segunda-feira, 25 de março de 2019

TROUXAS DA ESQUERDA

Battisti e os trouxas brasileiros
Em sua admissão de culpa à Justiça Italiana, Cesare Battisti afirmou que mentiu sobre sua participação nos assassinatos e assaltos pelos quais foi condenado na Itália para poder ser recebido por líderes de esquerda nos vários países pelos quais passou, tendo enganado inclusive o ex-presidente brasileiro Luís Inácio Lula da Silva.

Ex-integrante do grupo terrorista Proletários Armados pelo Comunismo (PAC), Battisti admitiu ter participado diretamente de quatro homicídios, sendo que foi o executor material em dois deles e também, de uma maré de roubos e furtos para autofinanciamento.

O italiano também afirmou que já sabia que as coisas mudariam para ele com a eleição de Jair Bolsonaro.

Viver é Perigoso

Nenhum comentário: