domingo, 20 de janeiro de 2019

PORQUE HOJE É DOMINGO

Memórias preciosas, anjos invisíveis
Enviadas de algum lugar para minha alma
Como elas permanecem sempre próximas a mim
E o passado sagrado se desenrola

Memorias preciosas, como elas permanecem
Como elas inundam minha alma
Na quietude da meia noite
Preciosas cenas sagradas se desenrolam

Pai precioso, mãe amada
Voam através dos anos solitários
E antigas cenas caseiras da minha infância
Aparecem em memorias afeiçoadas

Memórias preciosas, como elas permanecem
Como elas inundam minha alma
Na quietude da meia noite
Preciosas cenas sagradas se desenrolam

E lembro da minha mãe orando
Papai também, de joelhos
O sol se pondo, sombras caindo
Mas suas orações ainda me seguem

Memórias preciosas, como elas permanecem
Como elas inundam minha alma
Na quietude da meia noite
Preciosas cenas sagradas se desenrolam

Memórias preciosas, preencham minha alma

Viver é Perigoso

Nenhum comentário: