segunda-feira, 19 de agosto de 2019

SE FOR AGORA, NÃO VAI MAIS !


Gabinete escancarado em Belo Horizonte:

O Custódio Mattos, de Juiz de Fora, Secretário de Governo de Minas Gerais, foi exonerado do cargo hoje à tarde.

No lugar dele deve assumir o Deputado Federal Bilac Pinto, de Santa Rita do Sapucaí e guru-mor do Prefeito de Itajubá Rodrigo Riera.

O cargo de Secretário de Governo é de suma importância. Lembrem-se que no Governo Fernando Pimentel foi ocupado pelo Deputado Odair Cunha, também bastante próximo do Deputado itajubense, Ulysses Gomes.  

Chances para resolver a reforma do mercado, aeroporto, laboratório de extra-alta-tensão e trevo do Jardim das Colinas.

Vamos aguardar a reação da Leandra Machado, aliada de primeira hora do Governador Zema, ao ver a possível subida de prestígio do Prefeito Municipal junto ao governo mineiro.

Pode surgir até uma aliança por aí.

Considerando a ausência de recursos e a situação econômica crítica de Minas Gerais, não acredito em milagres. E mais, o Bilaquinho passa a ser alvo de tiros vindos do passado.

É a vida.

Viver é Perigoso

6 comentários:

Anônimo disse...

Melhor pra Itajuba , Santa Rita , Sul de Minas, agora q tem tudo pra ser o proximo Governador, tem! Deputados? Aqui na terrinha vai ter! 😆

Anônimo disse...

Esse deputadinho aí, já foi secretário (de Ciência e Tecnologia - imagine o que ele deve entender dese assunto), do governo aécio. Alguém sabe de algum feito dele para Itajubá, na época?
Até agora, a única coisa boa que fez para Itajubá, foi nos dar o lixo dos santarritenses de presente, diariamente.

Marco Antonio Gonçalves disse...

Zelador,

essa nomeação mostra que o Governo Zema é só mais um, como tantos outros. Lógico que este cargo tem caráter político e não técnico, mas o nome escolhido mostra que Zema foi engolido pelo sistema. Loteou o Governo de aliados do PSDB, o que jurou não fazer.
Todo o discurso montado pelo Partido Novo já caiu por terra. O Novo (que de novo só tem o nome) é o mais fiel aliado de Bolsonaro na Câmara, até mais que o PSL. O Ministro Ricardo Salles, do Novo, é o mais nefasto deste governo (não conto Damares).
Em janeiro do ano passado, entrevistei Zema durante uma hora. Foram 60 minutos de exposição de ideias completamente fora do comum e da lógica (como privatização das escolas estaduais e vouchers para os pais escolherem onde colocar os filhos) e que, obviamente, não foram e não serão colocadas em prática.
Para Leandra é um balde de água fria. Seu discurso também foi esvaziado. Seu trunfo de ser próxima do governo do Estado em oposição ao prefeito já era.
Bilac já foi poderoso no governo Anastasia e nada fez para Itajubá, apesar de o prefeito dizer que ele é o que mais fez pela cidade desde Theodomiro Santiago. Não fará agora.
o Governo Zema é, como diria Cazuza, o futuro repetindo o passado, um museu de grandes novidades.

Abraço

Anônimo disse...

Esta é a melhor noticia dos ultimos seis anos e oito meses de mandato do Rodrigo Riera. Agora, a sua administração vai deslanchar com a geração de empregos, construção do trevo do Jardim das Colinas, melhora nos servicos de saúde pública, a retomada da obra do aeroporto, e tantas outras obras que o Bilac vai fazer para o seu afilhado político Rodrigo Riera eleger o seu sucessor Christian Gonçalves na prefeitura de Itajubá. Este Rodrigo é um cara de muita sorte.

Anônimo disse...

Para o anônimo de hoje às 06:43 horas:
- você esqueceu da maior obra que o Bilac fez para Itajubá. Quando ele era Secretário de Estado de Desenvolvimento Regional, em 2011, no governo Aécio Neves, e a COPASA estava subordinada à ele, a taxa de tratamento de esgoto que era de 60% sobre o valor da conta de água, passou para 90%. Este aumento absurdo foi outra coisa boa que o Bilac Pinto fez para Itajubá e para outras cidades que tem Estação de Tratamento de Esgoto.

Anônimo disse...

Companheiro das 12:28. A taxa de esgoto antes do tratamento era de 40% do valor da água. Podemos até discutir os valores cobrados pela Copasa. Mas lembre-se: 1- existe uma agência reguladora para definir os preços (Arsae); 2- tratar esgoto é muito, muito caro.