quinta-feira, 24 de janeiro de 2019

MARAVILHA DE VOZ



Viver é Perigoso

NO COLO DA NARIZINHO

Viver é Perigoso

MAIS UM BRASILEIRO DESEMPREGADO


Carlos Ghosn, preso no Japão por fraudes fiscais, foi demitido da presidência da Renault.

Blog: Não sei o porquê, mas no meio de uma multidão dissessem que existia um suspeito de alguma coisa, eu apontaria: é aquele.

Viver é Perigoso

O ÚLTIMO QUE SAIR APAGA A LUZ


Dirão que a culpa é do nosso pessimismo que vem sendo demonstrado desde 2013. Um desastre como esse não acontece de uma hora para a outra. Vem acontecendo.

A atual Administração, não adotou como prioridade a geração de empregos. Os números não mentem e são coletados e publicados para análise e correção de rumo.

Continuarão a bater nas teclas de fontes luminosas, pedalinhos, foguetório, shows caipiras, cinema com estacionamento com carregador de baterias para carros elétricos, etc.

Investimentos importantes, sem dúvida, mas com ordem de prioridade questionável.

Agora já era. Vamos correr e buscar meios para facilitar o deslocamento dos nosso moradores até o Parque Industrial de Pouso Alegre e juntar esforços para não perder mais nenhum posto de trabalho.

Leiam, pensem e chorem:     

De acordo com o dados do Caged, divulgados ontem, pelo Ministério da Economia, o mercado de trabalho brasileiro criou 529.554 empregos com carteira assinada em 2018.
O primeiro resultado positivo anual depois de três anos de retração no emprego também é o melhor desempenho desde 2013, quando foram gerados 1,138 milhão empregos na série com ajustes.

Porém, a geração de empregos nas 10 maiores cidades do Sul de Minas caiu 69,6% em 2018 em relação a 2017. Ao todo, os maiores municípios da região registraram saldo positivo de 1.140 novas vagas de emprego no ano passado contra 3.760 em 2017.

Em 2018, o destaque da geração de empregos ficou com Pouso Alegre, que gerou 1.572 novas vagas contra 829 em 2017. 

Além de Pouso Alegre, registraram geração positiva em 2018 os municípios de Três Pontas (+415), Lavras (+209), São Sebastião do Paraíso (+65) e Varginha (+49). 

Já as cidades de Alfenas (-12), Passos (-16), Poços de Caldas (-117), Três Corações (-309) e Itajubá (-716), registraram fechamento de vagas no ano passado.

Viver é Perigoso

ROUPA SUJA...


O circo estava armado em Davos. Alguns jornalistas estrangeiros e muitos brasileiros aguardando a entrevista programada com representantes da delegação brasileira e entre eles, o Presidente Bolsonaro.

Zero interesse no esclarecimento de temas econômicos, ambientais e outros menos votados. Determinação única de tentar constranger, em Foro Internacional, o presidente eleito, com temas internos, registre-se, mal explicados, da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, que envolvem dezenas de outros políticos, além do seu próprio filho, ex-deputado Flávio.

Questão necessário de ser esclarecida, como todas as outras que envolvem há dezenas de anos, 101% de todos gabinetes políticos da nação. De vereadores até a Presidência da República. Funcionários fantasmas,desvio de salários, nepotismo cruzado e malversação diversas.

Assunto a ser abordado internamente. Como sempre disseram na Boa Vista, é claro, "roupa suja lava-se em casa"

Entendemos todos que o mundo se encontra globalizado, mas que fique claro, que esse "globalizado" não vem de Rede Globo.

Fez bem o Presidente em dar uma sonora "banana" para as aves de rapina que o espreitavam na sala de imprensa.

É a vida

Viver é Perigoso

AQUELE ABRAÇO, MOÇA BONITA


Um abraço Sonia.


Viver é Perigoso