quarta-feira, 8 de agosto de 2018

É SIMPLES MOÇADA !


Imagino que fontes da Administração Municipal correram até um jornal impresso local, como eles mesmos dizem, passaram lá suas informações, que em manchete afirmou que as obras do Laboratório de Extra- Alta tensão não serão paralisadas, etc, etc,etc..

Se foi para ajudar, pioraram a situação. Quem não leu o jornal O Sul de Minas da semana passada, vai, mesmo que só por curiosidade, buscar saber sobre o que está acontecendo com o Projeto, diga-se de passagem, muito interessante para todo o País.

Atualmente no Brasil, por culpa deles mesmos, político aparecer desmentindo alguma coisa já coloca todo o eleitorado de orelha em pé. Não aprenderam ainda a diferença de esclarecer e desmentir.

De certa forma, a Prefeitura não tem muito a ver com o projeto. Doou o terreno para uma obra de grande interesse, assim como doou o terreno para a construção de cinema na cidade. 
Pronto ! daí para diante, como tem acontecido com outros projetos sonhados e a construção do aeroporto, se apresenta como investidora master até o projeto sonhado ser cancelado ou adiado. De imediato passa a ser problemas dos outros.

Mais ou menos, "toma que o filho é teu".

Pelo que lemos no site da Fiemg/Senai-MG, a entidade mineira, por motivos claramente justificados, transferiu a responsabilidade da construção do laboratório para a CNI/Senai/Brasília. Isso é fato.
Está em papel timbrado e impossível de desmentir. 
O Diário Oficial da União, que acreditamos não publicar Fakes, informou do cancelamento de dois editais de concorrências, equipamentos e serviços, do projeto.. 

Uma das licitações revogadas (concorrência internacional 006/2017), diz respeito ao fornecimento, treinamento, supervisão de montagem / instalação e de comissionamento de 1 (um) Sistema Gerador de Curto-Circuito. Para quem não sabe, trata-se praticamente da alma do projeto. Isso não é produto de prateleira.  

Pelas dificuldades econômicas (e políticas), como já vinha sendo adiantado nos bastidores, há séculos, o projeto em questão deixou de ser prioridade para os novos dirigentes da Fiemg.
Registre-se, que os perdedores da última eleição na entidade, têm justo interesse industrial na cidade, são os idealizadores do Laboratório de extra- alta - tensão, embora deslocados do poder em BH, continuam à frente da CNI/Senai em Brasília, para onde as responsabilidades de avançar com o projeto foram transferidas. Logicamente, que para isso, terão que convencer os seus pares.

Bom, algumas atividades já contratadas e em andamento, imagino eu, poderão ter continuidade, mas, logicamente o cronograma deverá ser revisto e possivelmente esticado. 

A própria Prefeitura, como doadora da área para construção do laboratório, quietamente, aprovou a menos de 90 dias, na Câmara Municipal, o Projeto de Lei 4312/2018, concedendo para a entidade investidora (Senai/MG), mais 4 anos, que adicionados aos 5 anos inicialmente concedidos darão um total de nove anos de prazo para para a conclusão do projeto.

Portando, ou não leram e analisaram o pedido de extensão do prazo ou deram uma de, como dizem na Boa Vista, é claro, de migué.

Por dificuldades de orçamento, comenta-se que o governo federal estaria cancelando milhões de reais de recursos reservados para os projetos de pesquisas. Com novos responsáveis pelo governo (ninguém sabe quem) a partir de janeiro. Com a arrecadação despencando (origens dos recursos do Senai), nada como as valentes autoridades municipais darem as explicações necessárias e continuar lutando para conseguir  junto aos candidatos, com chances de vitória nas próximas eleições, o compromisso de não desviarem os olhos do grande projeto.

Simples assim. Um pouco de humildade não faz mal para ninguém. 

Que corremos o risco de ter um novo projeto se arrastando como o do aeroporto, não tenham dúvidas. 

Por oportuno, podem começar a procurar um novo culpado, que de forma alguma pela sua simplicidade e alcance, será um blog.

Passar bem.

Viver é Perigoso 

É ATÉ COVARDIA !


Como esperar mudanças nas Câmaras de deputados ? Só sonhando.

Renovação só com candidatos metidos a herói.

Aqueles que estão esquentando as poltronas, já há séculos, com 3, 4 e 5 reeleições nas costas (ou seria nos bolsos), com certeza, já negociaram para a campanha um substancial quinhão no chamado Fundo Partidário, durante o período de visita aos seus cercadinhos eleitorais continuam a receber integralmente os seus salários, verbas de gabinete, batalhão de assessores contatando entidades, lembrando-as de emendas parlamentares destinadas no passado, pedindo votos e adiantando favores.

Despesas de viagens ressarcidas, gasolina, refeições e oxalá, subsídios para contratação de cabos eleitorais temporários.

Gordos, felizes, temporariamente sem ternos e gravatas, camisas sociais de grife, com duas ou três dobrinhas nas mangas, dando ideia de ação, movimento, trabalho.

E o novo candidato ? Praticamente sem ajuda nenhuma. Gastando do próprio bolso e com apoio de amigos.

Luta ingrata. 

Viver é Perigoso

TIETÊ ATÉ JABAQUARA


Li outro dia o Carpinejar. "Cuide dos pais antes que seja tarde ". Leitura curta e tremendamente emotiva. Deu para ler da estação  Jabaquara do Metrô até a estação Jabaquara. Com lágrimas e saudade.

Começa bem na primeira linha: "Não quero mais ter razão na vida, só quero ter amor,  e segue:
 Perdi muito tempo pela vaidade das ideias. Perdi muito tempo do afeto paterno e materno. O que importa é estar junto para o que der e vier. Família não é para concordar, mas para apoiar qualquer que seja o caminho adotado. 
Fui descobrindo que não estava sendo um bom filho. Até era um bom pai, um bom marido, um bom amigo, mas filho não. Deixava os meus pais por último para telefonar e visitar. Eles podiam esperar. Será ? Saudade que não é praticada vira ressentimento. Palavra que não é dita se isola em orgulho. Hoje vejo o tamanho do meus despreparo.

E a leitura segue com beliscões doloridos.

Em tempo: Temos sido excepcionalmente bem cuidados pelos nossos filhos.

Viver é Perigoso

AMIGO É PARA ESSAS COISAS

Viver é Perigoso

PAMONHAS, PAMONHAS, PAMONHAS...


Nós, pamonhas assumidos, estamos sendo delicadamente extorquidos por maganões engravatados.

O TSE - Tribunal Superior Eleitoral divulgou o valor exato do fundo que será repartido entre os 35 partidos existentes: R$ 1.716.209.431,00. Isso mesmo:

Um bilhão, setecentos e dezesseis milhões, duzentos e nove mil, quatrocentos e trinta e um Reais !

Veja quanto partido deverá receber:.

MDB - R$ 234.232.915,58
PT - R$ 212.244.045,51
PSDB - R$ 185.868.511,77
PP - R$ 131.026.927,86
PSB - R$ 118.783.048,51
PR - R$ 113.165.144,99
PSD - R$ 112.013.278,78
DEM - R$ 89.108.890,77
PRB - R$ 66.983.248,93
PTB - R$ 62.260.585,97
PDT - R$ 61.475.696,42
SD - R$ 40.127.359,42
Podemos - R$ 36.112.917,34
PSC - R$ 35.913.889,78
PCdoB - R$ 30.544.605,53
PPS - R$ 29.203.202,71
PV - R$ 24.640.976,04
PSOL - R$ 21.430.444,90
Pros - R$ 21.259.914,64
PHS - R$ 18.064.589,71
Avante - R$ 12.438.144,67
Rede - R$ 10.662.556,58
Patriota - R$ 9.936.929,10
PSL - R$ 9.203.060,51
PTC - R$ 6.334.282,12
PRP - R$ 5.471.690,91
PDC - R$ 4.140.243,38
PMN - R$ 3.883.339,54
PRTB - R$ 3.794.842,38
PSTU - R$ 980.691,10
PCB - R$ 980.691,10
PCO - R$ 980.691,10
PPL - R$ 980.691,10
Novo - R$ 980.691,10
PMB - R$ 980.691,10

Dica: Ivan Magalhães (grande amigo)

Viver é Perigoso

CARTA QUE RECEBI

06/8/2018

Caro Amigo

Sinceramente não acredito que haja estas denominações (esquerda/direita/centro) neste país. 
Entendo que aqui há aqueles que querem o "poder pelo poder" através de mentiras e malfeitos; e aqueles que almejam o poder para mostrar que sabem mentir melhor do que os outros. As mentiras são a bandeira principal da maioria dos candidatos e eleitos.
 
A razão principal: viver nababescamente com os esforços e trabalho de uma população metida a besta, que vive de aparências.
 
É uma triste realidade na América Latina (ou "Latrina" como alguns nos apelidam pela corrupção).

Todas essas denominações são para esconder o mal maior: manter o povo sem educação, sem saneamento básico e sem poder opinar corretamente nas eleições. A maioria se vende por um punhado de reais ou de batatas ou de mortadela. O mais bizarro são os professores, jornalistas e artistas.

Tudo isto se chama: IMUNIZAÇÃO COGNITIVA

Por que mesmo com tantas provas contra o político presidiário e tantos outros políticos, eles não caem na real, como acontece, por exemplo, com os eleitores, que nunca mais votarão nele, por que com o líder preso as pessoas que são eleitores do molusco continuam apoiando ladrões comprovadamente condenados em duas instâncias?

Entenda cientificamente como a neurociência explica isso! 

Os estudiosos explicam com a imunização cognitiva...ou lavagem cerebral, porque fazem parte da turma de aproveitadores das migalhas e não gostam de trabalhar para o bem da nação. e POR AÍ VAI..

Caro amigo, desculpe-me por tomar o seu espaço. Mas está difícil suportar quase todos os candidatos, na mesma lenga-lenga de sempre! O único que desafiou e até enquadrou todos os jornalistas nos programas Roda Viva e na Globo (Old )News (raras exceções como o Fernando Gabeira) foi aquele que chamam pejorativamente de capitão do exército, mas que o único que fala o que pensa direto nos ouvidos dos entrevistadores.

Um abraço,

Antonio Márcio Curi

Blog: Comentário recebido pela internet de um grande amigo e professor a quem devo muitos ensinamentos e orientação.

Viver é Perigoso