terça-feira, 21 de abril de 2020

NA BUSCA DE EVIDÊNCIA

Deu no jornal "O Estado de São Paulo" de ontem (20/4)

Um estudo da operadora Prevent Senior para testar a eficácia da hidroxicloroquina no tratamento da covid-19 foi suspenso nesta segunda-feira, 20, pela Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (Conep) após o órgão descobrir que os testes com pacientes foram iniciados antes de a empresa receber o aval para a realização da pesquisa, o que é proibido pelas normas do País. Os pesquisadores responsáveis foram convocados para audiência na tarde desta segunda com o órgão para prestar esclarecimentos sobre as suspeitas de irregularidade.

...A médica Rachel Riera, coordenadora do Núcleo de Avaliação de Tecnologia em Saúde do Hospital Sírio-Libanês e professora de medicina baseada em evidências da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), concorda que a falta de randomização é um problema e acrescenta que outra limitação é o fato de o estudo ser aberto, situação em que pesquisadores, pacientes e avaliadores sabem qual paciente faz parte de cada grupo.

“Quem definiu a alocação dos participantes em cada grupo foram os próprios pacientes, que decidiram ou não se tomariam o remédio. Isso é bem crítico porque podem haver diferenças de cuidado com a saúde entre o grupo que decidiu fazer uso do medicamento e o que não quis. O fato de a pesquisa ser aberta pode influenciar na condução do estudo, na adesão ao tratamento e na avaliação do desfecho”, destaca.

Viver é Perigoso

4 comentários:

Anônimo disse...

Prevente Senior não é aquela do hospital Santa Majiore onde a taxa de mortos de idosos pelo vírus é altíssima?

Anônimo disse...

https://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/2020/04/chegada-do-frio-ao-sul-tende-a-facilitar-disseminacao-do-novo-coronavirus.shtml

Edson Riera disse...

Prevent

Pois é...

Zelador

Anônimo disse...

"Sabia que não era uma pesquisa aprovada pela Conep. Falou-se uma mentira aberta. Não é uma coisa dúbia, ambígua. É uma coisa muito mais grave. Tentaram apresentar como pesquisa científica algo que não é pesquisa científica. Ao que tudo indica, é uma fraude científica", diz Jorge Venâncio, coordenador da Conep - Comissão Nacional de Ética em Pesquisa sobre estudo da Prevent Senior sobre a hidroxicloroquina