quinta-feira, 2 de janeiro de 2020

DUREZA !


Uma ex-diretora da Universidade Brasil, de Fernandópolis (SP), disse à Polícia Federal que alunos pagavam até R$ 80 mil por uma vaga na faculdade de Medicina, e R$ 100 mil quando a vaga fosse por meio do Financiamento Estudantil (Fies). 

A revelação foi feita por Juliana da Costa e Silva em delação na Operação Vagatomia. A Universidade Brasil entrou na mira da PF em setembro por venda de vagas no curso, irregularidades no exame de revalidação de diplomas e fraudes no Fies de até R$ 500 milhões.

Blog: O nome "Universidade Brasil" é sugestivo.

Viver é Perigoso

Nenhum comentário: