quarta-feira, 11 de dezembro de 2019

DRIVE THRU


Um sucesso inquestionável na terrinha vem a ser a Padaria Morro Chic. Certamente, à custa de muito trabalho, dedicação e atenção dos proprietários e funcionários.

E claro, dos produtos variados e de excelente qualidade.

Mas como todos os empreendimentos de sucesso, tem um aspecto que incomoda. As enormes filas pela calçada afora. Lógico, que o horário da tarde é crítico.

Meu neto João, que mora em Sorocaba, perguntou-me numa de suas passadas por Itajubá e encarando a fila da Padaria Morro Chic:

Vô, por que não instalam na rua ao lado um Drive thru ?

Como todos sabem, Drive thru é um serviço de vendas de produtos, normalmente alimentos fast food, que permite ao cliente comprar o produto sem sair do carro. Também já adotado por empresas de outros ramos de atividade, por exemplo, bancos, farmácias e outros. Drive thru é uma corruptela da expressão “drive-through”, que significa literalmente “através do carro”. O sistema foi inventado em 1931 pelo norte-americano Royce Hailey, quando o seu chefe disse que “as pessoas com carro são tão preguiçosas que não querem sair de dentro dele nem para comprar, pagar e comer”. 

Foi um sucesso.

João, eu disse do alto (ou seria baixo ?) dos meus 72 anos.  Aqui não dá certo. Primeiro porque as pessoas têm o hábito de escolher os pães individualmente. "Por favor, aquele mais branquinho ali. Isso o escurinho ao lado, Cascudo eu não gosto.". 

Ficaria difícil.

Completando disse: o mais complicado é que grande parte das pessoas vão na Padaria Morro Chic, também para se verem. Tornou-se um ponto de encontros visuais e rápidos. Não é uma padaria de bairro. É uma padaria da cidade e caminhando para se tornar uma padaria micro-regional (ontem, de 12 carros vistos estacionados nas proximidades, seis deles tinham placas de cidades vizinhas.

É a vida...

Viver é Perigoso

Um comentário:

Anônimo disse...

Seria resolvido se nis horarios de pico a policia de trânsito colaborasse com sua presença orientando o trafego local, mas.... assim tbem se todas fabricas do distrito terminasse o expediente com horarios diferentes, ajudaria em muito, mas....ninguem ta nem ai pro peixe kkkkk