domingo, 5 de janeiro de 2020

CORRUPTÔMETRO


Está para ser sancionado pelo Prefeito Bruno Covas - São Paulo, o projeto que cria a Política Municipal de Prevenção da Corrupção.

Levou a isso, a suspeita de acerto entre os fornecedores de uniformes da rede municipal de educação.

Entre outras determinações, o projeto determina a comparação automática de preços praticados no setor público com a área privada. A tecnologia disponível já permite disparar um alerta ante qualquer diferença acima dos 30% (???) nos valores de aquisição dos produtos.

Blog: A existência do projeto já confirma que "rolos" existem. Não entendi o limite de 30%. O preço de venda de produtos/serviços  praticados não deveria ser mais próximo (para maior ou menor) dos que os praticados no setor privado ?

Viver é Perigoso 

Nenhum comentário: