terça-feira, 26 de fevereiro de 2019

OUTROS TEMPOS


Por volta de 1860 apareceram em Itajubá alguns casos de demência, cujo número alarmou a população, atribuindo-se então a causa às mordidas de "cães danados".

Na sessão de 11 de maio de 1861, da Câmara, o Vereador Luís Achilles Salomon propunha a matança de todos os cães capturados pelas ruas.

Vinte anos mais tarde, era a Gazeta Comercial", jornal itajubense, que em 11 de setembro de 1881, estampava uma reclamação contra os cães vadios, que terminava com esta exortação:

"BOLA NOS BICHOS ! "

(para os mais novos, "bola" era um pedaço de carne envenenada, criminosamente, atirada  para os cães de rua)

Acentuava, então, a Câmara a gravidade "das mordidas desses perigosos animais", lembrando não haver na cidade, nem nas imediações, "casas para esses tratamentos".

Armelim Guimarães

Viver é Perigoso

Nenhum comentário: