quinta-feira, 3 de outubro de 2019

ENQUANTO ISSO...

Viver é Perigoso

MOMENTOS MÁGICOS




Muçaperê e Erundi, que significam O Terceiro e O Quarto, pois estavam nessa ordem de nascimento dos filhos do cacique Ubajara, ou Senhor das Águas, ao todo trinta e quatro irmãos.
São índios brasileiros autênticos, da raça tupi-tabajara, nascidos na remota e agreste serra de Ibiapaba, dentro do então isolado município cearense de Tianguá, na divisa com o Piauí.

Em 1933, a família migrou a pé rumo ao Rio de Janeiro. A caminhada durou cerca de três anos nos quais a dupla entrou em contato com cantadores e violeiros das regiões pelas quais passaram.

Chegando ao Rio de Janeiro, por interferência do tenente Hildebrando Moreira Lima, registram-se com novos nomes, Antenor e Natalício. Em torno de 1945, fizeram uma primeira apresentação na Rádio Cruzeiro do Sul do Rio de Janeiro utilizando o nome de Índios Tabajaras.

Entre 1953 e 1954, excursionaram pela Argentina, Venezuela e México, realizando estudos de música. Em seguida rumaram para os Estados Unidos onde ficaram se apresentando durante três anos.

Em 1960, retornaram ao Brasil e suspenderam as atividades artísticas por três anos. Após esse tempo retornaram para os Estados Unidos. Em seguida, apresentaram-se no Japão, Europa, China e outros países asiáticos. 

A música "Maria Elena" foi o maior sucesso da dupla, alcançando em 1963 o top 10 das paradas dos EUA e Inglaterra, vendendo mais de 1 milhão de cópias. 

(Fonte: Dicionário Cravo Albin da Música Popular Brasileira)

Viver é Perigoso

JUSTA HOMENAGEM


De: Lívia Barros

Hoje a noite será muito linda, meu pai receberá o Título de Cidadão Honorário de Brasília. 

Meu coração não cabe no peito de tanto orgulho por esse reconhecimento. 

Meu pai é um ser humano único. 

Empreendedor e sábio. 

Criou e apoia empresas como Espaço Y Engenharia, Tellus, Atlantico Engenharia, Delta, Café Cristina, Mama Gê, FazSol. 

Na área social ajudou na criação da APAE de Cristina, colaborou na construção das casas da Vila Vicentina. Apoia e patrocina desde o início o Café com Música. 

Sempre ajudou a quem o procurou. É um pai generoso e dedicado, um avô brincalhão e carinhoso. Um homem de sucesso que nunca perdeu a humildade. 

Pai é uma honra ser sua filha. 

Esse título e de um merecimento enorme. Que você continue sendo um exemplo para todos nós. 

Hoje nosso coração está em festa!! Te amamos

Do primo amigo e como o Daltro, cristinense (de coração) Marco Del Ducca.

Viver é Perigoso

TUDO COMO DANTES


Hoje, o Presidente da Câmara Municipal, o sempre peemedebista Sebastião Silvestre, entregou (devolveu) para o Prefeito, também peemedebista Rodrigo Riera o cheque de R$ 1 milhão sobrando no caixa da Câmara Municipal. 

Faria bem os senhores vereadores se conseguissem convencer o Sr. Prefeito a direcionar a polpuda devolução para a saúde, com especificação do destino e valores.

Sinceramente ? deve ir para o pagamentos de dívidas e para lazer de parte pequena, porém influente da população. É o que tem acontecido nos últimos tempos.

Melhor ainda, caso a visão fosse suficiente, que a Câmara, como prioridade de todos os seres viventes, buscasse um lugar para se instalar. Já tem uma área ao lado do Centro Administrativo e próxima a futura instalação do Fórum Municipal (obras paradas por um problema com a empreiteira).  Nada mais explicável do que dar início a construção.
Ficariam os poderes próximos. Facilitaria para todos.
O prédio atual, que não pertence ao legislativo, seria transformado num centro de cultura, sonho antigo das cabeças pensantes da terrinha.

Mas não... segue-se na busca determinada de uma posição de maior destaque nas próximas eleições.   

Ah! o presidente adiantou que até o final do ano devolverá mais.

É a vida...

Viver é Perigoso 

QUEM DÁ MAIS ?


Fui filiado ao pmdb, hoje mdb, amanhã "db" e daqui uns tempos, possivelmente "b". Sai quando da constatação de o partido tinha dono. Inaceitável.

Fui para o psdb e tudo caminhava mais ou menos, até constatar que o partido tinha dono. Há séculos me afastei de todos.

Na época, na certa considerando os seus interesses, o deputado estadual "majoritário" na cidade (está aí até hoje), mesmo de longe, interferiu no diretório local escalando os seus membros e definindo candidatos. Inaceitável.

Pelo menos os "donos" do meu primeiro partido eram e são da cidade. 

Interferências absurdas aconteceram e acontecem todo tempo nas composições dos diretórios partidários locais. O pessoal há tempos no poder adora um partido para chamar de seu. Quase todos, exceto o pt, estão sob a direção ou defina influência  do pmdb. É do conhecimento geral. 

Basta um pequeno comentário cheirando oposição e "pauzinhos" são mexidos com habilidade impar para deixar o comentarista sem o teto legal.

Confirmando, os partidos não querem dizer nada há muito tempo. Ideologia, compromisso e coerência zero.

Os eleitores pouco se importam com o partido do seu candidato. Mas para os políticos profissionais o domínio é fundamental.

Hoje, já com candidatura lançada e com forte participação nos eventos e shows da cidade, firma-se o Dr. Bob. 
De qual partido ? 
Do psd, até recentemente reduto de oposicionistas e independentes. 
Acontece que o Senador recém-eleito, Carlos Viana, natural de Braúnas, decidiu sobre psd local e anunciou, como dono do partido, que o candidato a prefeito nas próximas eleições será o Dr. Bob.

Sobrando para os seus membros, caso não acatem a ordem, procurar guarida legal em outro canto.

Aliás, quem ousar a proporcionar espaço para os peessedebistas independentes, certamente, cairá em desgraça com o poder político vigente na cidade.

Tivesse disposição avançaria com o tentativa de criar o tão sonhado PAI - Partido Anarquista Itajubense.

É a vida...

Viver é Perigoso