terça-feira, 14 de janeiro de 2020

OUTROS TEMPOS


O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, espera assegurar R$ 5,227 bilhões com a privatização de 24 terminais rodoviários municipais e estações da linha expressa. Hoje (14/01), a Secretaria de Governo da Prefeitura liberou acesso aos editais. As concessões serão no modelo Parceria Público Privada (PPP).
O direito de exploração dos terminais e das estações será por 30 anos. A prefeitura aceitará propostas tanto individuais quanto coletivas, ou seja, na forma de consórcios. Os vencedores poderão fazer intervenções construtivas nas áreas concedidas.
A Prefeitura de SP projeta receita mensal acima de R$ 14,52 milhões. As propostas serão abertas dia 19 de fevereiro, a partir das 11h. 

Blog: Anotem: Uma das primeiras medidas dos eleitos para conduzir a Administração Municipal de Itajubá, a partir de 2021, será a privatização do Terminal Rodoviário Dr. Vicente Vilela Vianna.

Viver é Perigoso

Nenhum comentário: