terça-feira, 11 de fevereiro de 2020

HOJE, NA BOA VISTA, É CLARO !


Viver é Perigoso

6 comentários:

Anônimo disse...

Pois é todo mundo preocupado.E vamos para a beira do rio. Principalmente em frente a fepi.Buscar informações no cogitado sistema de alerta? Nenhuma informação. Os dados disponíveis hoje de manhã eram de 16/12. Agora que atualizaram. Somente na estação Sta. Rosa. O que significam? Pelo que entendi tá na faixa de transbordamento.
https://meteorologia.unifei.edu.br/hidrologia/

Edson Riera disse...

Hidrologia -

Ainda sobre a cheia ocorrida ontem em São Paulo. A imprensa informa hoje que nos últimos 5 anos a Prefeitura de São Paulo deixou de gastar R$ 2,7 bilhões em obras para o controle das cheias na cidade.
Pois é...
Há séculos ouvimos falar da imprescindível construção de barragens na nossa micro-região. Projetos existem e bem detalhados.
Promessas a respeito, obrigatoriamente, fazem parte dos programas de campanhas de todos os candidatos.
Com certeza, nessa época de sobressaltos, o tema voltará a ser discutido.

A parceria Unifei/prefeitura/Copasa vinha vindo bem. De repente, alguém se sentiu contrariado.

Zelador

Anônimo disse...

Não conheço muito do assunto. Entrando no site indicado noto que das 6 estações só tem mesmo uma funcionando. Isso no mês de fevereiro.

Anônimo disse...

Cantado e decantado que tinham reativado o sistema. E agora? O que eu vou dizer lá em casa?

Anônimo disse...

Voltou a subir o rio. muito. Tá no site.

Anônimo disse...

O site estava errado. Nível real caindo, no site ou estação subindo hoje de manhã. Agora corrigiam. Quer dizer, das cinco estações, quatro não funcionam e uma mostra no auge das preocupações dados errados.Acho que a nossa escola entrou numa fria com este acordo com a pmi.
Da página do CDL: Prefeitura e Unifei retomam Sistema de Monitoramento contra enchentes em 01/12/2017
A reimplantação do Sistema de Monitoramento contra Enchentes foi pauta da reunião do Conselho Consultivo da Câmara de Dirigentes Lojista (CDL) de Itajubá, realizada nesta quarta-feira, 29 de novembro. O sistema será operado em uma parceria entre a Universidade Federal de Itajubá (Unifei) e Prefeitura, por meio da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil. Os convidados para falar sobre o assunto foram os professores do Instituto de Recursos Naturais da Unifei, Benedito Cláudio da Silva e Michele Simões Reboite, e o coordenador municipal da Defesa Civil, João Tarcísio de Oliveira Júnior. “Apenas quatro estão em operação por uma questão orçamentária, mas são suficientes para emitir os alertas necessários em caso de chuvas fortes”, completou o coordenador da Defesa Civil, João Tarcísio
3 anos depois não tem nada funcionando! cdlista com medo!