segunda-feira, 6 de abril de 2020

ACABOU A TINTA


Viver é Perigoso

CANTINHO DA SALA

Dusan Malobabic
Viver é Perigoso

CLARIN DA BOA VISTA


URGENTE : MANDETTA RESOLVE MANTER O JAIR !

Clarin da Boa Vista

Viver é Perigoso

JUÍZO MOÇADA !


Não é a primeira vez que a cloroquina é testada em doenças causadas por vírus. Ela realmente é capaz de proteger células cultivadas em laboratório do ataque de vírus. Por isso, cada vez que surge uma nova doença viral, corremos para a cloroquina, na esperança de que vá funcionar também em humanos.

O medicamento é muito bom para malária e para doenças autoimunes, mas requer cuidado pois pode afetar coração, olhos e fígado, e tem um longo histórico de decepcionar cientistas.

Nem tudo que funciona bem em células cultivadas em tubos de ensaio funciona em animais ou pessoas. Isso acontece porque as condições no organismo são bem diferentes das de laboratório.

A cloroquina já foi testada em animais e/ou humanos, e não funcionou contra influenza, dengue, zika, nipah vírus, chicungunha, ebola e SARS. Para chicungunha, o remédio inclusive aumentou a contagem de vírus e a febre, quando testada em macacos.

O placar, até agora, está sete a zero para os vírus. Não há, ainda, nenhum registro de uma única virose onde o tratamento com cloroquina tenha dado certo.

A cloroquina já mostrou funcionar muito bem – em células de laboratório – para a Covid-19. E, por enquanto, é tudo o que podemos afirmar.

A cloroquina funciona em células, mas já vimos que isso não garante nada. Se um teste bem conduzido mostrar bons resultados em humanos, que nos permita tirar conclusões sólidas, ainda precisaremos determinar coisas como a dosagem e as contraindicações.

Sem isso, correremos risco muito concreto de causar mais mal do que bem, por causa dos efeitos colaterais, e só percebermos quando for tarde demais.

Natália Pasternak

Viver é Perigoso

À DERIVA


Um fala uma coisa. Outro fala outra. Nunca se assistiu tantas "lives". O presidente diz "A'. O ministro afirma que é "B". O senador não concorda e o deputado se cala. O governador ou some ou aparece demais. O Ministério Público determina. O prefeito, categoricamente não afirma nada.
Todos de olhos nos números do Ministério da Saúde e claro, no calendário eleitoral.

Oremos.

Viver é Perigoso   

E QUEM NÃO ESTÁ ?

Viver é Perigoso

domingo, 5 de abril de 2020

FOGUETÓRIO


É do conhecimento geral que a terrinha poderia ser tratada por Capital do Foguete. Hoje à tarde/noite os "caramurus" voltaram a espocar na cidade.

Um vizinho passando pela rua, na Boa Vista, é claro, acenou cumprimentando e disse bem alto:

- Deve ter saído gol do corona.

Agora á noite o noticiário confirmou. Foi mesmo.

Viver é Perigoso

TEM JEITO NÃO


"De algumas pessoas do meu governo, algo subiu à cabeça deles. Estão se achando demais. Eram pessoas normais, mas, de repente, viraram estrelas, falam pelos cotovelos, tem provocações. A hora D não chegou ainda não. Vai chegar a hora deles, porque a minha caneta funciona. Não tenho medo de usar a caneta, nem pavor. E ela vai ser usada para o bem do Brasil. Não é para o meu bem. Nada pessoal meu.".

Jair

Blog: Continua agindo como um veterano deputado. Manda recados para os adversários. Óbvio que se refere ao Ministro da Saúde. Tem a caneta ? demita ! 

Viver é Perigoso

MOMENTOS MÁGICOS



Viver é Perigoso

THE END OF OCTOBER

Os clássicos nos trazem diferentes eventualidades. 

Em A Peste,  Alberto Camus conta que, em situações desesperadoras, surge o pior da sociedade: o egoísmo, a irracionalidade, o medo. 
A Morte em Veneza, de Thomas Mann, mostra o perigo de resistir a seguir as indicações para evitar o contágio. 
Em Ensaio sobre a Cegueira, José Saramago desmascara “uma sociedade podre e desfigurada”. 
Mais recente é Guerra Mundial Z, infestada por zumbis.

No mercado americano, a partir do dia 28 de abril, o livro " The End of October - do escritor premiado, Lawrence Wright (já a venda na Amazon por US$ 25,16). Conta o périplo de um epidemiologista da OMS na luta para encontrar uma cura para um vírus mortal antes que acabe com a civilização. 

The End of October começa com o relato da morte “surpreendente’” de 47 jovens internos de um campo de refugiados para homossexuais localizado no oeste da Ilha de Java, na Indonésia. Logo o vírus se espalha e força a cidade de Meca, abarrotada de 3 milhões de fiéis, a ficar em quarentena.

A doença que Lawrence Wright imagina é semelhante à gripe, assim como o coronavírus. E muitos pacientes sofrem pneumonias virulentas, como na triste realidade.

No livro, as vítimas não são os idosos, como acontece com o coronavírus, mas as pessoas mais saudáveis, como aconteceu durante a gripe de 1918. “Seu sistema imunológico era tão robusto que sobrecarregava o corpo e acabavam se afogando em seus próprios fluidos”.

No romance são narrados momentos de ocultação de informações para não provocar o pânico dos cidadãos, o protagonista incentiva sua mulher a comprar comida suficiente para dois meses e se ouvem frases que são dolorosamente reais: “Toda vez que tentamos confinar o vírus fazendo quarentenas, ele sempre encontra uma maneira de escapar”.

Wright especula sobre os problemas sócio-políticos que podem surgir por culpar outros países pela pandemia. Alguns senadores norte-americanos afirmam que o coronavírus é uma criação da China, observa. “Quando não temos evidências de que alguém, exceto a natureza, o tenha manipulado, é terrivelmente perigoso procurar culpados.” 

(Dados - El País) 

Blog: Pois é...

Viver é Perigoso

HERÓIS E HEROÍNAS

Harrison Fisher - (Americano, 1875-1934)- Cartaz da Cruz Vermelha,
Dez médicos, uma enfermeira e um auxiliar faleceram na Espanha, contagiados pelo coronavírus, por contato com pacientes. Cerca de 12.300 profissionais da saúde estão com o vírus. Perto de 15% do total de casos.

Viver é Perigoso



TAMBÉM, NEM TANTO


Um casal de Raipur, na Índia, decidiu batizar os filhos em “homenagem” ao novo coronavírus. As crianças, que nasceram em 27 de março, ganharam os nomes de Corona (uma menina) e Covid (um menino).

Os pais afirmaram que a escolha aconteceu para que os bebês, quando crescidos, se lembrem das dificuldades que precisaram superar para chegar ao mundo. As informações são da Press Trust of India.

Viver é Perigoso

PORQUE HOJE É DOMINGO



Viver é Perigoso

FALOU E DISSE !


Incrível, como dois sem declarações do Bolsonaro, já deram uma melhorada no cenário. Mas escreveu a Dorrit Harazin, traçando um paralelo entre Trump e o nosso Presidente:

"...por força da necessidade e do gigantismo da crise, Donald Trump e Jair Bolsonaro optaram por terceirizar o problema, que acabou em mãos de quem não comunga das crenças e disparates dos dois presidentes. 
Trump e Bolsonaro acreditaram poder desresponsabilizar-se da marcha da pandemia içando a primeiro plano dois personagens que não poderiam ser mais diferentes entre si — o nova-iorquino Anthony Fauci, a maior autoridade americana em infectologia, e, aqui, o deputado formado em Ortopedia Luiz Henrique Mandetta, atual ministro da Saúde. 
Ambos conquistaram o respeito e a confiança de quem os ouve pela abordagem científica e realista do combate ao coronavírus. Ambos, também, começam a pagar por isso.
Esta semana o franzino e bem-humorado Dr. Fauci , que já serviu a vários ocupantes da Casa Branca e chegou aos 79 anos de idade com biografia estelar, passou a precisar de proteção extra de agentes de segurança. Tem recebido ameaças de morte em demasia por parte de seguidores de Donald Trump. 
Em Brasília, Mandetta cometeu o pecado capital de seu Ministério da Saúde ter ultrapassado o presidente em aprovação na condução do combate ao vírus. Não só ultrapassou, esmagou: 76% a 33%, segundo o último Datafolha.
Sobreviver nessa dislexia nacional não tem sido fácil nos dois países. 
Em Washington, Donald Trump consegue embaralhar uma frase que começa com “Isto não é uma crise financeira, é apenas um momento temporário no tempo” com o anúncio da injeção de US$ 1 trilhão na economia do país. 
Em Brasília o comportamento de Jair Bolsonaro é ainda mais errático, sempre que tem um microfone pela frente. 
Para não concluir de forma sorumbática, vale recorrer às memórias de um generoso humanista do século 20, o escritor Paul Goodman. “Esperança é o contrapeso para o nosso enorme sentido de vulnerabilidade”, escreveu em suas memórias. “É a nossa permanente negociação entre otimismo e desesperança, a contínua negação do cinismo, ingenuidade. Temos esperança justamente por termos consciência de que eventos tenebrosos são sempre possíveis e não raro prováveis. Mas as escolhas que fazemos podem impactar o seu desenlace”.

Dorrit Harazin

Viver é Perigoso

E O MUNDO


Viver é Perigoso

sábado, 4 de abril de 2020

TAMBÉM, NEM TANTO


Para evitar aglomerações, a prefeitura de Recreio (MG) mandou quebrar os bancos históricos da praça.

(Anselmo Gois)

Viver é Perigoso

PLANO MARSHALL


A medida em que a crise vai avançando, irá se tornar comum no noticiário a citação do "Plano Marshall. 

Primeiro, para os bem poucos que estão chegando agora, George Marshall foi um general dos Estados Unidos, combatente na Primeira Guerra Mundial e na Segunda Guerra Mundial. Foi também Secretário de Estado da nação americana e ficou célebre por ser autor do Plano Marshall, de ajuda à reconstrução da Europa devastada após a guerra de 1939-1945.

Ao mesmo tempo em que ajudava a Europa, o Plano Marshall servia aos interesses norte-americanos de penetração no continente. Isto porque ajudava a conter o avanço do comunismo, já que o mundo vivia em plena Guerra Fria.

O programa, que foi colocado em prática de 1948 a 1951, envolveu dezessete países e estabeleceu que caberia aos Estados Unidos o controle da política monetária e fiscal dos países europeus durante o período.

No total, 17 países foram contemplados com o auxílio americano: Áustria, Bélgica, Dinamarca, França, Grécia, Islândia, Irlanda, Itália, Luxemburgo, Holanda, Noruega, Portugal, Suécia, Suíça, Turquia, Reino Unido e a parcela da Alemanha ocupada que posteriormente se tornaria a República Federal da Alemanha.

Um artigo acadêmico publicado em 1991 por pesquisadores do National Bureau of Economic Research, uma instituição de pesquisa econômica ligada ao governo americano, contabiliza auxílio de US$ 13,2 bilhões que, em valores atualizados em março de 2020, correspondem a cerca de US$ 131,33 bilhões.

A maior parte dos aportes foi direcionada a compras de produtos dos próprios Estados Unidos, sendo que 60% foram gastos em comida e insumos para produção agrícola e industrial; outros 16,5% em combustível; 16,5% em maquinário e veículos; e 7% na marinha mercante americana, responsável por transportar os produtos dos Estados Unidos para a Europa. Grande parcela do dinheiro foi doada, e uma parte menor foi emprestada aos beneficiários.

Um outro aspecto importante do Plano Marshall foi a busca por promover o aumento da produtividade dos países europeus. Foram concedidas bolsas para que engenheiros europeus visitassem fábricas, fazendas e minas americanas. Além disso, técnicos foram enviados aos países europeus para avaliar a produtividade dos trabalhadores e elaborar relatórios com sugestões para melhorá-la.

Em tempo: o auxílio financeiro foi oferecido também à União Soviética que, no entanto, recusou a oferta e impôs que outros países do bloco comunista fizessem o mesmo.

Viver é Perigoso

LIVRO, PRESENTE DE AMIGO


Criei coragem e li "A Estrada" do Cormac MacCarthy, que deu ao escritor o Prêmio Pulitzer de ficção em 2007. 

O que fez a humanidade chegar a um mundo tão pós-apocalíptico quanto o que o autor desenha? 

O que poderia causar tal devastação de nossa civilização? 

Ou uma catástrofe nuclear ou, mais certamente, uma pandemia.

Interessante: Livro para ler durante o dia. Á noite, inevitavelmente, levará a pesadelos.

Uma obra prima de tensão, cuja leitura nos leva a comparações com os acontecimentos atuais.

Viver é Perigoso

O MAGO DA BELEZA




Luis Eduardo Aute, uma referência na música espanhola, tomou o barco hoje, aos 76 anos em Madrid

Luis Eduardo Aute nasceu am Manila, nas Filipinas em 1943. Foi um artista completo. Músico, cantor, diretor de cinema, ator, poeta e  pintor.

Viver é Perigoso

PENSANDO MAIS ADIANTE

Viver é Perigoso

SEM ESTRESSE; PROCURE ALGUMA COISA PARA FAZER

Viver é Perigoso

sexta-feira, 3 de abril de 2020

ÚLTIMO DIA !


Último dia, segundo o Calendário Eleitoral, para filiações, etc, etc. Chegam comentários de estranhas e, até então, impensáveis parcerias. O pessoal no poder adora articular sobre o tabuleiro político. Promessas, promessas e promessas.

Sei lá...

Viver é Perigoso  

CLARIN DA BOA VISTA


Fake News - Falso que a empresária do Ronaldinho gaúcho esteja negociando, com entrega em 24 horas, carteiras de identidade com 20 e ou 10  anos de idade para menos, para fuga documental do grupo de risco - 85% dos casos "definitivos" do corona no Brasil, envolvem maiores de 60. 

Clarin da Boa Vista

Viver é Perigoso

BONS TEMPOS



William Harrison Withers, Jr., simplesmente Bill Withers, cantor e compositor norte-americano de blues e soul, tomou o barco hoje aos 81. Dono de sucessos que marcaram os anos 70. Lembrem-se de "Lean on Me", "Ain't No Sunshine", "Use Me", "Just the Two of Us", "Lovely Day" e "Grandma's Hands".

Viver é Perigoso

CADEIA

Viver é Perigoso

SOB A LUZ DE VELAS


"Apenas se lembre que as coisas que você põe na cabeça ficam lá para sempre. Você se esquece de algumas coisas. Você se esquece do que quer se lembrar e lembra-se do que quer esquecer."

Cormac Mc Carthy

Viver é Perigoso

SANTA CASA


Tornou-se comum a devolução à Prefeitura Municipal de Itajubá, pela Câmara Municipal, dos recursos não utilizados. Tem girado em torno de R$ 1,5 milhão. O Executivo atual costuma empregar o dinheiro onde achar melhor.

Estamos, sem exageros, num "estado de guerra". Os Senhores Vereadores, Cleber David, Fabrício, Joel, Jorge, Krauss, Zambrana e Vladimir, entenderam o momento difícil e apresentaram no dia 26/3/2020, indicação propondo a Mesa Diretora que antecipe  devolução de recursos não utilizados, aproximadamente R$ 500.000,00 para doação à Santa Casa objetivando auxiliar na finalização de obras para oferta de mais 20 leitos de UTI. 

Solicitaram também que o Executivo Municipal some igual valor, para juntos, atingirem no mínimo R$ 1 milhão como esforço conjunto dos dois poderes municipais, em benefício dos itajubenses e região.

Até, hoje (3/4), a Mesa Diretora não se manifestou. Mas como não dá um passo sem consultar o Executivo, possivelmente fizeram a sondagem e como esperado, até pela meninada do Grupo Escolar Rafael Magalhães, na Boa Vista, é claro, mesmo de quarentena, já sabia:

Possivelmente escutaram do chefe do Executivo: 

Em se tratando da Santa Casa, esqueçam !

Fazem parte da Mesa Diretora, os evangélicos Silvestre, Molina, Renato, além do Zé Maria Bão, o médico, Kener. 

Sonhou-se, dado  o momento extraordinário provocado pelo corona vírus, que poderia ocorrer, por parte do Executivo, um momento de bom senso e solidariedade.

A Mesa Diretora segue cumprindo o papel de aliada fiel do Prefeito. 

Ainda bem, que a nossa centenária Santa Casa de Misericórdia, conta com a atenção e ajuda dos deputados do PT, Ulysses e Odair.

Veremos depois, caso se confirmem as apocalípticas previsões dos cientistas

Viver é Perigoso      

CANTINHO DA SALA

Ritmo de outono - (1950) - Jackson Pollock - Metropolitan Museum de New York.
Viver é Perigoso

GUARDEM O NOME E A IMAGEM


Osmar Gasparini Terra é medico formado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. É gaúcho e tem 70 anos. Deputado Federal pelo Rio Grande do Sul desde 2001, filiado ao MDB. Foi Ministro do Desenvolvimento Social no governo Michel Temer e Ministro da Cidadania no governo Bolsonaro. Em 14/2;2020, foi substituído pelo Onyx Lorenzoni.

Ideias e falas do Dr. Terra sobre a pandemia do coronavírus:

Apenas idosos e grupos de risco devem ser isolados e o restante da população deveria voltar a trabalhar imediatamente.

O isolamento social não reduz as mortes, e o achatamento da curva de contaminação é uma teoria que não existe na prática. 

Medidas como suspensão de aulas e quarentena total são só de cunho político, não tem evidência científica e não se orienta a população disseminando pânico. 

"O isolamento social não resolve nada. Já está disseminado o vírus. Todas as epidemias duram em torno de 13 semanas.

A quarentena irá destruir a economia, o que impactará a arrecadação e, consequentemente, o financiamento do SUS. Muita gente vai poder morrer por falta de recurso público.
 
Também é completamente contra a legalização ou descriminalização das drogas

Blog: Parece que ultimamente, temos ouvido essas teses de outra pessoas.

Viver é Perigoso


BONS TEMPOS

Viver é Perigoso

BEAU GESTE

Publicado no Facebook e ainda sem detalhamento. Belo gesto do Federal Odair e do Estadual Itajubense, Ulysses Gomes.
Não esqueceremos.

Viver é Perigoso

VENTOS DE GUERRA


Conforme publicado ontem, 13 assessores do alto escalão da Prefeitura Municipal de Itajubá deixaram ontem os seus cargos, que tudo indica, para terem condições legais de disputarem as próximas eleições previstas para outubro.

Imagina-se que todos deverão sair como candidatos à vereança. Alguns, segundo opiniões colhidas, possuem certo cacife para isso, conseguido, pelo bom e razoável desempenho nas suas funções nesses últimos quatro ou oito anos. Outros tantos, sabe-se lá a razão.

Reflexão pessoal: O prefeito municipal deve estar se sentindo bem mais leve hoje do que ontem.

Em princípio, estranhou-se a ausência, na lista, do nome do Secretário da Saúde Nilo Baracho, nome tão comentado para participar da chapa a ser apoiada pelo prefeito municipal. Um amigo esclareceu de imediato, que o prazo para desincompatibilização para concorrer aos cargos de Prefeito e Vice, é de quatro meses, diferente dos prazos exigidos para disputa da vereança, seis meses.

Bom, também pela lei eleitoral, o atual Vice, não poderá mais se candidatar ao mesmo cargo. Ou sai para prefeito, como se comenta, ou sai como candidato a vereador.

Em tempo, todos devem estar de olho no possível adiamento das eleições e na fixação de novas regras eleitorais.

O momento e o desempenho participativo demonstrado até aqui e a perspectiva de se sair bem com a elevação do calor da batalha previsto para as próximas semanas, colocando-o sob refletores, torna-se grande a chance do atual Secretário de Saúde encabeçar a chapa.

Contra o prefeito e logicamente, contra ele, pesarão a terrível responsabilidade pelo fechamento do Pronto-Socorro da Santa Casa de Misericórdia de Itajubá. Contas a serem prestadas para os eleitores e claro, também na chegada ao paraíso.

Viver é Perigoso    

A REUNIÃO


Enquanto isso em Brasília :

- Pessoal, oito horas em ponto. Vamos começar a reunião ?

- Ok !

- Moro, hoje é o seu dias de coordenar. Eu trouxe meus dados.

- Tudo certo Guedes, trabalhamos a noite toda no ministério da Saúde e temos todas informações.

- Tudo bem gente. Grato Mandetta. Informo aos Senhores que todos os aspectos já foram checados pelo pessoal da Justiça.

- Seguia a produtiva reunião. Entra o moço do cafezinho e cochicha no ouvido do coordenador, hoje, o Ministro Moro.

- Ministro, está aí fora o Bolsonaro querendo falar com vocês. 

- Pô ! esse cara de novo ? Diz, com todo a jeito, para ele passar mais tarde. Sugere para ele ir lá na portaria e arrumar uma encrenca com os repórteres que estão de plantão.

- Vamos gente...precisamos terminar isso hoje, mandar para o Maia para ele aprovar até na sexta-feira. No Senado já está tudo certo e o STF deu o Ok. 

Viver é Perigoso    

quinta-feira, 2 de abril de 2020

ÓBVIO QUE RELUTAMOS EM ACEITAR


John Maynard Keynes

Viver é Perigoso

CANTINHO DA SALA

Frank Di Gioia -  Noite - 1960.
Viver é Perigoso

QUARENTENA COM DOBRADOS


O Comando da Marinha, então, parece navegar em mares distantes. No dia 30/03, o Diário Oficial da União publicou o “Aviso de Homologação” do Pregão Eletrônico Processo 63181.001820/2019-76. Valor: R$ 3.560.937,07. “Objeto: registro de preços para eventual aquisição de instrumentos profissionais e acessórios musicais”.

Além do Fato

Viver é Perigoso

CLARIN DA VISTA


Carta do Leitor :

"Bolsonaro está se comportando nessa crise provocada pelo Coronavírus,  sem precedentes na história moderna, como aluno brigando na disputa pela posição de orador, na formatura de turma da antiga quarta-série ginasial. Que me perdoem os ginasianos."

Clarin da Boa Vista

Viver é Perigoso

ELEIÇÕES À VISTA




PORTARIA Nº: 212/2020

O Prefeito Municipal de Itajubá, estado de Minas Gerais, usando das atribuições que lhe são conferidas por Lei, RESOLVE: 
Art. 1º - Exonerar os Srs. (as) abaixo relacionados, dos Cargos em Comissão de Recrutamento Amplo, de conformidade com a Lei Complementar nº 067/2011, referendada pela Lei Orgânica Municipal em seu Artigo 81, item II e CF em seu artigo 37 – inciso II: 

I -  ASSESSOR ESPECIAL SR. KLECIUS ALBERT NEVES BALBINO 

II – ASSESSOR ESPECIAL SR. LUIZ FERNANDES GONZAGA 

III – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE CULTURA E TURISMO SR. MASSOUD NASSAR NETTO 

IV – DIRETOR DO DEPARTAMENTO DE CULTURA SR. MÁRCIO MALUF CALDAS 

V – DIRETOR DO DEPARTAMENTO DE RECURSOS HUMANOS SR. ADILSON MARTINS 

VI – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL SR. ROBSON VAZ DE LIMA 

VII – DIRETOR DO DEPARTAMENTO DE MEIO AMBIENTE SR. LUIZ VAGNER DA SILVA

VIII – DIRETOR DO DEPARTAMENTO DE LAZER SR. CARLOS HENRIQUE WANDERLEY JUVENCIO 

IX – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA, INDÚSTRIA E COMÉRCIO SR. JOSÉ FERNANDO GRASSI BISSACOT 

X – DIRETOR DO DEPARTAMENTO DE DESENVOLVIMENTO COMERCIAL E INDUSTRIAL SRA. MARIA SIRCIA DE SOUSA 

XI – DIRETOR DO DEPARTAMENTO DE PARQUES E JARDINS SR. JOSUÉ LUIZ DOS SANTOS 

XII – DIRETOR DO DEPARTAMENTO DE SAÚDE PÚBLICA SRA. JAQUELINE CASSIA PEDROSO 

XIII – COORDENADORA MUNICIPAL DE DEFESA DOS DIREITOS DA MULHER SRA. SIMONE BRITO DE CARVALHO 

Art. 2º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, com seus efeitos a partir de 03/04/2020

Viver é Perigoso

ACREDITANDO NAS NOTÍCIAS


Otimista: Tenho certeza que logo as autoridades locais anunciarão a construção de um crematório para atender a região.

Pessimista: Terá que ter alta capacidade. Aliás, já sei até onde será construído.

Deu no Jornal:
O maior crematório de Milão, na Itália, ficará fechado por um mês. A Prefeitura local informou que o fechamento será necessário para tratar todos os corpos que estão esperando para serem cremados.

Viver é Perigoso

BANCO HISTÓRICO


Deu no aleivosiascomolimao:

Tome o banco, antes que um aventureiro o faça.

"Em Paraisópolis, numa praça secundária (atrás da Matriz) segue indefectível, em estado de zero, um banco com os dizeres "Banco de Itajubá".
Prometo foto. Só passar a quarentena.
Vontade não falta de ir a prefeitura e acertar sua compra e substituição por um novo.
Garanto que ninguém de Paraíso vá notar ou sentir falta.
Tampouco o Santander, que comprou o Real, que comprou o Itajubá, vá reclamar a propriedade."

Blog: Muito legal a descoberta e a postagem sobre, do blog aleivosiascomlimao.
Pobre cidade que não cuida da sua história. A ACIEI, imagino eu, deve ter uma diretoria de cultura. Se envolvendo, buscaria resgatar parte da história da vida empresarial da cidade. Na Boa Vista,é claro, também existem bancos de cimento bancados por importantes firmas de Itajubá, inclusive lá na Pracinha, em condições de abandono, o doado pelo meu Avô Jayme Riera, da Padaria Boa Vista.

Viver é Perigoso   

VENTOS DE GUERRA


O prefeito de Lagoa Santa autorizou o comércio a funcionar. Tipo "meia-boca", mas liberou. O prefeito explicou que a cidade vem adotando medidas ordenadas que mantêm o funcionamento da economia, sem deixar de cumprir as orientações dos órgãos de saúde.

Em represália, o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, determinou que a partir de segunda-feira, os ônibus originários de Lagoa Santa serão proibidos de entrar em Belo Horizonte. 

Declarou Kalil:

“Não venha contaminar quem não quer ser contaminado”

O prefeito de BH disse que carro, caminhão e ambulâncias poderão passar.

Viver é Perigoso

NOVA REFERÊNCIA



A.C., D.C. Antes do Corona e Depois do Corona. 

Viver é Perigoso

THANK YOU BUCKY



O corona levou hoje o John Paul "Bucky" Pizzarelli. Pai do John. Um dos grandes guitarristas de jazz.

Viver é Perigoso

E O MUNDO


Viver é Perigoso

quarta-feira, 1 de abril de 2020

NEW YORK


Viver é Perigoso

TEMPOS COMPLICADOS


Na tempestade, disse um velho marujo, "só há uma coisa que se pode fazer - uma só: pôr o navio em determinada posição, e conservá-lo nela."
A razão nos pode ajudar; as experiências passadas não nos trazem luz. Até a oração parece não trazer consolo. Só resta um caminho. Temos que por a alma em determinada posição e ali ficar.
Temos que estar escorados no Senhor; e venha o que vier - onda ou vento, trovões ou raios, vagalhões ou rochedos perigosos - não importa o quê, nosso lugar é estar atado ao leme, na certeza que Deus é fiel; de que Ele assumiu um compromisso para conosco em Sua aliança; de que ele nos tem amor eterno em Cristo Jesus.

Richard Fuller 

Viver é Perigoso

NOSSA ESCOLA - BEAU GESTE


No dia 31 de março, a Universidade Federal de Itajubá, por meio do seu Instituto de Física e Química, doou frascos de álcool glicerinado para a Prefeitura Municipal, a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros de Itajubá. A UNIFEI está diariamente trabalhando para ajudar a comunidade local no enfrentamento a pandemia da COVID-19, doença provocada pelo novo coronavírus.
O secretário de Saúde do município, Nilo César do Vale Baracho, e o representante da Polícia Militar, capitão Júlio Alves, estiveram na UNIFEI para receber a doação e ressaltaram a importância do trabalho conjunto entre o governo municipal, a Polícia Militar e a Universidade para que haja sucesso no combate a essa pandemia.
A produção desse primeiro lote foi executada pelos professores Fábio da Silva Lisboa, Geise Ribeiro e Maurício Silva dos Santos, pela doutora em Química Daniele Scheres Firak e pelos técnicos de laboratório Glauber Márcio da Silva Luz, Rodrigo Sebastião Henrique, Thaianne Esquierdo Silva e Werônica de Lima Furtado.

Viver é Perigoso

FALOU E DISSE !


Só trabalho com critério técnico e científico. Só trabalho com academia com o que é ciência. Agora existem pessoas que trabalham com critérios políticos. Não me ofende nada. 
Eu não proíbo reuniões de ninguém. As pessoas são livres para se reunir , para conversar. Querem trazer sugestão, seja  do lado A, do B, do C, tragam com ciência, pesquisa e referendado pelo Conselho Federal de Medicina, que é quem vê questão de medicamentos. 
A cloroquina só deve ser usada para tratar a Covid-19 em pacientes graves.
Esse remédio causa arritmia cardíaca. O coração em vez de bater certinho, ele sai do rítimo. Se a pessoa já tiver uma pequena obstrução, vai acabar tendo uma parada cardíaca. 
Não temos segurança para falar "pode usar a cloroquina todo mundo, que é bom". Enquanto não houver base científica, o medicamento só será usado nos hospitais, casos críticos, com acompanhamento médico.

Blog: Sobre reunião promovida, pelo Planalto, com médicos da área, sem o conhecimento do Ministro da Saúde.

Luiz Henrique Mandetta - Ministro da Saúde

Viver é Perigoso

BEAU GESTE



Produção de Máscaras 

Poços de Caldas

No Instituto Federal em Poços de Caldas, as máscaras são de acetato e serão distribuídas gratuitamente em unidades de saúde da região. Os equipamentos são confeccionados em impressoras 3D e, ao todo, 10 estão sendo utilizadas na fase de testes. Após a produção inicial de 30 máscaras, a meta de produção é fazer 1 mil em 10 dias.
“As máscaras têm sido denominadas como escudos faciais. Elas são um mecanismo mecânico que evita o contato dos profissionais de saúde a gotículas, saliva e fluidos nasais que possam atingir o rosto. Dessa forma, esses profissionais têm uma barreira física de proteção contra o contato direto com pacientes infectados pelo coronavírus”.

Lavras

A Universidade Federal de Lavras (Ufla) e a Unilavras, além de moradores da cidade, se uniram para a produção de máscaras de acrílico. As universidades cederam espaços, equipamentos e mão de obra de professores. Os alunos participaram da ação, que ainda teve doação de materiais por empresários e prefeitura.

Santa Rita do Sapucaí

Empresas de Santa Rita do Sapucaí (MG) e Instituto Nacional de Telecomunicações (Inatel) também se juntaram para produção de máscaras de acrílico. As máscaras estão sendo produzidas pelo Inatel com materiais doados por empresários e doadas para o hospital da cidade.
Além das máscaras, também está sendo estudada a produção do avental impermeável, outro item indispensável e escasso para os centros de atendimento à saúde neste período. O Inatel colocou sua tecnologia, recursos e profissionais à disposição da comunidade para auxiliar nestas produções.

Viver é Perigoso

PRIMEIRO DE ABRIL

Viver é Perigoso