terça-feira, 29 de outubro de 2019

PHOTOGRAPHIA NA PAREDE


O Professor Paulo Cesar foi deputado estadual e mais, líder do governo Newton Cardoso na Assembléia Constituinte Mineira. 

Ao lado do governador, a grande liderança de Itamonte, Sr. Jonas Pezzo Costa, que inclusive deu nome para o trecho da BR-454 entre Caxambu e Itatiaia. A foto foi me presenteada pelo Pastor Junior, marido da Joana Riera e neto querido do Sr. Jonas. 
Com a construção da Rodovia Presidente Dutra (1941), o Sr. Jonas passou a integrar o quadro de motociclista da Polícia Rodoviária Federal e batedor nos deslocamentos do Presidente da República.

Viver é Perigoso

AQUI JAZZ



Curiosidade: Senti muito frio em Chattanooga, no Tennesse, lá pelo fim dos anos 90. Corri para comprar um casaco em Atlanta que fica bem próximo. Tenho-o até hoje.

A música, de Harry Warren e Mack Gordon, foi gravada por Glenn Miller e orquestra em 1941. A história de Chattanooga foi muito voltada para trens. Na época de ouro das ferrovias, considerando a sua situação como importante entrada para o Sul do País, foram construídas 14 vias, onde chegaram a circular, diariamente, 68 trens.

A Estação de trens transformou-se no Hotel Chattanooga Cho Cho. 

Viver é Perigoso

O COMEÇO


A internet que conhecemos é a evolução do projeto de rede Arpanet, iniciado nos Estados Unidos em 1966, e que deu o seu primeiro sinal de vida em 29 de outubro de 1969, ás 22:30 horas, quando dois computadores diferentes e distantes entre si trocaram a primeira mensagem.

A Arpanet foi desenvolvida com recursos do Departamento de Defesa norte-americano, mas rapidamente redes acadêmicas passaram a integrá-la. A Arpanet foi considerada definitivamente desligada em 28 de fevereiro de 1990.

Vint Cerf (um dos fundadores da internet) escreveu um tocante "Réquiem para a Arpanet"

"Foi a primeira e, sendo assim, também a melhor, mas vai agora descansar para sempre. Detenha-se comigo e derrame algumas lágrimas. Em seu canto de cisne, por amor, por anos e anos de serviço bem feito e fiel, eu choro. Deite seu último pacote agora, amiga, e durma. "

(extraído do texto do Demi Getschko)

Viver é Perigoso

MOÇA BONITA

Josephine
Viver é Perigoso

FALOU E DISSE :


Falou e disse o pastor batista americano, Adrian Pierce Rogers num sermão proferido em 1984. O pastor Rogers veio a tomar o barco em 2005.

"É impossível levar o pobre à prosperidade através de legislações que punem os ricos pela prosperidade. Por cada pessoa que recebe sem trabalhar, outra pessoa deve trabalhar sem receber. O governo não pode dar para alguém aquilo que tira de outro alguém. Quando metade da população entende a ideia de que não precisa trabalhar, pois a outra metade da população irá sustentá-la, e quando esta outra metade entende que não vale mais a pena trabalhar para sustentar a primeira metade, então chegamos ao começo do fim de uma nação. É impossível multiplicar riqueza dividindo-a.? "


Adrian Rogers


Viver é Perigoso

COMENTÁRIOS


Nos últimos tempos, muitos dos comentários publicados no Blog Viver é Perigoso, têm sido claros, lúcidos e mostram vivência e conhecimento. Pena que os comentaristas não se identificam. Mas entendemos perfeitamente.

Está acontecendo o que esperávamos. Os comentários têm sido superiores aos posts objetos da observação, muito embora o ponto de vista possa ser divergente.

Recomendamos aos leitores do "Viver é Perigoso" que atentem para os comentários e aos comentaristas fica a sugestão de adotarem um codinome, como temos os "colega de 87", "observador de cena" e outros que provocam a discussão.

Ah ! que falta faz o comentarista Laissez Faire que nos ensinou muito com os seus comentários. Sempre tive vontade de conhecê-lo.

Em tempo, após alertado pelo amigo e comentarista Luciano, registramos nossa admiração pelos comentaristas que se identificam.   

Vamos passar a replicar os comentários/análise como posts.

Viver é Perigoso  

KIRCHNER E FERNÁNDEZ


Viver é Perigoso

PHOTOGRAPHIA NA PAREDE


Dez dias longe da terrinha e duas enormes lacunas. Georges Kallás e Paulo César. Como uma imagem pode dizer infinitas vezes mais do que palavras. Fotografia publicada pela Bárbara Kallás equivale a uma enciclopédia. Georges no caminhar que ficará marcado na história de Itajubá.

Viver é Perigoso