego de medicamentos cuja eficácia e segurança ainda não foram demonstradas.

Embora tentativas de testar tratamentos cientificamente tenham ocorrido desde os séculos 17 e 18, a proposta de sistematizar esses testes como um guia para a prática médica é bastante recente, remontando aos anos 1980 e 1990, quando o termo “medicina baseada em evidências” foi empregado pela primeira vez por pesquisadores como Gordon Guyatt, da Universidade McMaster (Canadá).

A intenção era aumentar a objetividade das decisões clínicas com base no conhecimento obtido, por exemplo, em múltiplos estudos com grande número de pacientes para recomendar ou não determinada terapia.

Para reforçar a confiabilidade dessas recomendações, tais estudos deveriam aderir a padrões como a existência de grupos-controle (ou seja, a divisão dos pacientes estudados em pelo menos dois grupos, um dos quais recebia o tratamento sendo testado, enquanto o outro recebia um tratamento padrão já usado antes ou uma substância inócua, por exemplo) e a chamada randomização (alocando os pacientes aos diferentes grupos de modo aleatório).

Tais abordagens são necessárias para diminuir os diferentes vieses que surgem naturalmente durante a observação de um tratamento. Muitos problemas de saúde, por exemplo, acabam melhorando graças ao próprio organismo dos pacientes, mas a inexistência de um grupo-controle poderia levar os médicos a assumir erroneamente que o tratamento foi o responsável pela melhora.

No Brasil, ainda são raros os cursos de formação de profissionais de saúde que incluem em seu currículo disciplinas especificamente dedicadas a ensinar esses conceitos.

“No caso das faculdades de medicina, muitas vezes há apenas um módulo sobre o tema na disciplina de epidemiologia, por exemplo”, diz a reumatologista Rachel Riera, do Hospital Sírio-Libanês e da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), onde ministra justamente uma dessas raras disciplinas. “Existem também muitos cursos esporádicos e outros de pós-graduação, que têm crescido.”

Para Riera, a medicina baseada em evidências não é oposta à experiência pessoal de cada médico ao lidar com seus pacientes no cotidiano, mas ajuda a evitar que certos tratamentos continuem a ser usados de forma acrítica apenas por hábito, sem que tragam benefícios reais para o tratamento.

“É claro que existe uma grande lacuna, muitas vezes, entre o que seria a melhor solução possível e o contexto de cada profissional de saúde e cada paciente. Tratar um infarto agudo do miocárdio nunca vai ser a mesma coisa num hospital de uma grande cidade e numa comunidade ribeirinha da Amazônia”, pondera ela. “Não adianta só focar nos resultados de grandes estudos se você não leva isso em conta.”

Riera diz ainda que nenhuma situação recente pode ser comparada à pandemia de Covid-19, quando se considera a necessidade de aprender com grande rapidez maneiras de enfrentar uma nova doença..."

Viver é Perigoso

SEM PALAVRAS

Viver é Perigoso

CARTA QUE RECEBI


Itajubá, 28 de maio de 2020

Zelador

Ref.: Investigação sobre Fake news

1- o inquérito das fake news foi aberto em 14/03/19 a pedido do Toffoli e comandado por Alexandre de Moraes sob sigilo;

2- a antiga PGR Dodge questionou o Supremo e pediu seu arquivamento por contrariar normas legais principalmente aquela que "quem vai julgar não pode investigar"; existem várias ações contrárias para serem julgadas no próprio Supremo;

3- desencadeada outra fase da investigação, hoje a PF a mando do Supremo, fez buscas e apreensões em domicílios de empresários, blogueiros, políticos aliados do presidente. Podem chegar ao 02;

4- O novo PGR Aras pede novamente a suspensão do inquérito;

5- Planalto avalia contra atacar propondo ação no próprio tribunal e possivelmente com o não atendimento das convocações feitas a dois ministros: o boca suja da educação e o general baixinho da segurança.

Embate institucional sério à vista caríssimo responsável pelo blog e colaboradores. 

Juízo idosos.

Causídico Jurássico

Viver é Perigoso

CARTA QUE RECEBI


Itajubá, 27 de maio de 2020 

Zelador,

Ref.: Asfaltamento em Itajubá

São 35 milhões para as obras viárias de asfaltamento. São 111 ruas. 315 mil em média por rua. Dinheiro emprestado que será pagos pelas futuras gestões.

Outro ponto interessante de abordar é o motivo para asfaltar a cidade inteira.

O asfalto faz as noites nas cidades serem até 5 graus Celsius mais quentes, segundo estudo da USP (Universidade de São Paulo), desenvolvido em 2013. Esse tipo de superfície tem a capacidade de guardar calor durante o dia e liberá-lo até aproximadamente 20h30, com isso o desconforto térmico nas vias perdura mais, o que aumenta o consumo de água, energia elétrica e o desgaste físico. 

O asfalto esquenta as massas de ar na superfície gerando o 'calorão' das noites, que vai diminuindo ao longo do período noturno. A solução para o problema é o aumento da cobertura vegetal das vias.

Além disso, o asfaltamento maciço das cidades deixa as vias impermeáveis. Com isso, é preciso um sistema de drenagem com funcionamento muito bom para evitar alagamentos, já que a água fica sem ter para onde escorrer no solo e o único caminho são os bueiros (o período das chuvas é só depois das eleições). 

O asfaltamento em massa de Itajubá está sendo feito sem respeitar nenhuma dessas variáveis.

Abraço,

Marco Antonio Gonçalves

Viver é Perigoso

quarta-feira, 27 de maio de 2020

SOB A LUZ DE VELAS


"As pessoas não debatem conteúdos, apenas os rótulos"

Mário de Andrade

Viver é Perigoso

POIS É...


Diálogo ouvido hoje no Bairro da Avenida.

- Puxa vida ! tão novo e já com evidentes sinais de calvície.

- Tá no DNA

Viver é Perigoso

QUESTÃO DE OPINIÃO


A Manchete no site do jornal Itajubá Notícias não chega a assustar quem conhece a empolgação do prefeito municipal.

"Nestes 201 anos nenhuma administração sequer chegou próximo do que estamos fazendo. O maior investimento da história de Itajubá " 

Imagino que o Sr. Prefeito se referia a cobertura asfáltica que deve estar acontecendo em muitas ruas da cidade, inclusive onde eu moro (Felipe Pizzuto). Coisa rápida, aparentemente sem preocupações com águas pluviais, etc, passam jogando uma camada de massa asfáltica e um rolo vem atrás alisando tudo. 

Pisos históricos e trabalhados de pedras sextavadas ficarão à disposição para os estudos de futuros arqueólogos.  

Mas já está bom.

Tomo a liberdade de não concordar com "o maior investimento da história de Itajubá". Uma auto-exaltação pode parecer um pouco caso com a história e administradores dedicados e capazes, que estiveram na frente da prefeitura da cidade.

Não teria elementos para discutir o custo desse asfaltamento. Foi mencionado um total de R$ 35 milhões. Na Boa Vista (frente da Igreja de São José) é mencionado o valor de R$ 11 milhões.

Recursos emprestados via Caixa Econômica Federal, que mesmo com prazos de carência, e juros subsidiados terão que ser pagos. Claro, que financiados com direito a retenção na fonte, em caso de inadimplência, dos recursos gerados pelo Icms e Ipi, que despencarão com a pandemia.

Sorte ou azar, que a conta cairá no colo dos próximos administradores a serem eleitos no final do ano (caso não ocorra o adiamento das eleições).

Encerrando, mais recentemente, foi excepcional o trabalho da Administração Dr. Pedro Mendes, construindo/reconstruindo, a rede de esgotos da cidade. 

Em tempo: Já fui consultado pela vizinhança se assinaria um abaixo-assinado para construção de quebra-molas na minha rua. Não disse sim e nem não. Muitas crianças ainda brincam na rua dos bairros.

Viver é Perigoso

VAMOS LÁ MOÇADA !


Comparando com os dados oficiais, Itajubá encontra-se na décima posição dos casos de confirmação do novo coronavírus. Isso é bom e apenas deixa os moradores preocupados o baixíssimo número de casos suspeitos testados.

Pelo dados apresentados pela Secretaria Municipal da Saúde, o cenário já propiciaria uma abertura mais substancial das restrições impostas e em vigor. 

A questão, imagino, seria acontecer uma flexibilização e em seguida, ficarem disponíveis os testes dos possíveis enfermos. Caso os resultados derem positivo em números elevados, passará a impressão que foi decorrente da abertura.

