quarta-feira, 22 de maio de 2019

BEAU GESTE


Em votação na Câmara Federal, o ministro da Justiça, Sergio Moro foi derrotado, com a retirada do Coaf - Conselho de Controle de Atividades Financeira das atribuições de sua pasta. Resultado da votação: 228 x 210 votos.

Como até as crianças do Grupo Escolar Rafael Magalhães, na Boa Vista, é claro, já sabiam, o Deputado Dimas Fabiano, com forte estrutura montada na cidade, votou contra a permanência da Coaf  no Ministério da Justiça. O que, historicamente, é perfeitamente entendível.

O Deputado petista Odair Cunha, claro e óbvio, também votou contra. Sabe-se lá a razão, mas os petistas não apreciam muito o Dr. Sérgio Moro.

Ah ! Sim ele estava presente: O Áecio Neves também votou contra o Dr. Moro.

A grande surpresa e razão do "Beau Geste". O Deputado Bilac Pinto, contrariando a orientação do seu DEM votou pela permanência da Coaf no Ministério da Justiça.

Valeu Deputado ! Ainda resta uma esperança.

Viver é Perigoso 

PELO TELEFONE


"O chefe da polícia pelo telefone manda me avisar
Que na Carioca tem uma roleta para se jogar"

"Pelo Telefone" é considerado o primeiro samba a ser gravado no Brasil segundo a maioria dos autores, a partir dos registros existentes na Biblioteca Nacional. Composição de Ernesto dos Santos, mais conhecido como Donga, e do jornalista Mauro de Almeida.

Nada ou tudo a ver. Outro dia, também pelo telefone (Facebook do celular) deparei com uma transmissão ao vivo da Reunião Ordinária da Câmara Municipal (o que é bom). 

Numa rápida passada me chamou a atenção, pelo sotaque diferenciado, um orador não conhecido. Posteriormente alguém adiantou tratar-se do representante da Sicredi, instituição financeira recém chegada na cidade.

Não atentei para a sua oração, mas sim pela utilização da chamada "Tribuna Popular". A Legislação esclarece que ser um espaço reservado na Câmara Municipal de Itajubá durante as sessões ordinárias para exposição de assuntos de interesse público. 

O Regimento em seu Artigo 47 - Item V estende o direito à Tribuna a "Entidades populares e democráticas sem fins lucrativos " 

Tempos modernos: Uma instituição financeira sem fins lucrativos

Nos últimos dias, a Presidência da Câmara, do total disponível de 15 minutos, atendendo a consulta  do Reitor da nossa Universidade Federal para um importantíssimo esclarecimento sobre o corte de recursos federais, colocou a disposição do responsável pela maior entidade do município, curtíssimos 8 minutos. Tempo necessário para que fosse desejada uma boa noite para todos os presente. Óbvio que a disponibilidade foi dispensada.

Passará também para os anais da festeira terrinha o (dizem) maravilhoso coquetel/jantar, oferecido pela Instituição Financeira, nos salões iluminados e musicados do Clube Itajubense, à parte da comunidade local. 
Fotos publicadas mostram que, os políticos em especial, nadaram de braçadas.

Viver é Perigoso

OS PATRIOTAS !


O Sul de Minas está bem representado com seus dois deputados.

É a vida...

Viver é Perigoso