sábado, 28 de abril de 2018

MOÇA BONITA

Bar Refaeli
Viver é Perigoso

NOSSA ESCOLA - O CONVITE


A crise entre reitoria, professores e estudantes do campus de Itabira da Universidade Federal de Itajubá (Unifei) repercutiu na reunião da Câmara Municipal (Itabira) da última terça-feira (24). O vereador André Viana (Podemos) entrou com requerimento, já aprovado, convidando o reitor Dagoberto Alves de Almeida a comparecer à Casa e explicar o que está acontecendo.

Diz o "Vila de Utopia" :

O reitor não é obrigado a comparecer na Câmara, mas ao aceitar o convite terá uma boa oportunidade para se fazer também um balanço dos dez anos da criação, pelo governo federal, do campus avançado da Unifei em Itabira, completados no dia 22 de abril.
Será, ainda, um bom momento para o reitor conhecer Itabira, até mesmo para se fazer um roteiro turístico, indo por exemplo ao Memorial Drummond, de onde se tem uma vista panorâmica das minas e da cidade.

Blog: Boa oportunidade. Convite de amigo da onça.

Viver é Perigoso

BONS TEMPOS



Em uma mensagem no instagram, os quatro membros do ABBA anunciaram que se reuniram em um estúdio e, surpresa, gravaram duas novas canções: “Foi como se o tempo tivesse parado e somente tivéssemos tirado umas férias curtas. Uma experiência extremamente prazerosa!”

É, sem dúvida, mais do que esperavam seus seguidores obsessivos, que festejam que – com as duas novas faixas – a obra do ABBA chegue a cem canções. Embora não se trate de uma reaparição plena: não se espera um disco inteiro nem há shows previstos.

Nos 35 anos que se passaram desce o anúncio de sua “parada”, em dezembro de 1982, o quarteto rejeitou ofertas espantosas – falou-se em bilhões de dólares – para voltar a sair em turnê, embora tenham aprovado para o primeiro semestre de 2019 um espetáculo de “realidade virtual” que tem todo o jeito de se basear em hologramas: essa tecnologia será utilizada para apresentar uma das novas canções, “I Still Have Faith in You”, em um especial de TV previsto para o final deste ano.

El País

Viver é Perigoso

MAIS UMA LEI QUE "NÃO PEGOU"


Ficamos sabendo diariamente de Leis Municipais que aparentemente "não pegaram". A tradicional agressão sonora executada anualmente (e vez por outra) está acontecendo por ocasião da Exposição de Animais. Então, por ordem de alguma autoridade, durante uma semana a Lei, ou Leis (existe também a 1795 de 02/5/1991) são suspensas.

O barulho, que lembra vagamente algum estranho gênero musical, acompanhado de enorme quantidade de propaganda e elogios ao pessoal responsável, inicia-se próximo da 23:00 horas e avança pela madrugada, até as 03:00 e 04:00 horas.

No ano passado o sensibilizado presidente do Sindicato Rural sugeriu que os incomodados pelo ruidoso evento, viajassem na época.

Bom, como a Lei 3.200 de 6/9/2017 foi idealizada pelo Vereador independente Marcelo Krauss, pode ser que o sancionamento da mesma tenha sido "engolido" pelo Executivo e  cobrar o cumprimento dela seria assunto para outras conversas. 

LEI MUNICIPAL Nº 3.200, DE 6 DE SETEMBRO DE 2017

“Dispõe sobre a perturbação do sossego e dá outras providências”.

Rodrigo Imar Martinez Riera, Prefeito do Município de Itajubá, Estado de Minas Gerais, usando das atribuições que lhe são conferidas por lei, faz saber que a Câmara Municipal aprovou e ele sanciona a seguinte Lei:

Art. 1º Esta Lei estabelece regras de polícia administrativa de ruídos não industriais, comerciais ou institucionais, tendo por objetivo garantir a saúde psíquica dos cidadãos, o sossego e o bem-estar públicos no âmbito do Município de Itajubá.

Art. 2º É proibida a emissão de sons, ruídos ou vibrações que causem incômodos ou perturbação ao sossego, de natureza não industrial, comercial ou institucional, advindos de imóveis ou veículo de qualquer espécie.

Enfim, sobreviveremos.

Viver é Perigoso