Até aqui, tirando uma ou outra "pisada de bola", a pandemia vem sendo bem conduzida pela Administração Municipal. 

A principal falha, que é o padrão desse governo, é ausência de transparência total. E no caso, os habituais boletins não bastam.  Será necessário o Secretário de Saúde e eventualmente, o Senhor Prefeito, se apresentarem para responder questionamentos de vereadores independentes e da imprensa descolada do poder. Isso vem acontecendo nos governos federal e estaduais, diariamente.

Transparência continua sendo o melhor remédio. Creio que as autoridades mencionadas, estão de posse de números e informações, que lhes permitirão tranquilizar a todos.

Viver é Perigoso      

MEGA EVENTO


Programado para ser realizado logo após o fim da quarentena, o Primeiro Encontro dos Governadores e Políticos condenados e investigados no Rio de Janeiro. O encontro deverá ser realizado no Estádio do Maracanã.

Viver é Perigoso  

NADA COMO UM DIA APÓS O OUTRO


Na semana passada, Luciano Hang, conhecido como o "véio da havan" foi condenado pela Justiça de São Paulo a indenizar o reitor da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), Marcelo Knobel, em R$ 20,9 mil por danos morais após publicação de notícia falsa no Twitter.

Hoje, a Polícia Federal cumpre, na manhã desta quarta-feira, mandados de busca e apreensão no inquérito do Supremo Tribunal Federal que apura fake news e ataques contra ministros da Corte. Entre os alvos está o Sr. Luciano Hang, empresário lojista, apoiador do presidente Bolsonaro.

Juízo !

Viver é Perigoso

CLARIN DA BOA VISTA - BREAKING NEWS


POLÍCIA FEDERAL ABRE AÇÃO CONTRA A POLÍCIA FEDERAL !

Clarin da Boa Vista

Viver é Perigoso

terça-feira, 26 de maio de 2020

SOB A LUZ DE VELAS


Se prender ao passado

"Ai daqueles que pararem com sua capacidade de sonhar, de invejar sua coragem de anunciar e denunciar. Ai daqueles que, em lugar de visitar de vez em quando o amanhã pelo profundo engajamento com o hoje, com o aqui e o agora, se atrelarem a um passado de exploração e de rotina."

Paulo Freire .

Viver é Perigoso

MARIA DA FÉ

Maria da Fé - Manhã de 26/5/2020
Viver é Perigoso

COMO ELES PENSAM


"Há coisas mais importantes que a vida. Como salvar este país para seus filhos e seus netos"

Dan Patrick - Vice Governador do Texas (Trumpista)

O ageísmo é o processo de criar estereótipos ou discriminar uma pessoa ou grupos de pessoas pela idade. Esse preconceito, que em última instância afeta a todos que envelhecem, ainda é pouco discutido e pode ser encontrado nas atitudes, práticas e pensamentos discriminatórios, bem como nas políticas institucionais que excluem ou limitam a participação dos idosos. 

Viver é Perigoso

DA SÉRIE, JÓIAS DO VERNÁCULO

"Sobre General Heleno: eu quero dizer a esse traidor da pátria que eu tenho mais medo dele com a mão suja de cocô do que com a arma que ele pensa que vai poder apontar. O Exército brasileiro não vai obedecer a golpista salafrário entreguista como esse general Heleno está se transformando. É um dos mais boçais, mentiroso e sem honra."

Ciro Gomes

Sobre Ciro Gomes:, que eu mal conheço e considero um canastrão. Não vou responder, porque o considero um lixo humano, nem vou processá-lo, por ser um caso igual ao Adélio, inimputável por ser débil mental".

General Heleno

Viver é Perigoso

RUMO AO CAOS


Viver é Perigoso

DEFININDO



"O Blog será de direita nos dias pares e de esquerda nos dias impares. Será de centro nos feriados.

Solução do Millôr

Viver é Perigoso

segunda-feira, 25 de maio de 2020

SÓ BLUES



Viver é Perigoso

DECLARAÇÃO COM DATA DE VALIDADE


"É momento de todos se unirem. Para tanto, devemos atuar para termos uma verdadeira independência e harmonia entre as instituições da República, com respeito mútuo."

Bolsonaro - 25/5/2020 (18:00 horas)

Declaração válida por 12 horas - Vencimento: 26/5/08:00 horas

Viver é Perigoso