domingo, 8 de dezembro de 2019

ETERNA MISS


Nossa eterna Miss. Luiza Berti Dau, da Boa Vista é claro. Luiza do Sr. Orlando, da D. Sebastiana e do Zé Dau.

Miss Itajubá e, com todo o respeito, uma dos motivos da criação do dito popular "de fechar o comércio". 

Em tempo, hoje será realizado em Atlanta, com transmissão pela TNT e pela Band (com apresentação da Renata Fan, miss Brasil/1999), o concurso de Miss Universo 2019.

Júlia Horta, de 25 anos, é a representante brasileira do concurso. Mineira, Júlia é jornalista e apresentadora.

Só lembrando que o Brasil já venceu o Miss Universo duas vezes, em 1963 e 1968, Ieda Maria Vargas e Martha Vasconcellos, respectivamente. 

Não ganhou (ficou em segundo lugar), a mais famosa de todas as misses brasileiras (exceto para nós da Boa Vista, que consideramos a Luiza Berti Dau), a baiana Martha Rocha em 1954, nos EUA.

Diz a lenda que a perda do o título de Miss Universo para a norte-americana Miriam Stevenson se deu a duas polegadas a mais nos quadris. Martha Rocha tornou-se referência nacional de beleza.

Viver é Perigoso

Um comentário:

Anônimo disse...

Realmente Zé as 3 Bertis, com destaque para a Luiza, eram de fechar o comércio. Saudades da Boa Vista daqueles tempos.