sexta-feira, 8 de fevereiro de 2019

CONTA - GOTAS


1 - Preocupa a saúde do Presidente Bolsonaro.

2 - Preocupa o aparente assanhamento demonstrado pelo Vice-Presidente Mourão.

3 - Preocupa o retorno às atividades do STF

4 - Preocupa a situação financeira insolúvel do Estado de Minas.

5 - Preocupa a série de fatalidades que cerca o País. 

Viver é Perigoso

4 comentários:

Anônimo disse...

O que tem a dizer senhor Zelador?
https://www1.folha.uol.com.br/poder/2019/02/r-380-mil-aqui-pergunta-gerente-de-grafica-onde-psl-afirma-ter-gasto-esse-valor.shtml?utm_source=twitter&utm_medium=social&utm_campaign=twfolha

Gastaram ou não gastaram a vontade? Nada mudou, infelizmente. Aliás mudou sim pra pior.

Edson Riera disse...

Mudou para pior -

Até então, 31 de dezembro de 2018, tudo igual em termos de bandalheiras, na política e com os políticos do País. O Moro está apresentando projeto para punir essas falcatruas. Precisa ser aprovado e lamentavelmente não é retroativo.

Fundo partidário tem que ser extinto.

Zelador

Anônimo disse...

Senhor Zelador!
Nunca se gostou tanto numa eleição pra presidente, como nesta de 2018.
Estive muito próximo de uma pessoa que controlava os gastos de uma empresa que se envolveu em diversas polêmicas durante a campanha. A ordem era gastar o que fosse preciso.
Claro que tudo pelo caixa 2, porque empresa não pode mais doar para campanha eleitoral.
O que vier a tona vai ser só a ponta do iciberg, porque diante do que vem ocorrendo, claro que tomaram cuidados redobrados.

Edson Riera disse...

Cuidados redobrados -

Empresas não têm ideologia. Têm interesses.

Empresas de comunicação, são empresas. E gastaram muito na última campanha em termos de espaço e direcionamento de opiniões.

A esquerda teve oportunidades únicas, principalmente na América Latina, nos últimos 20 anos e naufragou por incompetência e ausência de princípios básicos de seus líderes.

A direita, e espero que não se torne radical (não há muito espaço para isso) veio para ficar uns 20 anos.

É a vida...

Zelador

É a vida.